Escolha uma cor para o fundo:  

Nova Economia Fascista Requererá a Contratação de 100.000 Fiscais

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

A proposta de criar um exército de inspetores financeiros era esperada, agora que o governo federal dos EUA está se preparando para interferir em cada aspecto da vida empresarial de toda a complexa economia do país.

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia a dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


Todos os países desenvolvidos estão passando por este período de transição econômica em que o antigo sistema testado e confirmado, conhecido como capitalismo está morto e enterrado para que o novo sistema da Nova Ordem Mundial — o fascismo — possa ser firme e permanentemente estabelecido. Neste ponto, precisamos reiterar as definições dos três tipos de sistemas econômicos que existem no mundo. (As citações são do artigo N2317, "Golpe Financeiro Concluído: A Economia Americana Passará a Ser Fascista e Rigidamente Controlada").

Capitalismo é o tipo de economia em que os indivíduos particulares são os proprietários dos meios de produção, isto é, das fábricas e das minas. As empresas fundadas por esses indivíduos concorrem abertamente umas com as outras no mercado. Ninguém diz aos donos dessas empresas o que produzir, em que quantidade, ou quanto cobrar. A concorrência é o fator predominante que define os preços e a atenção cuidadosa às necessidades e desejos da população dentro dessa economia é que determina a quantidade a ser produzida. O capitalismo pode ter suas falhas, mas produziu o padrão de vida mais elevado na história para os cidadãos que vivem debaixo desse regime;

Comunismo é o tipo de economia em que o Estado detém a propriedade dos meios de produção. O governo define para as empresas o que elas devem fabricar, quando fabricar e quanto cobrar. Esse tipo de controle é supostamente estabelecido para o bem da população, para garantir que ela seja tratada com "justiça". Entretanto, a história mostra que o comunismo nunca funciona e produz condições de vida terríveis para os cidadãos;

Fascismo é o sistema econômico da Alemanha nazista, da Itália nos tempos de Benito Mussolini e do Japão Imperial. Hoje, somente o Japão mantém esse sistema. No fascismo, os indivíduos privados mantêm o controle sobre os meios de produção, desse modo garantindo a permanência do elemento-chave que faz o capitalismo funcionar tão bem. Entretanto, o governo intervém para controlar a quantidade que será produzida de cada item, quantos concorrentes poderão atuar no mercado e quanto eles poderão cobrar. Portanto, o potencial para os maiores lucros está na economia fascista! As experiências com a Alemanha nazista e com o Japão imperial provaram que o fascismo funciona. A coordenação apropriada entre o governo e o capitalismo funciona.

Obviamente, para operar uma economia com base em regulamentações do governo, é necessário ter pessoas que definam e imponham esses regulamentos! Além disso, devido ao tamanho e complexidade das economias do mundo desenvolvido — especialmente dos EUA e a União Europeia — então você precisará de muitos inspetores que fiscalizem todas as principais empresas da economia.

Portanto, não ficamos surpresos quando lemos a seguinte proposta para a contratação de 100.000 novos "inspetores" financeiros!

Resumo da Notícia: "Procuram-se: 100.000 Fiscais Financeiros", Cliff Manson, CNBC Millenial Money, 25 de fevereiro de 2009.

"Em 1992, parte da plataforma política de Bill Clinton era colocar mais 100.000 fiscais nas ruas. Hoje, realmente precisamos de 100.000 ou mais fiscais financeiros. Muito se tem falado sobre o desperdício de recursos que esta investigação da SEC (Securities and Exchanges Commission, ou Comissão de Títulos e Valores Mobiliários) nas operações de Jim Chanos representa... Errado! Tentar fazer triagem regulatória é o que permitiu a Madoff sumir com o dinheiro dos seus clientes."

"Então, o que fazemos?"

"... dito de outra forma, o problema não é que a SEC esteja desperdiçando seus recursos, mas que ela não tenha os recursos suficientes. Temos neste país patrimônio líquido em moradias de aproximadamente 50 trilhões de dólares, um pouco mais, ou um pouco menos — um número que cresceu rapidamente nos últimos cinquenta anos. O tamanho e complexidade do setor financeiro cresceram ainda mais rápido. Mas a SEC ainda está operando basicamente na escala dos anos 1950."

A economia planejada para a N.O.M. é fascista; portanto, os pesos pesados da indústria ocidental estão muito ansiosos para que esse novo sistema inicie, para que eles passem a obter lucros muito maiores. Esse tempo chegou agora, à medida que as novas leis estabelecem uma Economia Fascista, dando ao governo federal um enorme poder financeiro e uma participação acionária controladora nas empresas que atualmente estão sendo "resgatadas".

Na verdade, existem letras miúdas em cada um desses acordos de socorro financeiro que darão ao governo o poder regulador nas empresas "resgatadas" — um controle severo. Quando o governo federal pode estabelecer que os salários dos executivos sejam limitados a 500 mil dólares por ano, você deve estar alerta para o fato que o sistema vigente não é mais o capitalismo, pois as empresas privadas nunca tiveram antes esse tipo de interferência em sua administração. Portanto, o simples fato de o governo poder remanejar os executivos das empresas é prova positiva que a economia americana entrou em um novo sistema, um sistema que é chamado de Fascismo Econômico.

Similarmente, quando o governo federal pode indicar um "czar dos automóveis" ou um comitê de supervisão para a indústria automobilística, você deve entender que o país entrou em um sistema pós-capitalista.

Vamos agora examinar duas histórias recentes que provam o quanto o governo detém o controle das empresas que estão recebendo o "socorro financeiro":

Resumo da Notícia: "Perdas de US$ 62 bilhões da AIG definem recorde nos EUA", The State, 3 de março de 2009.

"Os contribuintes receberão praticamente 78% de participação na seguradora American International Group, o Departamento do Tesouro anunciou na segunda-feira, em uma reestruturação do socorro financeiro que poderá fornecer mais 30 bilhões para a AIG, agora que a gigante em dificuldades anunciou perdas de 62 bilhões no trimestre — a maior na história empresarial norte-americana."

Uma participação de 78% em uma companhia é claramente uma fatia muito grande! Entretanto, isso não é algo sem precedentes em uma economia fascista!

Resumo da Notícia: "Tesouro dos EUA chega a um acordo para aumentar a participação no Citigroup", International Herald Tribune, 27 de fevereiro de 2009.

"Em sua tentativa mais audaciosa para estabilizar o Citigroup, uma das maiores instituições financeiras dos Estados Unidos, e que também é uma das que estão em maiores dificuldades, o Departamento do Tesouro anunciou na sexta-feira que aumentará grandemente sua participação na empresa. Depois que dois socorros com múltiplos bilhões de dólares se mostraram insuficientes para firmar o Citigroup, o governo aumentará sua participação de 8 para 36% sem colocar mais dinheiro na empresa."

Quando o governo finca seus dentes de forma tão profunda assim nas empresas, ele nunca abre mão do controle. Recentemente, o Bank of America e outras empresas afetadas pela crise abriram mão do controle quando aceitaram os fundos do socorro financeiro. Os executivos prometeram pagar o empréstimo, mas o que não percebem é que esse novo sistema fascista está aqui para ficar e o governo nunca cederá os poderes que adquiriu.

Agora, vamos retornar para nossa matéria de notícias atual, em que o editorialista propõe que o governo contrate 100.000 novos analistas e inspetores para operar o novo sistema fascista que estará totalmente baseado em rígidas regulamentações. Ele está falando da realidade que a maioria dós órgãos governamentais não têm os recursos financeiros e humanos para lidar os novos poderes regulatórios recém-criados.

"... A FDIC (NT: Empresa que fornece um seguro para os depositantes e investidores, até certo limite) está em uma situação até pior, especialmente quando se considera seu papel aumentado na crise atual, um papel que, provavelmente (espera-se), crescerá ainda mais. Em 1992, a FDIC tinha 15.000 funcionários. Ao fim de 2007, tinha somente 4.600 funcionários... Devido à escala, complexidade e importância do nosso sistema econômico, precisamos desesperadamente começar a criar uma cultura de vigilância e responsabilização financeiras. Precisamos de uma agência que cubra toda a comunidade financeira, as bolsas de valores, seguradoras, bancos, hipotecas... Talvez seja uma nova invenção. Independente de como façamos, a questão fundamental será a contratação de milhares de pessoas... Você precisa apenas de visão, um nível razoável de educação, intelecto e diligência do seu pessoal, além de uma atitude institucional que se a empresa regulada não puder explicar algo de forma boa o suficiente para um fiscal não especialista, então a falha é do regulado."

Os conservadores genuínos devem sentir o cabelo se arrepiar em suas cabeças quando leem o parágrafo acima. Afinal, eles sempre defenderam o conceito que o governo deve intervir o mínimo possível na economia. As regulamentações por parte do governo devem ser mínimas e limitadas ao cenário do pior caso, como o dos monopólios.

Entretanto, o cenário proposto ainda se torna pior!

"... precisamos estabelecer uma nova ética de imposição em tempo real. Tenho certeza que existem diversos malfeitores financeiros que deveriam ser punidos por seu papel na crise atual. Mas quando você acha que a Comissão de Títulos e Valores Mobiliários começará a agir contra eles com base em seu registro recente? Em 2012? Em 2015? Isto não serve como fator de dissuasão. Justiça atrasada é justiça em grande parte ineficaz."

Dada a sentida "necessidade" de 100.000 novos analistas e fiscais reguladores, onde poderão os membros do governo obter tantas pessoas treinadas e contratadas às pressas para que o governo federal possa rapidamente empurrar o novo conjunto de regulamentações goela abaixo de dezenas de milhares de empresas? Dado o estado da economia, esse comentarista tem a resposta na ponta da língua!

"Existem milhares de analistas que trabalhavam nos centros financeiros e que se encontram desempregados, existem estudantes de Mestrado em Administração e até estudantes de Direito lutando para encontrar um emprego... Precisamos desesperadamente de um programa para a contratação de trabalhadores de colarinho branco. É isto."

A nova economia fascista está começando a amadurecer. Aproveitando-se dessa crise criada e tremendamente assustadora, o governo está conseguindo aprovar as medidas mais socialistas e fascistas que este país já viu em sua história. Agora que o governo tem toda essa autoridade, precisa contratar milhares de fiscais que imponham essas novas medidas restritivas em toda a imensa economia americana.

Um frio e antipático burocrata do governo ao lado de cada executivo financeiro de cada empresa deste país? Não será tão ruim assim, mas muitas grandes empresas terão de suportar a presença de um frio e antipático inspetor financeiro em suas instalações. Além disso, você pode apostar que, à medida que os novos fiscais forem contratados pelo governo, o I.R.S. (Internal Revenue Service, ou Departamento da Receita Federal) obterá aumentos significativos na arrecadação de impostos.

Seja bem-vindo ao "Admirável Mundo Novo" da América Fascista, da Grã-Bretanha e da Europa Fascistas, da Austrália e Nova Zelândia Fascistas, etc.



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia a dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Data de publicação: 17/3/2009
Revisão: http://www.TextoExato.com
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n2346.asp