Fantasmas, Assombrações e Aparições

Parte 1: O Ocultismo e os Fenômenos Paranormais

Autor: Chris Lawson, Spiritual Research Network

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." [João 3:16].

"Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo." [1 João 3:8].

"Não vos virareis para os adivinhadores e encantadores; não os busqueis, contaminando-vos com eles. Eu sou o SENHOR vosso Deus." [Levítico 19:31].

"E até fez passar a seu filho pelo fogo, adivinhava pelas nuvens, era agoureiro e ordenou adivinhos e feiticeiros; e prosseguiu em fazer o que era mau aos olhos do SENHOR, para o provocar à ira." [2 Reis 21:6].

"E também os adivinhos, os feiticeiros, os terafins, os ídolos, e todas as abominações que se viam na terra de Judá e em Jerusalém, os extirpou Josias, para confirmar as palavras da lei, que estavam escritas no livro que o sacerdote Hilquias achara na casa do SENHOR." [2 Reis 23:24].

"De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. Porque Deus há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau." [Eclesiastes 12:13-14].

O propósito deste artigo é advertir sobre o perigo das práticas ocultistas e mostrar como elas servem como uma porta para o mundo dos fantasmas, assombrações e aparições. Versos bíblicos são apresentados para clarificar aquilo que o próprio Deus disse sobre este assunto quase 3.500 anos atrás. Devemos prestar atenção às muitas advertências de Deus contra todas as formas de ocultismo e reconhecê-las por aquilo que elas realmente são: instruções de um Deus amoroso para sua Criação, a humanidade.

Para um grande número de exemplos de casos que corroboram as afirmações apresentadas neste artigo, o leitor pode consultar os seguintes recursos: The Coming Darkness (John Ankerberg and John Weldon, com prefácio escrito pelo Dr. Walter Martin); Occult Shock and Psychic Forces (Clifford Wilson and John Weldon); O Caos das Seitas (Dr. Walter Martin); Encyclopedia of New Age Beliefs (John Ankerberg and John Weldon); Concise Dictionary of the Occult and New Age (Debra Lardie); Psychic Healing: An expose of an occult phenomenon (John Weldon and Zola Levitt); Out From Darkness: one man’s extraordinary escape from satanic power (Ben Alexander); Like Lambs to the Slaughter: Your Child and the Occult; A Face Atraente do Mal (Johanna Michaelsen).

Exemplos detalhados também podem ser encontrados nos materiais do teólogo alemão Dr. Kurt E. Koch. O Dr. Koch documenta sua vasta investigação sobre os perigos do ocultismo e seu material enfoca suas descobertas com relação à Medicina, Psiquiatria, Psicologia, Psicologia Profunda, Parapsicologia e Teologia. A seguir está uma lista de alguns de seus livros: Christian Counselling and Occultism — The Counselling of the Psychically Disturbed and Those Oppressed Through Involvement in Occultism: A Practical, Theological and Systematic Investigation in the Light of Present Day Psychological and Medical Knowledge; Occult ABC: Exposing Occult Practices and Ideologies; Demonology Past and Present: Identifying and Overcoming Demonic Strongholds; Between Christ and Satan; Occult Bondage and Deliverance: Counseling the Occultly Oppressed; The Strife of Tongues; and Occult Practices and Beliefs: A Biblical Examination from A to Z.

Experiências Paranormais Enraizadas no Ocultismo

Sem qualquer sombra de dúvidas, estamos vivendo em uma era em que buscar experiências sobrenaturais é a norma. Para muitos que buscam essas coisas, as experiências psíquicas e a atividade paranormal são o resultado final. Relatos de atividades paranormais envolvendo fantasmas e assombrações, supostas comunicações com os mortos e até diálogos com "Jesus" e visitas ao céu e ao inferno, aparecem quase todos os dias. Infelizmente, aqueles cujo objetivo principal é se envolver e buscar esse tipo de atividade, mostram por meio de seus próprios atos, que não estão cientes da contaminação espiritual em que estão entrando.

A falta de discernimento espiritual, acoplada com a forte curiosidade pelo sobrenatural, são duas aliadas muito perigosas e levam as pessoas a mergulhar naquilo que Deus nos manda evitar (veja os livros listados acima). Frequentemente, o fascínio pelo envolvimento com seres espirituais termina no caos total e em todas as formas de desgraças imagináveis. Aqueles que sobreviveram ao quase total desmantelamento de suas próprias existências são testemunhas vivas, deste lado da eternidade, do que o mundo do ocultismo produz. Incontáveis milhões que não tiveram a felicidade de escapar dos poderes das trevas passaram para a eternidade sob a condenação e o julgamento de Deus.

A Bíblia fala claramente sobre o fim de todos que não se arrependem da adoração aos ídolos e do envolvimento em práticas ocultistas.

"Mas que digo? Que o ídolo é alguma coisa? Ou que o sacrificado ao ídolo é alguma coisa? Antes digo que as coisas que os gentios sacrificam, as sacrificam aos demônios, e não a Deus. E não quero que sejais participantes com os demônios. Não podeis beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios; não podeis ser participantes da mesa do Senhor e da mesa dos demônios. Ou irritaremos o Senhor? Somos nós mais fortes do que ele?" [1 Coríntios 10:19-22].

"E os outros homens, que não foram mortos por estas pragas, não se arrependeram das obras de suas mãos, para não adorarem os demônios, e os ídolos de ouro, e de prata, e de bronze, e de pedra, e de madeira, que nem podem ver, nem ouvir, nem andar. E não se arrependeram dos seus homicídios, nem das suas feitiçarias, nem da sua fornicação, nem dos seus furtos." [Apocalipse 9:20-21].

"Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho. Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos que se prostituem, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte." [Apocalipse 21:7-8].

Popularizadas pela mídia de forma extraordinária, todas as formas de práticas ocultistas e atividades espirituais estão sendo divulgadas em todo o mundo. A tecnologia levou a promoção das práticas ocultistas a um nível sem precedentes. Basta ligar a televisão para ver o quanto disso a sociedade está agora consumindo. Infelizmente, até cristãos sem discernimento estão se envolvendo com essas coisas. Práticas que estão enraizadas no misticismo e na filosofia ocultista foram reempacotadas para as massas, e também para a igreja.

O Que É o Ocultismo?

Por questões de clareza, o seguinte é uma rápida definição extraída da Parte 2 de uma série de artigos intitulada "Evitando os Perigos do Iôga, do Misticismo, da Nova Era e do Ocultismo".

O termo "ocultismo" vem do latim occultus, que também significa "escondido". A palavra "oculto" é geralmente usada para descrever poderes sobrenaturais misteriosos e secretos, ou rituais religiosos mágicos. Em toda a história, os praticantes do "ocultismo" tentaram obter poder ou conhecimento sobrenatural, longe do Deus da Bíblia.

O termo "ocultismo" geralmente se refere à feitiçaria, satanismo, neopaganismo, e qualquer uma das várias formas de discernimento psíquico, como astrologia, sessões espíritas, leitura da palma das mãos, etc. As seguintes definições de "oculto" e "ocultismo" são do Dicionário Online em Português, em http://www.Dicio.com.br:

Significado de Oculto:
adj. Escondido, secreto, misterioso.
Ciências ocultas, a alquimia, a magia, a astrologia, a cabala, a necromancia etc., cujo conhecimento e prática são envoltos em mistério.

Significado de Ocultismo:
s.m. Ciência que trata dos fenômenos que parecem não ter explicação pelas leis naturais, como a levitação, a telepatia.

Prática das ciências ocultas. Diz-se que alguém tem conhecimento de coisas ocultas, que entende de assuntos que não podem ser compreendidos por outros e que estão fora do campo da ciência. O oculto significa o que é secreto ou misterioso. As cartomantes alegam ter conhecimento do oculto quando lêem a sorte, pois dizem que podem explicar coisas que as pessoas em geral não conseguem saber.

É geralmente reconhecido que existem oito categorias principais que constituem o mundo do ocultismo: (1) Magia; (2) Feitiçaria / Bruxaria / Vodu; (3) Satanismo; (4) Espiritismo; (5) Adivinhação; (6) Astrologia; (7) Xamanismo e (8) Necromancia. Coletivamente, essas oito categorias incluem literalmente centenas, se não milhares, de métodos e técnicas que servem para contactar o mundo espiritual. A lista seguinte é apenas uma pequena amostra das práticas ocultistas e sistemas de crenças:

"Alquimia, Animismo, Astrologia, Fala Automática (por meio de um espírito), Escrita Automática (também conhecida como Psicografia, a escrita guiada pelos espíritos), Conhecimento Cabalista, Invocação dos Mortos, Candomblé, Religião Celta, Canalização, Magia do Caos, Quiromancia, Clarividência, Clariaudiência, Cristalomancia, Adoração e Consultas aos Demônios, Discordianismo, Adivinhação, Eckankar, Encantamentos, Fetichismo, Adivinhação da Sorte, Maçonaria, Sabedoria Gnóstica, Tradições Herméticas, Horóscopos, Hidromancia, I Ching, Organizações Iluminadas, Illuminati, Encantamentos, Cabala, Cavaleiros Templários, Licantropia, Macumba, Magia, Artes Mágicas, Médiuns, Adivinhação pelo Espelho, Necromancia, Neopaganismo, Augúrios, Oráculos, Ordem dos Templários do Oriente, Tabuleiro de Ouija, Mesa Branca, Paganismo, Leitura da Palma das Mãos, Prognósticos, Psicometria, Quimbanda, Radiestesia, Sociedade Rosa-Cruz, Runas, Santeria Cubana, Satanismo, Vidência, Encantamentos e Maldições (lançar ou conjurar), Espíritos-Guia, Espiritismo, Cartas do Tarô, Adivinhação pela Borra do Café ou do Chá na Xícara, Thelema, Umbanda, Astrologia Védica, Vodu, Magia Branca, Wicca, Feitiçaria, Bruxaria.".

Todas essas práticas e todas as nações que estão entregues à idolatria e feitiçaria serão um dia tratadas pelo Senhor:

"E exterminarei as feitiçarias da tua mão; e não terás adivinhadores; e destruirei do meio de ti as tuas imagens de escultura e as tuas estátuas; e tu não te inclinarás mais diante da obra das tuas mãos." [Miquéias 5:12-13].

As Práticas Oultistas Podem Ser Cristianizadas?

Muitas tentativas estão sendo feitas nestes dias atuais para cristianizar as práticas ocultistas, em níveis variados. Embora muitos líderes nos movimentos "apostólicos/proféticos" e hiperpentecostais pareçam estar na dianteira dessa agenda, cristianizar as técnicas do ocultismo simplesmente não pode ser feito. A revisão completa das formas da metodologia ocultista por meio da criação e distribuição de literatura cristã sem base bíblica é como esse movimento está se propagando, junto com muito charlatanismo nos alegados "encontros de reavivamento". A literatura é vendida em grandes quantidades por meio da rede de livrarias cristãs e empresas de distribuição.

Coisas como meditação, yôga, Reiki, oração centrante (contemplativa), mantras, Yôga do riso (renomeada como "risada santa" nas igrejas apóstatas), imposição de mãos e unções com azeite, ouvir, receber e anotar supostas mensagens de Deus e de Jesus, visualização, imaginação guiada, orações com a respiração, labirintos, poeira de ouro (nuvens de glória), cura ocultista, clarividência, clariaudiência e muito mais, podem agora ser encontradas em muitos ambientes cristãos.

Todas essas coisas, quer os praticantes percebam ou não, podem facilmente servir como portas para o contato com o mundo espiritual. Deus proíbe rigidamente esses contatos, porém a maior parte da cristandade professa no Ocidente parece ter se esquecido disto. Assumindo que os cristãos não podem ser enganados por espíritos malignos ao se envolverem nessas práticas, muitas pessoas nas igrejas e nos movimentos hipercarismáticos estão sendo afetadas de formas adversas. Até mesmo cristãos tradicionais e conservadores estão sendo afetados por meio da aquisição e leitura de literatura "cristã" de orientação ocultista e mística, e das práticas que aprendem, ao se envolverem. O resultado final é atividade paranormal dentro de seus lares e nos serviços em suas igrejas.

É por uma boa razão que o apóstolo Paulo instrui os cristãos a se revestirem de toda a armadura de Deus:

"No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes." [Efésios 6:10-13].

O resultado final de se entregar aos poderes das trevas, ou para aqueles que são influenciados pelos poderes das trevas, é dano espiritual. Após servir durante muitos anos no ministério cristão, já vi e aconselhei muitas pessoas que foram adversamente afetadas devido ao envolvimento com práticas que são claramente condenadas nas Escrituras. Em quase todos os casos, o indivíduo, ou família, se envolveu em literatura e em práticas espirituais perniciosas porque aquilo era visto como algo popular, ou porque um líder, amigo ou parente recomendou. Todas aquelas pessoas poderiam ter evitado a enganação espiritual que os tinha escravizado, se tivessm visto que as Escrituras condenam claramente aquilo em que elas se lançaram. A declaração final de Deus sobre essas práticas é clara, como veremos agora.

Fantasma, Aparição, Casa Mal-Assombrada, Demônio, Aparição Mariana.

Para o leitor compreender o que pode ocorrer como resultado do envolvimento em práticas ocultistas, as seguintes palavras listadas são definidas abaixo — fantasma, aparição, casa mal-assombrada, demônio e aparição mariana. Essas definições foram extraídas da Wikipedia, que é reconhecida como uma fonte isenta. Definições similares poderiam ser citadas a partir de uma vasta variedade de fontes ocultistas. Essas definições devem ser suficientes para este artigo.

Ao ler essas definições, tenha em mente que o envolvimento com práticas ocultistas de qualquer tipo pode levar às manifestações paranormais que essas definições expressam. O material que segue essas definições no restante deste artigo é apresentado para que o leitor possa escapar do contato e da enganação espiritual e do assédio de fantasmas, assombrações (Poltergeists), aparições, ataques com agressões, algumas vezes chamados de "paralisia no sono", e mais. O negrito está no texto-fonte original e o texto entre colchetes foi adicionado para maior clarificação.

FANTASMA: "Na crença e ficção tradicionais, um fantasma (algumas vezes conhecido como um espectro, aparição) é [alegadamente] a alma ou espírito de uma pessoa ou animal morto que pode aparecer, de forma visível ou em outra manifestação, para os vivos. As descrições da aparição de fantasmas variam grandemente, desde uma presença invisível até formas translúcidas, delicadas e tenuamente visíveis, até visões realistas, como na vida real. A tentativa deliberada de contactar o espírito de uma pessoa falecida é conhecida como necromancia, ou, no espiritismo, como uma sessão... A crença em manifestações dos espíritos dos mortos é amplamente difundida, podendo ser rastreada até o animismo, ou a adoração aos antepassados nas culturas muito antigas, anteriores à invenção da escrita. Certas práticas religiosas — ritos funerários, exorcismos e algumas práticas do espiritismo e da magia ritual — são especificamente criadas para [alegadamente] fazer descansar os espíritos dos mortos. Os fantasmas são geralmente descritos como essências solitárias que assombram determinados locais, objetos ou pessoas com os quais estiveram associados durante a vida, embora histórias de exércitos fantasmas, trens fantasmas, navios fantasmas e até fantasmas de animais também sejam relatadas." [Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ghost; tradução nossa.)

APARIÇÃO: "Geralmente, é uma ocorrência de algo que aparece, isto é, que é visto. O termo pode se referir a... 1. Sobrenatural, 2. Ciências naturais, 3. Nome próprio, 4. Veja também Sobrenatural. Experiência de aparição, uma experiência anômala, quase perceptual; Visão (espiritualidade), apresentações inspiracionais, geralmente de um futuro estado e/ou de um ser místico; Aparição mariana, em que acredita-se que a Virgem Maria aparece de forma sobrenatural; Fantasma, o espírito ou alma desencarnada de uma pessoa falecida; Doppelganger, o dublê fantasma de uma pessoa viva; Bilocação, a capacidade / ocorrências em que um indivíduo ou objeto parece estar localizado em dois lugares diferentes no mesmo instante de tempo; Aparição (Harry Potter), uma forma de teletransporte usado nos livros e filmes da série Harry Potter." (Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Apparition; tradução nossa).

CASA MAL-ASSOMBRADA [Assombrações]: "Uma casa mal-assombrada é uma casa ou edifício frequentemente visto como [alegadamente] habitado por espíritos desencarnados dos falecidos que podem ter sido ex-moradores ou que estiveram familiarizados com a propriedade. Os parapsicólogos atribuem a assombração aos espíritos dos mortos e o efeito de eventos violentos ou trágicos no passado do edifício, como homicídio, morte acidental ou suicídio. Explicações mais científicas para a percepção que uma casa é assombrada incluem a má interpretação de ruídos presentes naturalmente nas estruturas, sonhos imediatamente antes do despertar, sugestionabilidade, e o efeito de substâncias tóxicas no ambiente, que podem causar alucinações... Em uma pesquisa realizada pelo instituto Gallup em 2005, 37% dos estadunidenses, 28% dos canadenses e 40% dos britânicos expressam a crença que as casas podem ser 'assombradas'." Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Haunted_house; tradução nossa).

DEMÔNIO: "Um demônio é um ser sobrenatural, frequentemente malévolo, prevalecente na religião, ocultismo, literatura, ficção, mitologia e folclore. A palavra grega daimon não carrega a conotação negativa inicialmente compreendida pela implementação do grego koine daimonion, e posteriormente atribuído a quaisquer palavras cognatos que compartilham a mesma raiz... Nas religiões do Oriente Médio antigo, bem como nas tradições abraâmicas, incluindo a demonoogia cristã medieval e antiga, um demônio é considerado um espírito imundo, um anjo caído, ou um espírito de tipo desconhecido, que pode causar possessão demoníaca, requerendo exorcismo. No ocultismo ocidental e na magia da Renascença, que surgiu a partir de um amálgama da magia grego-romana, demonologia judaica e tradição cristã, um demônio é uma entidade espiritual que pode ser conjurada e controlada." (Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Evil_spirit; tradução nossa).

APARIÇÃO MARIANA: "Uma aparição mariana é uma [alegada] aparição sobrenatural da Bendita Virgem Maria. A figura frequentemente recebe o nome da cidade em que a aparição foi reportada, ou o apelido dado a Maria por ocasião da aparição. Elas são interpretadas em termos religiosos como teofanias... Segundo relatos, as aparições marianas algumas vezes se repetem no mesmo local após um longo período de tempo. Na maioria das aparições marianas, somente uma pessoa, ou algumas poucas pessoas, reportam terem testemunhado a aparição. Exceções a isto incluem Zeitoun, Fátima e Assiut, onde milhares afirmam terem visto a aparição ao longo de um período de tempo." (Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Marian_apparition; tradução nossa).

Cristianizando o Oculto e Resistindo à Verdade de Deus

Agora que já vimos algumas definições, precisamos compreender o que a Bíblia diz sobre vários assuntos. Antes, porém, é importante compreender o conceito de resistência (à verdade) e que Satanás está atualmente usando sinais e maravilhas da mentira para enganar milhões, tanto dentro quanto fora da igreja.

Primeiro de tudo, a Bíblia ensina: "E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as." [Efésios 5:11]. Em vez e lançar-se de cabeça em atividades pecaminosas, os cristãos devem evitá-las, rejeitá-las e expô-las. Isto inclui o envolvimento em práticas místicas e ocultistas, independente de quão bem-intencionado um indivíduo possa ser. Pode-se certamente tentar cristianizar essas coisas e tentar justificar os resultados paranormais, mas revestir o ocultismo com fraseologia cristã somente levará à enganação espiritual.

É um fato bem-conhecido que a resistência em relação àqueles que advertem sobre essas coisas está se tornando lugar-comum em muitas igrejas. As pessoas que reservam tempo para investigar os fatos e soar o alarme sobre as práticas relacionadas com o ocultismo e o misticismo na igreja são frequentemente rotuladas como indivíduos de mentalidade estreita, sem amor, divisivos e julgadores. Devido à pura ignorãncia e indolência espiritual, muitos líderes de igrejas se recusam a advertir sobre a enganação na igreja.

Tapar os ouvidos e fechar os olhos para o fato que Satanás está inundando as igrejas em todo o mundo com misticismo e com práticas ocultistas não vai fazer o problema desaparecer. Na realidade, isto está tornando o problema muito pior. Como posso saber? Tenho observado o esse câncer maligno na igreja há quase 25 anos. O cristianismo apóstata está crescendo mais rápido do que nunca e somente aqueles com ouvidos para ouvir a verdade e olhos para ver o que está acontecendo conseguem escapar da enorme enganação que está ocorrendo. O apóstolo Paulo advertiu os cristãos sobre o que acontecerá quando a atual e crescente enganação satânica vier a frutificar em todo o mundo. Ele escreveu:

"Ora, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, e pela nossa reunião com ele, que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto. Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus. Não vos lembrais de que estas coisas vos dizia quando ainda estava convosco? E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado. Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora o retém até que do meio seja tirado; e então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda; a esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira, e com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem. E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira; para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniquidade." [2 Tessalonicenses 2:1-12].

Após a Operação de Satanás com Todo o Poder e Sinais e Maravilhas da Mentira

Existem muitos cristãos hoje que se recusam a saber como o misticismo, a filosofia ocultista (panteísmo, panenteísmo, monismo, espiritualidade quântica, etc.) e os sinais e maravilhas da mentira entraram em massa nas igrejas. Talvez seja por isto que muitos deles, aqueles que estão envolvidos nessas atividades, estão dando testemunhdo de serem assediados por espíritos malignos.

Já li reportagens e aconselhei pessoas que foram assombradas por fantasmas (Poltergeists) e experimentaram aparições pavorosas após se envolverem em atividades em igrejas hiperpentecostais. Outros afirmaram que viram ou que conversaram com familiares queridos falecidos, ou com aparições de personagens bíblicos. Isto é o que eles experimentaram, mas obviamente aqueles não eram seus familiares queridos falecidos e nem personagens bíblicos.

Podemos ter certeza que essas coisas não são da parte do Senhor Jesus Cristo. Essas experiências paranormais são anjos caídos (demônios) que usam uma máscara como disfarce e eles podem se mascarar da forma que quiserem. É daí que vem a ideia da polimorfia e da mudança de forma. O mundo do ocultismo está repleto desse tipo de história. A Bíblia adverte sobre essa questão da transformação demoníaca (mudança de forma, metamorfose) para ajudar as pessoas a evitarem a enganação espiritual. O próprio Satanás pode se transformar em anjo de luz. Para quê? Para conseguir enganar!

"E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz." [2 Coríntios 11:14].

"E vos vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados, em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência; entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como os outros também." [Efésios 2:1-3].

Fantasmas, aparições, assombrações, demônios, aparições marianas e muitos outros termos que explicam manifestações paranormais similares podem ser classificadas como variações de atividade demoníaca.

Neste ponto, alguém pode perguntar: "E a resistência cristã às advertências de Deus contra as práticas ocultistas. Isto realmente está ocorrendo?" Sim, está! Um exemplo muito claro de líderes cristãos que resistem aos mandamentos de Deus com relação à prática ocultista da adivinhação está ilustrado em meu próprio testemunho pessoal, como segue:

Líderes Cristãos Contratam Adivinho para Encontrar Água em um Sítio da Igreja

Anos atrás, durante um almoço para os pastores de uma cidade, fui rapidamente silenciado por outro pastor quando expressei minhas preocupações com relação a um anúncio que tinha sido feito. O pastor principal da igreja que patrocinava o almoço anunciou que alguns dos líderes em sua igreja contrataram um rabdomante (um praticante de adivinhação que utiliza uma varinha mágica) para localizar água em uma propriedade rural que tinha sido recentemente adquirida pela igreja.

Nas semanas anteriores ao encontro, a igreja anfitriã tinha contratado uma empresa especializada em perfurar poços artesianos. Após realizar diversas perfurações, a empresa não conseguiu encontrar água. Indo claramente para fora da vontade de Deus, alguém na liderança da igreja teve a brilhante ideia de contratar um rabdomante, ou radiestesista. Quando eles fizeram isso, conseguiram eventualmente encontrar água.

Na verdade, foi um espírito familiar (uma entidade demoníaca) que transmitiu a informação apropriada para o rabdomante, por meio da forquilha que ele utilizava. Aqui está uma definição de rabdomancia (radiestesia) da Wikipedia, novamente, uma definição isenta. As fontes ocultistas dâo virtiualmente as mesmas definições (ênfase no original).

"Radiestesia é um tipo de adivinhação utilizada para localizar água no subsolo, metais ou minerais, pedras preciosas, petróleo, túmulos e muitos outros objetos e materiais, bem como as assim chamadas correntes da radiação da terra (Linhas Ley), sem o uso de um aparato científico. A radiestesia também é conhecida como adivinhação (especialmente em referência à interpretação dos resultados), doodlebugging (particularmente nos Estados Unidos, na procura por petróleo) ou (ao pesquisar especificamente por água) localizar água, feitiçaria da água, ou radiestesia da água. Não há evidência científica que a radiestesia é eficaz." (Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Dowsing; tradução nossa).

Segundo a Wikipedia, não existem evidências científicas que a radiestesia seja eficaz, mas ela pode ser muito eficaz quando entidades espirituais fornecem ao radiestesista informações precisas, desse modo produzindo "resultados". Espíritos malignos fazem isto para atrair as pessoas para o mundo da literatura e da prática do ocultismo.

A explicação da Wikipedia continua:

"Uma forquilha no formato de Y ou L, chamada de varinha, varinha de adivinhação (Latim: virgula divina ou baculus divinatorius), uma varinha de bruxaria é algumas vezes usada durante a rabdomancia, embora alguns rabdomantes usem outro equipamento, ou nenhum equipamento. A rabdomancia parece ter aparecido no contexto da magia da Renascença na Alemanha e permanece popular entre aqueles que creem em Forteanas ou em radiestesia. Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Dowsing; tradução nossa).

A radiestesia é definida do seguinte modo no dicionário on-line Dicio.com.br:

s.f. Sensibilidade hipotética a certas radiações, conhecidas ou desconhecidas. Método de detecção fundada sobre tal sensibilidade; radioestesia.

A rabdomancia é definida como:

s.f. Procura, por meio de uma varinha, de uma fonte ou de objetos escondidos. Adivinhação por meio de varinha mágica.

Agora, pense na seriedade disto por um momento. Líderes de uma igreja cristã consultaram e pagaram uma pessoa que estava em contato com forças ocultas (espíritos familiares) para conseguirem encontrar água e perfurar um poço artesiano em um sítio da igreja. Não somente isto, o pastor anfitrião não via problema algum com o envolvimento nessa atividade, embora a Palavra de Deus claramente condene a adivinhação. A rabdomancia é uma forma de adivinhação e a Palavra de Deus diz que todos que participam nessas práticas tornam-se espiritualmente contaminados!

"Não vos virareis para os adivinhadores e encantadores; não os busqueis, contaminando-vos com eles. Eu sou o SENHOR vosso Deus." [Levítico 19:31].

"Quando alguém se virar para os adivinhadores e encantadores, para se prostituir com eles, eu porei a minha face contra ele, e o extirparei do meio do seu povo." [Levítico 20:6].

"Quando, pois, algum homem ou mulher em si tiver um espírito de necromancia ou espírito de adivinhação, certamente morrerá; serão apedrejados; o seu sangue será sobre eles." [Levítico 20:27].

"Entre ti não se achará quem faça passar pelo fogo a seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro; nem encantador, nem quem consulte a um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por estas abominações o SENHOR teu Deus os lança fora de diante de ti." [Deuteronômio 18:10-12].

Resistindo à Verdade para Manter a Popularidade

Algo também a observar sobre esta situação é que logo após o pastor anfitrião anunciar que o rabdomante tinha encontrado água, outro pastor tentou me repreender por ter levantado minha voz e expressado aquilo que a Palavra de Deus diz sobre a adivinhação. Por eu ter feito isto, o colega pastor com quem compareci ao almoço inclinou-se em minha direção e, com uma cara de frustração comigo, disse: "Cale sua boca." É desnecessário dizer que fiquei chocado!

Este é o tipo de resistência que pode ocorrer em ambientes da igreja entre líderes que, quando preferem manter a "popularidade" entre os homens, rejeitam a Palavra de Deus. Em vez de expor e repreender aquilo que Deus odeia, muitos homens e mulheres preferem permitir aquilo. O Senhor Jesus nos advertiu a respeito desse tipo de gente:

"Ai de vós quando todos os homens de vós disserem bem, porque assim faziam seus pais aos falsos profetas." [Lucas 6:26].

"Porque amavam mais a glória dos homens do que a glória de Deus." [João 12:43].

Este incidente ocorreu vários anos atrás. De especial nota é o fato que o pastor e a igreja que contrataram o rabdomante adquiriram um longo histórico de receber falsos mestres e falsos profetas. Além disso, o próprio pastor tornou-se um bem-conhecido mestre local do Evangelho da Prosperidade e da Palavra da Fé. O Evangelho da Prosperidade é um falso evangelho e está enraizado na filosofia ocultista. Muitos livros ocultistas e bruxos bem-conhecidos confirmam que este é um fato.

O outro pastor, de quem uma longa lista de cristãos desde então se separou, tem repetidamente expressado seu próprio desdém pelos ministérios cristãos de discernimento. Não somente isto, ele conquistou para si mesmo um histórico comprovado de citar personalidades ecumênicas, teólogos liberais e até mesmo alguns falsos mestres de fama internacional. As citações e promoções que saem de sua própria boca, de seu púlpito e de suas meditações publicadas em seu blog na Internet revelam a rachadura fundamental que existe em sua teologia, que muitos anos atrás ficou demonstrada pela sua resistência à verdade, com sua ordem para que eu me calasse. Em vez de publicamente repreender o mal, ele achou melhor repreender aquele que repreendia o mal.

De um modo geral, se os líderes da igreja estão dispostos a minimizarem as advertências de Deus contra as práticas ocultistas e a enganação espiritual na igreja, eles muito provavelmente terminarão como os tristes relatos desses dois pastores desqualificados.

Falsos líderes de todos os tipos, quando influenciados por falsa doutrina, não veem problema algum em dar o próximo passo e traírem exatamente aqueles para os quais estão procurando ministrar. O fato é que eles não querem ser corrigidos, eles se recusam a obedecer aos verdadeiros mensageiros de Deus e rejeitam a Palavra de Deus quando ela expõe e reprova suas ações e contemporizações. Quando encontramos homens como esses, o melhor a fazer é consultar as Escrituras e ver o que a Palavra de Deus diz sobre o assunto:

"Coisa espantosa e horrenda se anda fazendo na terra. Os profetas profetizam falsamente, e os sacerdotes dominam pelas mãos deles, e o meu povo assim o deseja; mas que fareis ao fim disto?" [Jeremias 5:30-31].

"Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino, que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências." [2 Timóteo 4:1-3].

Resumo

Este artigo mostrou rapidamente que as experiências paranormais têm sua origem no mundo dos ensinos e práticas ocultistas. Uma definição de "ocultismo" e suas múltiplas variações foi apresentada, junto com definições isentas sobre os termos "fantasma", "aparição", "casa mal-assombrada", "demônio" e "aparição mariana". O assunto de cristianizar as práticas ocultistas foi mencionada e foi feito um relato de líderes cristãos que decidiram contratar um adivinho para encontrar água em um sítio de sua igreja. Finalmente, várias observações foram feitas sobre o fenômeno da resistência espiritual à verdade de Deus.

As práticas ocultistas servem como uma passagem para fantasmas, assombrações e aparições. Aqueles que dão ouvidos ao que a Palavra de Deus adverte e instrui certamente serão abençoados e protegidos pelo Senhor. Os zombadores, porém, poderão ser perseguidos, assombrados e assediados pelas mesmas coisas que eles pensam que são entidades espirituais amigáveis e caridosas.

A Parte 2 desta série terá o título "O Fenômeno da Resistência e a Condenação de Deus ao Ocultismo". Ela iniciará com a continuação do fenômeno da resistência. Ela também explicará o que a Bíblia tem a dizer sobre a condenação de Deus a todas as práticas ocultistas. As Escrituras que provam que Deus nos ama e a necessidade de os cristãos "testarem os espíritos" também serão discutidas. O artigo terminará com uma clara compreensão que Jesus Cristo é o Senhor, Rei e Vencedor e que por meio de Seu sacrifício vicário na cruz e de Sua gloriosa ressurreição, Satanás e as forças das trevas são inimigos vencidos.



Autor: Chris Lawson, Spiritual Research Network
Data da publicação: 21/10/2014
Transferido para a área pública em 11/7/2016
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/srn-4-2014.asp