Escolha uma cor para o fundo:  

O Colapso Moral Continua: A Exploração Erótica das Meninas e das Pré-Adolescentes

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

Os esforços de grupos como a NAMBLA (Associação Norte-Americana Para o Amor Entre Homens e Meninos) e dos ciganos estão aparentemente sendo coordenados por forças invisíveis no Congresso americano para forçar a redução na idade para o sexo consensual para somente oito anos. O debate sobre os sites de modelos pré-adolescentes que aparecem em poses provocantes é provavelmente o Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento em operação. Saiba também como e por que a indústria da moda infanto-juvenil está promovendo a sexualização precoce das meninas, para gáudio dos pedófilos.

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia-a-dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


Dando uma Guinada em Direção à Sociedade de Sodoma e Gomorra

Qualquer analista da sociedade ocidental sabe, observando as notícias nestas duas últimas décadas, que Sodoma e Gomorra estão renascendo das cinzas. Os padrões sexuais estão sendo obliterados, tanto nos círculos heterossexuais e homossexuais. A maioria das pessoas pensa em Sodoma e Gomorra como sendo culpadas unicamente do pecado homossexual, mas claramente esse não é o caso. Como Sodoma glorificava o sexo, meninos com homens, você pode apostar que também encorajava o sexo de meninas com homens. Na verdade, veja como o Holman Bible Dictionary descreve a relação completa de pecados pelos quais Deus destruiu aquelas duas antigas cidades.

"As lascívias desnaturais dos homens de Sodoma (Gênesis 19:4-8; Judas 7) deram origem ao termo moderno sodomia, mas a cidade era culpada de uma variedade de pecados, incluindo soberba, opressão aos pobres, ociosidade e 'abominações' (veja Ezequiel 16:49-50).

Você compreendeu? Esse dicionário bíblico diz que Deus destruiu a cidade porque ela era culpada de uma "variedade de pecados", que Deus considerava 'abominações'. Quando você examinar cuidadosamente o relato bíblico sobre Sodoma, quando os anjos de Deus na forma de homens vieram à casa de Ló, verá que a sociedade de Sodoma não "protegia" as crianças da atividade sexual da forma cuidadosa como nossas leis escritas agora protegem. Vamos estudar rapidamente a Escritura pertinente para obter essa visão.

Gênesis 19:2-11. Os santos anjos de Deus [que tinham tomado a forma de homens] enviados para resgatar Ló e sua família antes de Deus destruir as cidades, passaram a noite na casa de Ló, onde ele lhes preparou uma refeição. No verso 4, vemos o tipo de espetáculo que aconteceu. A população homossexual de toda a cidade, tanto jovens quanto velhos, cercou a casa, para exigir que os visitantes viessem para fora. Por que queriam que aqueles anjos disfarçados saíssem? Para que pudessem fazer sexo com eles! Agora, espere um minuto! A população homossexual que estava do lado de fora da casa de Ló pretendia fazer sexo grupal com aqueles homens em público! Em público! No nosso país ainda temos leis que proíbem atos sexuais em lugares abertos, em público. Muitos pontos de parada nas rodovias foram fechados porque homens homossexuais estavam se encontrando lá para fazer sexo. Temos leis que teriam feito aqueles homens de Sodoma temerem fazer sexo em locais públicos.

Portanto, como aqueles homens não demonstravam receio de serem presos, podemos unicamente concluir que, antes desse evento, as leis de Sodoma tinham sido mudadas, permitindo atos sexuais em público, as leis conferiram um manto de proteção social para o sexo em público! Entretanto, observe que os "jovens" de Sodoma também estavam entre aqueles que cercaram a casa de Ló para exigir sexo em público com os anjos de Deus que estavam na forma de homens. Portanto, os jovens estavam desejando sexo com os anjos e, é claro, esperavam reciprocidade sexual deles.

Hoje, com nossa sociedade ainda impondo a moralidade judaico-cristã, chamamos esse tipo de atividade sexual com jovens de "pedofilia". O Novo Dicionário Aurélio define 'pedofilia' da seguinte forma: "Parafilia representada pelo desejo forte e repetido de práticas sexuais e de fantasias sexuais com crianças pré-púberes".

Quem classificou as relações sexuais com crianças de "desnaturais" e as proibiu? Deus, falando por meio de sua Bíblia Sagrada. Portanto, esse dicionário está refletindo os valores judaico-cristãos predominantes na sua definição do termo. Uma vez que você saia dos valores judaico-cristãos, essa definição muda, exatamente como ocorreu em Sodoma. Além disso, como indicamos no artigo anterior, N1707, sobre os irlandeses errantes, os ocultistas não reconhecem nenhum dogma espiritual, especialmente no que se aplica à atividade sexual; acreditam que o homem é apenas um animal com necessidades sexuais a serem satisfeitas, necessidades que precisam ser atendidas com qualquer um a qualquer tempo, sob quaisquer condições. O objetivo da NAMBLA é forçar uma mudança nas leis que regulam a atividade para permitir sexo com crianças de apenas oito anos de idade!

A divisa deles é "Sexo antes dos oitos, antes que seja tarde demais" [Nota: Essa frase forma uma rima em inglês].

Demonstraremos que essa divisa parece ser secretamente a força que está por trás da sempre crescente indústria da pornografia infantil. Hoje, enfocaremos o surgimento dos sites de modelos infantis e pré-adolescentes, e sobre a influência que estão tendo na indústria do vestuário que está sendo oferecido às crianças. Esses sites na Internet estão forçando a discussão sobre o que é aceitável e o que é inaceitável. Ao revisarmos a reação adversa contra esses sites de pornografia suave com meninas, veremos se a batalha que está se desenvolvendo é a operação do Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento.

Definição do Problema — A Exploração das Adolescentes e das Pré-Adolescentes

Resumo da Notícia: "Os Sites das Meninas Modelos Estão Cruzando a Linha?", Julia Scheres, Wired News, 23 de julho de 2001.

"Amber parece ser com uma típica menina de onze anos, que gosta de cavalos e odeia as tarefas. O site dela na Internet mostra-a abraçando um coelho branco de pelúcia e brincando vestida. No entanto, o site também contém fotografias que estão disponíveis apenas aos membros que pagam uma assinatura. Por US$ 25 por mês, os fãs de 'Lil Amber' podem admirar as fotos da menina timidamente erguendo sua minissaia ou posando de biquíni em um tapete de pele artificial de urso. Por US$ 50, podem adquirir um vídeo de Amber 'dançando e posando' em modelos que deixam pouco à imaginação... Os grupos de vigilância dizem que os sites sugestionam serem de pornografia, mas a Webe Web argumenta que eles constituem um empreendimento perfeitamente legal."

"'Isto definitivamente não é pornografia infantil de forma alguma', diz o porta-voz da Webe Web, Evan Gordon. Nenhum dos nossos sites mostra crianças nuas.'"

"Gordon disse que os sites de modelos infantis foram inspirados por uma festa de aniversário oferecida para a filha de nove anos de um amigo. As fotos de uma festa temática das Spice Girls foram publicadas na Internet, e dentro de uma semana eles estavam tendo 20.000 páginas acessadas por dia. "Decidimos ver se havia um mercado para isso, e havia', disse Gordon".

"As imagens em sites como o de Lil Amber estão dentro de uma área juridicamente cinzenta, disse Parry Aftab, um advogado e diretor dos Cyberangels, um grupo de segurança e educação na Internet. 'Isso é profunda e absolutamente ofensivo, e acho que invocaria abuso infantil, mas provavelmente não é ilegal', disse Aftab."

Retórica à parte, esse tipo de pose tímida definitivamente apela a um interesse de desvio sexual, provavelmente exclusivo em homens. Como citamos anteriormente, a definição de pedofilia é "desejo forte e repetido de práticas sexuais e de fantasias sexuais com crianças pré-púberes". Obviamente, quando Amber levanta sua minissaia, está deliberadamente fazendo um apelo erótico a um pedófilo, uma pessoa que tem um "desejo forte e repetido de práticas e fantasias sexuais com crianças". Entretanto, essa era a situação em Sodoma, não era? A atividade sexual entre homens e meninos está obviamente presente no relato bíblico; se os jovens eram encorajados desde cedo a terem relações sexuais, as meninas também eram. A sociedade ocidental hoje está caminhando em direção a essa realidade, e esses sites de modelos pré-adolescentes representam "a vanguarda" das forças que estão rasgando o tecido moral judaico-cristão tradicional e que sempre protegeu a inocência sexual das crianças.

Outras pessoas que examinaram o site de "Lil Amber" notaram o interesse do desvio sexual que está sendo estimulado, e questionaram se aquilo era feito de forma deliberada. Retornemos à matéria da Wired, referida anteriormente.

"Enquanto isso, o controverso fotógrafo Jock Sturges continua a vender fotos de crianças nuas, a despeito de uma batida do FBI, piquetes de populares irados e uma investigação policial. Sturges, contactado por correio eletrônico durante uma sessão de fotos na França, examinou os sites da Webe Web e concluiu que o propósito deles era menos que inocente. 'Seja lá qual tenha sido o propósito original desses sites, é bem claro que foram criados para um público-alvo com inclinações para a pedofilia', Sturges escreveu."

Quando um fotógrafo que definitivamente já ingressou no mundo da pornografia infantil reconhece que esses sites "mais suaves" apelam aos pedófilos, podemos ver claramente a verdade sobre o objetivo final da mãe de Amber quando criou o site e escolheu as fotos que publicou nele.

Quão grande é esse problema? Existem apenas alguns poucos sites que promovem fotos sexualmente insinuantes de pré-adolescentes, ou é uma avalanche? Veja novamente:

"O FBI, que recusou ser entrevistado para esta matéria, está tendo dificuldades para monitorar toda a provável pornografia infantil que está sendo distribuída pela Internet. O número de casos abertos pela Iniciativa Nacional das Imagens Inocentes, da agência, saltou 1264% entre os anos de 1996 a 2000, de acordo com o site do FBI. Grupos como os Cyberangels e Pedowatch estão ajudando a tirar o atraso, arrolando milhares de voluntários no mundo inteiro para vasculharem a Internet à procura de imagens ofensivas com crianças."

Em outras palavras, esse problema está tão disseminado, que está literalmente explodindo na Internet. Nossa sociedade tem homens o suficiente com inclinações para a pedofilia que os sites na Internet dedicados a esse tipo de material estão se multiplicando exponencialmente. Os observadores sociais há muito tempo defendem a idéia que toda sociedade tem "janelas" que mostram o interior da alma daquela sociedade. As artes e o entretenimento são uma janela, e a indústria da moda é outra. Um judeu sobrevivente do Holocausto, o Dr. Wolf Wolfensberger, escreveu um livro intitulado The New Genocide of Afflicted and Handicapped People, em que conta como os cidadãos alemães "comuns" puderam participar de forma voluntária no genocídio organizado pelos nazistas. Ele concluiu que, quando os símbolos da morte — caveiras, esqueletos, cenas do Inferno — aparecem na seção de Artes e Entretenimento dos jornais de uma sociedade, você pode ter a certeza que os membros daquela sociedade já estão matando os cidadãos "depreciados".

Acreditamos que essa exploração das meninas pré-adolescentes na Internet em poses insinuantes enquadre-se nessa área da "janelas da alma". Você pode dizer muito sobre o tipo de sociedade em que nos tornamos examinando esses sites. A sociedade ocidental está se tornando mais e mais como Sodoma e Gomorra a cada dia.

Um dos fatos mais tristes sobre muitos desses sites exploradores é que são criados pelas próprias mães das meninas que estão à mostra! Veja como a mãe de Amber defende suas ações:

"Há tanta obscenidade na Internet, estamos exatamente no extremo oposto... Digamos apenas que da sua porção nos ganhos, ela poderia se matricular na Faculdade de Medicina sem precisar recorrer a um financiamento estudantil... Se eles gostam de assistir ao vídeo de uma menina assando biscoitos e acham isso excitante, essa é uma doença deles, não nossa."

Logicamente, essa mãe nunca tenta defender as fotos de sua filha levantando a minissaia de forma sedutora, mas prefere defender uma pose mais inocente da menina assando biscoitos. A mãe está claramente disposta a ganhar muito dinheiro para si mesma e para a filha e, bem possivelmente, viver uma vida por meio de Amber lhe dá alguma forma de satisfação sexual.

Alguns fatos pertinentes falam por si mesmos, como vemos voltando novamente à matéria da Wired:

"Embora Webe Web e a mãe de Jessi digam que não saibam qual é o perfil demográfico dos assinantes, uma rápida olhada nos fã-clubes virtuais das meninas torna isso bem claro: Homens com apelidos como 'Colo_do_Papai'. Em um dos fã-clubes de Amber, outro assinante de nome sugestivo escreve: "Somente temos uma idéia do potencial dela quando inicia uma dança do ventre, mas então ela rapidamente volta a fazer algo mais infantil. Algumas vezes você pode ouvir o fotógrafo ficar excitado quando ele nos dá aquilo que ele e nós queremos. Ela faz algum movimento insinuante muito bom e nós o ouvimos dizer rapidamente "Isto!!", ou "Repita!!".

O artigo continua:

"Os sites da Webe Web também têm vários sistemas de pesquisa de sites para adultos e links para sites com material para pedófilos. A mãe de Jessi disse que ficou "admirada" de ver que o site de sua filha tinha um link para Fresh Petals, um foro dedicado aos que sentem atração por "meninas pré-púberes".

Não pode haver dúvidas que esses sites são criados para apelar aos homens pedófilos.

Exemplo de um Site: Child Super Model

Vamos agora examinar os sites em questão. O "Child Super Model" está em http://www.childsupermodels.com

Se você é homem e sente a mínima atração por meninas, recomendamos que pule esta seção; entretanto, se não se enquadra nessa categoria e deseja ver por si mesmo o tipo de pornografia infantil suave que está afligindo os EUA atualmente, oferecemos o endereço desse site para ajudar na sua compreensão.

Duas coisas que me impressionaram quando a página inicial desse site apareceu na minha tela:

  1. O quanto a garotinha no meio se parece com Jon Bennet Ramsay. Lembre-se desse fato na parte final deste artigo.

  2. As idades das meninas que aparecem no site me deixou espantado. "Um site para promover modelos de 7 a 16 anos e seus fotógrafos" aparece diretamente abaixo da figura das três meninas.

Ao vasculhar as fotos das 27 meninas apresentadas, observei que enfocam as áreas do corpo feminino tão ardentemente desejadas e exibidas na pornografia de adultos. Essas figuras não são de meninas "assando biscoitos"! Sem desejar assinar um dos sites, só pude ver as fotos na página atrás da principal, mas estava claro para mim que o propósito desses sites é apelar aos homens cujo interesse sexual é por meninas pré-adolescentes.

Outra coisa que observei é que os links oferecidos na página inicial redefiniam o termo "adolescente" para doze anos de idade. Muitas pessoas e instituições dentro da nossa sociedade atual estão redefinindo as palavras-chave. Por exemplo, aqueles que defendem o Direito ao Aborto redefiniram "bebê" para "feto", ou "massa de tecido". O assassinato de adultos que estão doentes ou deficientes foi redefinido para "eutanásia" ou "morrer com dignidade". Os comunistas são os mestres consagrados da redefinição, pois disfarçaram a verdadeira natureza de seu modelo satânico durante várias décadas, convencendo milhões de pessoas crédulas no mundo inteiro que seu sistema era inerente e moralmente superior ao velho e nojento capitalismo; somente após a Segunda Guerra Mundial é que as pessoas viram os milhões que Stalin matou e as vítimas executadas na China. Hitler redefiniu os termos de forma tão engenhosa que realmente convenceu os alemães que os judeus eram seres nocivos, menos que humanos, e dignos de morrer. Agora estamos no processo de redefinição da palavra "adolescente"; dada a pressão internacional ainda oculta de reduzir a idade do sexo consensual para os oito anos, você pode somente assumir que essa redefinição particular é a salva inicial de tiros nessa batalha.

Definição do Problema — As Roupas da Moda Para as Adolescentes e Pré-Adolescentes Despertam Interesses Lascivos

Se esses sites "pré-adolescentes" fossem apenas um problema isolado, então não deveríamos esperar descobrir esse tipo de sexualização das meninas aparecendo em nenhuma outra parte na sociedade; entretanto, se esses sites refletem mudanças que já estão ocorrendo na nossa sociedade, então devemos esperar ver outras ocorrências em que as meninas estão sendo levadas a se vestirem de forma provocativa pelas próprias mães! Vemos esse tipo de fenômeno ocorrer na sociedade atual? Pode apostar que sim, e você perceberá que essa tendência para a sexualização das crianças está muito mais ampla e profunda do que imaginaria ser possível!

Vejamos um artigo que apareceu quase dois anos atrás em um site de Nova Era, o Rense.com; essas mães estão escrevendo para Jeff Rense para expressar sua indignação com as roupas sugestivas que estão encontrando nas lojas de varejo. Veja:

Resumo da Notícia: "Roupas Para Meninas Com Legendas com Conotação Sexual", 31/1/01, Rense.com.

"Estou escrevendo por que estou muito preocupada com uma camiseta para meninas na seção infantil da loja Target. Ela começa com o tamanho 4/5, o tamanho que minha filha de três anos veste, e diz, 'Hottie' ['Safadinha'] em letras na forma de chamas. Sempre achei que as roupas das meninas deles eram um pouco 'vulgares', mas logotipos sexuais em roupas para meninas em idade pré-escolar estão além do que é aceitável."

"Esta é uma cópia de uma carta que enviei ao serviço on-line do Atendimento ao Cliente da Target: 'Atualmente vocês têm camisetas para meninas 'Xhiliration', tamanhos 4/5 até 12/14. O tamanho 4 serve para minha filha de três anos, mas nunca permitiria que ela vestisse aquilo. A frente da camiseta traz a palavra 'Hottie' ['Safadinha'] em letras na forma de chamas. Existe alguma conotação não-sexual de 'safadinha' que eu não conheça? Vocês acham que essa é uma roupa apropriada para uma criança de três anos? Será se as roupas para meninas estão sendo desenhadas por PEDÓFILOS?

Essa mãe indignada conhecia bem a conotação dessa camiseta fabricada para sua filha de três anos de idade, e conhecia exatamente o tipo de interesse pervertido que essa camiseta excitaria. Entretanto, ela não deixou de fazer outras reprimendas, como sua próxima frase revela:

"Imagine um grupo de crianças brincando na praça e sendo observadas por um pedófilo. Ele vê uma pré-escolar vestida com uma camiseta que diz 'Safadinha' e pensa, "Ai está uma mulher para mim'. Isso é responsabilidade social? Que tipo de mensagem você estão tentando passar para as meninas? Que da pré-escola em diante, o valor de uma mulher é medido pela sensualidade que ela possui? O que vocês vão lançar em seguida? Vestidinhos cor-de-rosa dizendo 'Cadela'? Vocês também têm blusas para pré-adolescentes que dizem "Louca Por Meninos".

Em outras palavras, essa mãe indignada estava preocupada que qualquer menina de três anos que vista tal camiseta se tornaria alvo para um pedófilo que estivesse à espreita! Todos trememos quando tomamos conhecimento de um incidente em que uma menina foi seqüestrada, estuprada e possivelmente até morta por um pedófilo. Quantas mães dessas vítimas não vestiram uma dessas camisetas em suas filhas naquele dia, o que chamou a atenção do pedófilo? Não pense que estou tentando lançar a culpa na vítima, mas essa mãe está certa: os pedófilos são atraídos pelas vítimas desses modos.

Procedimentos de Aquisição de Mercadores em uma Cadeia de Lojas de Varejo

O simples fato que esse tipo de roupa sugestiva seja vendido pelas lojas Target também diz muito para mim, dada minha experiência de 27 anos em Gerência de Varejo. Trabalhei para um concorrente da Target, e até cheguei a ser contatado por algumas firmas de seleção que estavam procurando pessoal para aquela cadeia de lojas. Os compradores da Target de todos os bens da moda — roupas, brinquedos, materiais esportivos — precisam prestar atenção às tendências dentro da sociedade. Esses compradores perdem seus empregos se não detectarem uma tendência logo no início, maximizarem as vendas e os lucros, e então pularem fora antes que a tendência entre em declínio.

Os compradores de roupas da Target visitam os mercados no exterior, especialmente no Oriente, mas também na América do Sul e na Europa. Eles são recebidos em jantares em restaurantes caros, bebem bons vinhos e são tratados como príncipes pelos fabricantes. No entanto, na manhã seguinte ao lauto jantar, esses compradores terão frias reuniões de negócios com os representantes de vendas das fábricas com um único objetivo em mente: determinar como maximizar as vendas, os lucros, o giro do estoque para o próximo ciclo de compras, normalmente no ano seguinte.

Para os compradores das Lojas Target terem esse tipo de roupa, significa que precisaram ver dados mercadológicos persuasivos de que um número significativo de mães estão comprando roupas com conotações sexuais para suas filhas. No varejo, quando uma pessoa faz uma compra, essa compra é registrada como uma demanda por aquele produto. Portanto, estudos tiveram de ser apresentados aos compradores da Target que demonstravam que essa tendência era muito forte no varejo de roupas especiais.

No entanto, o comprador não é o último a tomar a decisão sobre uma linha em particular, um produto em particular, para uma única estação de vendas. Todos os compradores reportam-se ao Gerente de Produtos, que é basicamente um "mastigador de números"; em outras palavras, ele se preocupa unicamente com o resultado final. Ele quer vender o máximo com a mais alta margem possível, e terminar a estação com o mínimo saldo em estoque. Os Gerentes de Produto são homens de negócios duros e inflexíveis, que não se deixam levar pelas emoções em uma nova linha de produtos, como talvez ocorresse com um comprador. Ele precisa ser persuadido unicamente por evidências empíricas que esse tipo de produto venderá o suficiente para contribuir para as vendas e a lucratividade da empresa varejista.

Finalmente, poucas pessoas fora do Gerenciamento de Varejo podem compreender adequadamente a quantia de dinheiro necessária para colocar uma linha de produtos em todas as lojas Target no país inteiro. De acordo com os dados da Target, eles têm 1104 lojas em 47 estados americanos. Se uma linha de camisetas com conotação sexual é vendida por US$ 9,99, o custo provavelmente foi de US$ 3, entregue no depósito da loja. Como a maioria dos compradores compra roupas em variedades, podemos assumir que eles fizeram isso aqui também.

Vamos assumir que uma camiseta que diz 'Safadinha' era parte de uma variedade de dizeres com conotação sexual. Podemos seguramente assumir com segurança que tal variedade contenha seis dizeres em seis combinações de cores e seis tamanhos diferentes, dando um total de 216 camisetas por loja, a US$ 10 no varejo. A loja mediana teria US$ 2160 nessas camisetas, no valor de varejo e um custo de US$ 648. Como existem 1104 lojas Target nos EUA, a companhia se comprometeu a comprar 238.464 camisetas com dizeres com conotação sexual, avaliadas em US$ 2.384.640 no varejo. e custando US$ 715.392!

Com um comprometimento tão grande em apenas uma camiseta, os executivos duros e inflexíveis não vão arriscar pôr sua assinatura em um contrato para comprar camisetas com legendas com conotações sexuais a não ser que estejam plenamente persuadidos pelos frios dados empíricos que existe uma demanda suficiente dentro da clientela e que essas 216 camisetas em cada loja terão um sucesso de vendas de pelo menos 95%.

Portanto, o simples fato de você vir esse tipo de camiseta com legendas com conotação sexual em uma loja de roupas significa que nossa sociedade está consumindo fortemente esse tipo de camiseta destinado a meninas de 3 a 8 anos de idade, um grupo etário em que a mãe é quem toma as decisões de compra. Assim, essa "janela da nossa alma" mostra que dezenas de milhares de mães crêem ser perfeitamente apropriado que suas filhas de 3 a 8 anos vistam uma roupa sexualmente apelativa. Portanto, por que deveríamos estar surpresos ao saber que algumas dessas mães decidiram criar e manter sites na Internet que mostram o corpo de suas filhas de forma sexualmente apelativa? Esta questão não é um problema pequeno!

Vamos retornar ao artigo da Rense.com para ver mais ocorrências dessas roupas com conotação sexual:

"Recentemente, uma boa amiga e eu levamos a filha dela de dezesseis anos a um Shopping Center para fazer compras. Estávamos esperando a garota experimentar as roupas em uma loja voltada exclusivamente para meninas adolescentes (uma cadeia com lojas em todo o país). Ela saiu do provador e estava vestindo o que parecia ser um belo top, até que se virou para nós... na frente, na altura do peito estavam números que vemos nas jaquetas esportivas. Quais números? 69."

Avançamos um pouco demais nessa questão das roupas com conotações sexuais, não avançamos? Agora, um tipo específico de ato sexual enfeita a parte da frente de uma blusa direcionada às consumidoras adolescentes; na sociedade atual, as adolescentes de dezesseis anos estão sob uma tremenda pressão para se tornarem ativas sexualmente. Roupas como essa apenas dão continuidade à história que a mídia de massa está contando aos adolescentes há anos, que o sexo fora do matrimônio é perfeitamente correto e aceitável.

Um adolescente expressa a mesma opinião sobre quão revoltante é esse tipo de roupa, novamente citamos o artigo do site Rense.com:

"Sou um adolescente de quinze anos e acho que as roupas que as meninas vestem hoje são degradantes. Vejo meninas do primeiro e do segundo ano colegial vestindo blusas que dizem 'Playboy' e também com o número 69. Acho que as roupas que as meninas estão vestindo hoje são horríveis e deveriam ser proibidas na escola."

Nossa sociedade está caminhando rapidamente para a condição moral de Sodoma e Gomorra.

A Reação Contrária Previsível

À medida que esse tipo de mudança na moral sexual da nossa cultura começa a receber tratamento da mídia de massa, você deve esperar uma reação contrária das pessoas que defendem o status quo na sociedade; essas pessoas expressarão sua indignação pela existência dos sites na Internet que descrevemos anteriormente e pressionarão as autoridades para fechá-los. Muitas autoridades atuarão de acordo das leis existentes e fecharão os sites ofensivos, prendendo os proprietários e levando-os diante dos tribunais.

Esse tipo de reação contrária está ocorrendo e é o próximo assunto que precisamos discutir.

"Resumo da Notícia: — "Sites de Modelos Jovens Sentem o Calor: Acusações de Pornografia e de Exploração Sexual Apresentadas Contra Três Operadores", 11 de julho de 2002, MSNBC.

"Ao mesmo tempo em que os congressistas tentam elaborar legislação para impor controles aos sites na Internet que apresentam "modelos" pré-adolescentes e adolescentes, as autoridades estão usando as leis já existentes para processar os operadores de três desses sites que alegadamente possuíam — e podem até ter vendido — materiais sexualmente explícitos com menores. Todos os três casos envolvem operadores de sites de 'modelos' que cruzaram a linha legal, ou possuindo pornografia infantil — uma violação de lei federal — ou fotos ou vídeos que mostram meninas menores de idade em vários estados de nudez que contrariam as leis estaduais contra a exploração sexual das crianças, segundo as autoridades. Os casos parecem fornecer munição fresca aos críticos dos sites de 'modelos', que cobram uma taxa mensal dos membros para verem as fotos das meninas menores de idade — incluindo algumas de apenas oito ou nove anos — vestindo trajes reveladores e em poses sugestivas. A maior parte dos sites não apresenta nudez ou material totalmente sexual, mas os casos que atualmente estão nos tribunais indicam que alguns operadores estão desejosos de caminhar nessa direção."

Em um esforço de evadir as leis que proíbem meninas menores de idade de serem mostradas em posições sexuais sugestivas, esses sites são chamados de 'sites de modelos', ou de 'aspirantes de modelos'. Certamente, os sites que mencionamos na seção anterior eram chamados de 'sites de modelos', de meninas que supostamente querem ser descobertas pela J. C. Penney, como declarou o advogado de um desses sites.

Os legisladores do país parecem prontos a se envolverem nessa luta, entrando no ardor da disputa:

"Dois membros do Congresso, Mark Foley (Republicano-Flórida) e Nick Lampson (Democrata-Texas) apresentaram projetos de lei para restringir os sites, que dizem serem apelativos e incentivadores dos pedófilos. 'Esses sites... não vendem produtos nem serviços — tudo o que servem são as crianças em uma bandeja para os indivíduos mais depravados da América', disse Foley, em março, ao anunciar o projeto de lei, que um assessor disse que provavelmente será lido diante do Congresso em setembro."

No artigo N1707, dizemos que uma pessoa possessa por valores satânicos consideraria as crianças como objetos sexuais, como "bife no prato". O deputado Foley parece estar dizendo exatamente a mesma coisa.

Esse artigo referido então cita casos específicos em que a Polícia estadual veio contra as pessoas que estão criando e mantendo esse tipo de site sexualmente explícito. Embora as meninas não estejam nuas, estão vestidas e posando de tal forma a excitar homens com desvio sexual, que claramente são o público-alvo.

Como o Congresso está se envolvendo na questão, e como um número cada vez maior de autoridades estaduais está agindo contra esses exploradores, o povo cristão pode ficar descansado, certo? Podemos começar a nos preocupar com outras coisas, pois a atuação da Polícia fará esse movimento entrar em colapso. Certo?

Sabemos que esse não será o caso. Na verdade, acreditamos que esse súbito interesse dos órgãos policiais possa ser apenas o catalisador pelo qual esse tipo de pornografia será fortalecido e expandido muito além do que é hoje, e certamente muito além das nossas piores imaginações. Como pode ser? Achamos que podemos estar testemunhando a salva inicial de tiros do insidioso Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento, um plano de mudanças dos valores que opera de forma gradual e invisível no coração e na mente da maioria das pessoas. [Nota: Para maiores detalhes sobre a operação desse plano, leia o artigo N1055, "O Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento".] As pessoas sofrerão uma mudança radical em seus valores e atitudes sem mesmo saber que foram cuidadosa e engenhosamente manipuladas.

O Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento em Operação?

Primeiro, vamos relacionar as seis etapas desse Plano de Mudança das Atitudes:

Etapa 1. Alguma prática tão ofensiva que nem deveria ser discutida em público é defendida por um especialista respeitável em um foro respeitável.

Etapa 2. A princípio, o público fica chocado, depois indignado.

Etapa 3. O simples fato de tal coisa ter sido debatida em público tornar-se o assunto do debate.

Etapa 4. No processo, a repetição prolongada do assunto chocante em discussão gradualmente anula seu efeito.

Etapa 5. As pessoas não estão mais chocadas pelo assunto.

Etapa 6. Não mais indignadas, as pessoas começam a argumentar e pedir posições de moderação dos extremos; ou, aceitam a premissa, propondo os modos de alcançá-la.

Etapa 1 — Claramente, estamos na Etapa 1 desse plano. "Qual é a "prática tão ofensiva que nem deveria ser discutida em público?" A exploração sexual das crianças de apenas seis anos de idade de formas que apelam especificamente aos homens adultos com desvio sexual. Sob os princípios da moral judaico-cristã, esse tipo de comportamento sexual é absolutamente inaceitável. No entanto, em uma sociedade dominada pelos valores satânicos, uma menina de qualquer idade pode ser considerada uma parceira sexual apropriada para um homem de qualquer idade. Abordamos esse assunto em detalhes no artigo anterior, N1707.

Na disputa que ocorrerá em breve, numerosas oportunidades se apresentarão para os defensores dessa mudança serem entrevistados no sistema judicial, especialmente no banco das testemunhas; esses defensores serão entrevistados na televisão, nos jornais e na Internet. Pode-se esperar que esses defensores afirmem de forma enfática que não há nada moralmente errado com as meninas serem mostradas em poses sexualmente sugestivas. Muitos desses defensores terão títulos e letras atrás de seus nomes, sugerindo aos ingênuos que são especialistas respeitáveis falando em foros respeitáveis.

Etapa 2 A princípio, o público fica chocado, depois indignado. Novas matérias como essa da MSNBC aparecerão em profusão à medida que a luta acontecer. A mídia cobrirá o assunto destemidamente, e parecerá dar um tratamento imparcial a ambos os lados da controvérsia. Como você verá ao discutirmos as demais etapas, a mídia não quer saber se os defensores da mudança radical serão surrados no debate pelos defensores do status quo! Portanto, matérias mostrando "cobertura imparcial" aparecerão em profusão.

Etapa 3. Subitamente, uma mudança sutil no foco é feita no debate público. É impossível neste momento saber que forma de mudança sutil ocorrerá; entretanto, o ponto central original do debate mudará de foco para longe da indignação original do caso e para uma questão lateral de algum tipo. A mídia de massa provavelmente fará isso, pois tem o poder de criar a estrutura para o debate.

Etapa 4. É a mais importante em mudar a mente e as atitudes das pessoas. Em um assunto tão grande e importante, é necessária uma quantidade tremenda de debates. Esse debate provavelmente tomará várias formas:

Para que essa etapa tenha êxito, a quantidade de debates e discussões sobre o assunto precisa ser massacrante. Quando as pessoas começarem a se sentir enfadadas do assunto, poderão ser mais facilmente manipuladas, pois deixam de acompanhar o assunto e viram sua atenção para outras coisas. Quando a atenção do público estiver assim distraída, os políticos poderão aprovar as leis que quiserem, sabedores que a maior parte das pessoas já desviou sua atenção do assunto.

O alvo na Etapa 4 — A Repetição Prolongada — são as pessoas que não têm uma opinião formada sobre o assunto antes do início do debate. Claramente, as pessoas que já têm uma opinião formada sobre o assunto e cuja posição baseie-se em uma autoridade imutável, não serão influenciadas por essa tática do debate. Entretanto, aqueles cujas mentes ainda não têm uma posição formada sobre o assunto, podem ser sutil e gradualmente movidos para a defesa da mudança radical que está sendo proposta.

Toda vez que o debate ocorre, e toda vez que uma determinada parte da mídia de massa dá cobertura à mudança radical que está sendo proposta, alguns cidadãos indecisos mudam para o lado da mudança proposta; por alguma razão, alguns poucos indecisos mudam para a posição dos defensores do status quo. Portanto, os proprietários e diretores da mídia de massa sabem que ganharão convertidos sempre que encenarem um debate ou apresentarem um documentário; sabem que ganharão alguns convertidos para a posição de mudança radical. Assim, não se preocupam se o seu lado está sendo surrado no debate pelos defensores do status quo.

Esse fato diabólico mostra uma maneira pouco conhecida como nossa natureza pecaminosa funciona. Na verdade, há muito tempo defendo a idéia que os Illuminati conhecem mais sobre o funcionamento da nossa mente e das nossas emoções do que deveriam saber; conhecem o suficiente para usar nossa natureza inerente contra nós mesmos, e é o que claramente estão fazendo nesta situação.

Etapa 5. O público não está mais horrorizado pelo assunto controverso. Após ouvir e assistir a esse assunto controverso do uso de meninas pré-adolescentes em situações sexualmente provocativas, muitas pessoas deixarão de ficar moralmente horrorizadas. Uma vez que essa posição na mente de uma pessoa tenha sido atingida, essa pessoa está então perfeitamente preparada para a tática brilhante da Etapa 6.

Etapa 6. Não mais indignadas, as pessoas começam a argüir e pedir posições para moderar os extremos; ou, aceitam a premissa, propondo os modos de alcançá-la. Eis como essa etapa insidiosa funciona; vamos usar um caso passado como exemplo. No debate sobre o aborto antes do caso Roe x Wade, os defensores do aborto queriam que ele fosse irrestrito para todos, em qualquer estágio da gravidez e por qualquer razão. Os defensores do status quo queriam que o aborto continuasse criminalizado para todos, em qualquer estágio da gravidez, por qualquer razão.

Após anos de debate, alguém brilhantemente propôs uma contemporização "razoável"; foi proposto que o aborto fosse permitido sob condições muito rígidas e limitadas, isto é, seria legal apenas para proteger a vida da mãe, ou em casos de incesto ou de estupro. Os defensores do status quo ingenuamente acreditaram que tinham obtido uma vitória moral, pois acreditavam que a contemporização tinha evitado um uso muito mais amplo do aborto.

Entretanto, os defensores do aborto radical estavam jubilosos, porque sabiam que tinham acabado de forçar a porta apenas um pouquinho; sabiam que o tempo estava do seu lado agora, e seria apenas uma questão de tempo para poderem escancarar a porta, permitindo o aborto irrestrito sempre que desejado pela mulher.

Logo após a maioria dos estados terem adotado essa "contemporização rígida" sobre o aborto, a Suprema Corte dos EUA escancarou a porta com sua infame decisão no caso Roe x Wade. Desde então, os defensores do aborto têm mantido a pressão ao ponto em que alguns bebês nascidos vivos são mortos por um "médico" que perfura a parte de trás da cabeça do bebê com uma tesoura para poder vender o tecido do cérebro no mercado aberto! Esse procedimento é chamado de "Aborto no Nascimento Parcial" e é juridicamente legal no país.

Neste caso, a contemporização virá, será forçada pelos tribunais e um grande número de pessoas a aceitará ano após ano. A aceitação se tornará mais fácil porque o assunto da matéria é tantalizante para muitos homens jovens.

As Etapas 1 e 2 estão ocorrendo atualmente com essa questão da sexualização das pré-adolescentes.

Nossa sociedade está caminhando com rapidez em direção à condição moral de Sodoma e Gomorra.

Uma Olhada Final nos Irlandeses Errantes

Quando comecei a discutir o site "Child Super Model", comentei que a menina no centro me fez lembrar de Jon Benet Ramsey, a garotinha morta em sua casa em Boulder, no Colorado. A mãe de Jon Benet agressivamente a fez participar e vencer concursos de beleza para meninas. Neste ponto, temos um vínculo direto com o esforço nacional de reduzir a idade do sexo consensual em estágios até os oito anos. Aqui, vemos outro vínculo com os irlandeses errantes [Leia o artigo anterior, N1707 para conhecer os detalhes a respeito desse grupo social].

Resumo da Notícia: "Roupas Para Meninas Com Legendas com Conotação Sexual", 31/1/2001, Rense.com [citado também no artigo referido anteriormente].

"Jon Benet Ramsey é uma criança isolada cuja morte trouxe para frente da psiquê americana que nossas crianças são muitas vezes colocadas em risco pelas pessoas que são responsáveis por elas. Atualmente há um grupo de lobistas em Washington, que tem como objetivo reduzir a idade dos adolescentes para o sexo consensual para 16 anos. Esse lóbi não é novo. Na verdade, eles afirmam terem patrocinadores muito ricos e mais de um milhão de membros. A maior parte deles é realmente apenas pedófilos que têm como divisa "Sexo antes dos oito, antes que seja tarde demais" [Nota: Em inglês, essa frase forma uma rima]. Muitos deles também são membros de um grupo muito suspeito de americanos nômades que chamam a si mesmos de "errantes". Esse grupo está ganhando notoriedade no país, pois foi classificado sob o título de "digno de notícia" pela mídia dominante. No entanto, muitas das características e comportamentos conhecidos dessas pessoas (homens e mulheres) permanecem escondidos, vagos e relativamente desconhecidos do grande público."

É possível que os irlandeses errantes tenham um vínculo direto com os Illuminati e outros grupos de alto nível secretamente aliados com o plano iluminista de derrubar nosso atual sistema de governo para que possam instituir sua Nova Ordem Mundial, também conhecida como Reino do Anticristo? Demonstramos esse vínculo direto com os Illuminati em artigo N1707, de modo que precisamos perceber que podemos estar testemunhando uma gigantesca coalizão de forças ocultistas destinas a fornecer a sinergia para que os valores da moral sexual judaico-cristã com relação às crianças sejam totalmente abolidos.

Isso explicaria os objetivos comuns da NAMBLA e os errantes. Há séculos, os homens errantes adultos se casam com meninas com menos de doze anos de idade. Agora, estaria a sociedade ocidental preparada para aceitar esse casamento de meninas com homens adultos como um fato normal da vida? E, se os homens adultos podem se casar com meninas de menos de doze anos, por que os homens gays não poderiam se casar com meninos da mesma idade?

Quando você compreender essa realidade, verá que a América está caminhando em direção aos mesmos pecados sexuais de Sodoma. As sociedades baseadas no ocultismo possuem essa atitude com relação ao sexo, embora possam tentar mantê-la de forma velada. Na verdade, a coisa inteligente a fazer é disfarçar a atividade sexual para que os estranhos vejam uma coisa diferente daquilo que realmente existe. Atualmente, os errantes parecem disfarçar a verdadeira atividade por meio de concursos de beleza; amanhã, podem não precisar mais disso.

A sociedade ocidental está dando uma guinada em direção ao tipo de sociedade que Deus destruiu em Sodoma e Gomorra. E, essa mudança está ocorrendo ao mesmo tempo em que muitas outras profecias bíblicas estão ocorrendo em todo o mundo. Satanás está aparentemente muito próximo de obter o tipo de sociedade que desesperadamente deseja antes do aparecimento do seu homem do pecado, o Anticristo.



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Data de publicação: 7/1/2003
Patrocinado por: S. F. F. C. — Vargem Grande Paulista / SP
Revisão: http://www.TextoExato.com
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n1708.asp