Escolha uma cor para o fundo:  

Ganha Novo Ímpeto o Controle Internacional Sobre Jerusalém

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

Quando o gabinete do governo de Israel autorizou a presença de inspetores internacionais no controle da fronteira em Rafah, pode ter dado um grande passo em direção ao controle internacional dos sítios religiosos na antiga cidade sagrada de Jerusalém.

Palavras do plano Illuminati: "As áreas muçulmanas e judaicas em Jerusalém serão unidas com as cristãs de forma a criar a Aliança da Nova Jerusalém. Somente então será possível construir uma combinação de templo/igreja/mesquita em Jerusalém." (Notas de um seminário promovido pela Casa da Teosofia).

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia-a-dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


Supervisão Internacional das Travessias na Fronteira

Resumo da Notícia: "Governo Aprova Monitoramento da União Européia da Travessia em Rafah", The Jerusalém Post, 1 de novembro de 2005.

"O primeiro-ministro de Israel Ariel Sharon reuniu o gabinete de segurança na terça-feira e aprovou um acordo na fronteira de Rafah que incluirá o posicionamento de monitores estrangeiros vindos da União Européia... Ao concordar com a presença de monitores estrangeiros na fronteira, Sharon tornou-se o primeiro líder israelense a permitir supervisão internacional nas fronteiras — um movimento fértil para ramificações de larga escala em futuros acordos que envolvam as fronteiras. Por exemplo, permitir a presença de monitores estrangeiros na fronteira é abrir o caminho para um acordo que permita o posicionamento de inspetores estrangeiros em outros pontos sensíveis de travessia, como em um futuro aeroporto ou porto em Gaza."

Portanto, no dia 1/11 o governo Sharon atreveu-se a ir aonde nenhum primeiro-ministro israelense moderno jamais foi: "Permitir supervisão internacional nas fronteiras". Em outras palavras, Sharon pode estar dando o primeiro passo para que Israel abra mão de sua soberania nacional, permitindo assim que o controle internacional possa ser implementado.

Um objetivo tão radical irá certamente encontrar tanta resistência interna quanto o plano da Retirada Unilateral de Sharon, de 15 de agosto, quando Israel retirou cidadãos judeus da Faixa de Gaza à força. De fato, é possível até questionar se o plano de Retirada de Gaza não teria sido um "teste" para ver o quão forte o senso de patriotismo da extrema direita judaica realmente é. Agora que Sharon sabe que eles não se opuseram fortemente em Gaza, ele provavelmente acredita que não irão contrariá-lo nessa questão também. Repetidas vezes, pesquisas políticas sempre declararam Sharon politicamente morto, apenas para vê-lo emergir vitorioso na arena política.

Um fato é certo, depois de todas as políticas impopulares e 'progressistas' que o velho "general de guerra" Sharon implementou — o primeiro-ministro tem seu suporte organizado, tanto em seu governo como internacionalmente, acima de seu governo. Para perceber o quão fortemente protegido está o primeiro-ministro à medida que move Israel rumo à total implantação dos Acordos de Oslo, separe alguns minutos para ler o artigo N1643, "O Desejo Ardente de Reconstruir o Templo é o Ímpeto Propulsor que Está por Trás dos Eventos no Oriente Médio", onde demonstramos o fervor que a Maçonaria ocidental tem pela reconstrução do Templo de Salomão. Somente então você perceberá o quanto de poder político e militar está atualmente sendo oferecido a Sharon pelo Reino Unido e pelos EUA.

Vamos retornar ao nosso artigo de análise, para ver como essa atitude se conecta diretamente com o "Mapa da Estrada para a Paz" do Quarteto — a implementação passo a passo dos Acordos de Oslo (1992-1993).

"Negociadores palestinos e israelenses encontraram-se no domingo com representantes do Quarteto, entre os quais o emissário James Wolfensohn, que tem sido o facilitador nas negociações sobre essa questão há vários meses. As autoridades envolvidas nas negociações disseram que ambos os lados fizeram "avanços consideráveis"... O Ministro da Defesa, Shaul Mofaz, está de partida para Washington na terça-feira e acredita-se que ele esteja empolgado com suas reuniões com representantes da administração Bush, que há muito estão ansiosos em ver um acordo ser alcançado, com um nas mãos para apresentar a eles." (Ibidem).

Após longos trinta anos de negociações como a "Diplomacia da Ponte Aérea", de Henry Kissinger, e os "Acordos de Camp David", do presidente Clinton, estaria o impasse israelense prestes a ser quebrado? Se esse acordo for efetivado, a supervisão internacional nas fronteiras israelenses poderia rapidamente abrir caminho para a supervisão (controle) internacional sobre os sítios sagrados de Jerusalém — um objetivo muito antigo dos Illuminati.

Observe atentamente como Shimon Peres anunciou publicamente esse objetivo dois anos atrás.

Controle Internacional Sobre os Sítios Sagrados em Jerusalém

Resumo da notícia: "Peres sugere a solução de 'Capital Mundial' para Jerusalém", Yahoo News, 22/7/2003.

"Jerusalém (Reuters) — Shimon Peres, o líder do Partido Trabalhista Israelense, de oposição, sugeriu que os conflitos Israel-Palestinos por Jerusalém sejam resolvidos colocando-se os sítios sagrados sob a proteção da ONU... O plano propõe a declaração de uma área com os lugares sagrados para os judeus, cristãos e muçulmanos na velha cidade murada de Jerusalém como uma "capital mundial", com o Secretário-Geral da ONU atuando como prefeito... Israel já rejeitou anteriormente propostas do Vaticano de internacionalizar Jerusalém."

Embora Peres tenha declarado que não havia levado essa proposta nem para o governo palestino e nem para o governo israelense, ele é inteiramente controlado pelos Illuminati e nunca foi considerada uma pessoa de língua solta. Na verdade, Peres foi o político 'progressista' ao qual Sharon recorreu para salvar seu governo em uma coalizão entre os "conservadores" de Sharon e os 'progressistas' de Peres. Hoje, Peres é um subprimeiro-ministro, dificilmente alguém que possa ter a língua solta.

Portanto, você só pode concluir que Peres fez esse anúncio porque chegou a hora para a formação do Projeto da Aliança da Nova Jerusalém para que as pessoas sejam condicionadas a aceitar a internacionalização do controle sobre os sítios sagrados de Jerusalém.

O que é o Projeto da Aliança da Nova Jerusalém? — Talvez você esteja se perguntando.

O Projeto da Aliança da Nova Jerusalém

No início de agosto, em 1991, um ex-membro da Casa da Teosofia, da filial de Boston, conseguiu me infiltrar em um seminário exclusivo para membros, ministrado por Bill Lambert, o Diretor na Nova Inglaterra; Lambert havia acabado de retornar de um mandato de três anos em Israel como membro de um plano iluminista chamado "Projeto da Aliança da Nova Jerusalém". Algumas importantes decisões acabavam de ter sido feitas e Lambert estava ávido para compartilhá-las com os membros e seus convidados. A mão de Deus estava realmente agindo ao me dar a oportunidade de participar daquele encontro, pois pude aprender detalhadamente o plano Illuminati que o Plano da Nova Ordem Mundial seguiria até o aparecimento do "Cristo", que é o bíblico Anticristo.

Alguns dos passos que Lambert delineou já ocorreram, como detalharemos adiante, mas um dos passos mais intrigantes desse plano é internacionalizar Jerusalém até o ponto em que vários sítios sagrados do cristianismo, do islamismo e do judaísmo sejam controlados pela comunidade internacional. Uma vez que essa porção de Israel esteja sendo controlada, a comunidade internacional construirá uma "combinação de templo/igreja/mesquita em Jerusalém". É claro, Lambert está aqui se referindo às três religiões monoteístas do mundo, cada uma das quais reivindica Jerusalém como sua cidade sagrada. Uma vez que as áreas agora controladas por essas três religiões estiverem sendo controladas pela comunidade internacional e forem unidas, a Aliança da Nova Jerusalém será declarada, assim como a parte religiosa acompanhante, a religião da Nova Ordem Mundial.

Lambert apresentou esse centro de combinação de cultos como a solução final para a guerra religiosa, ódio, e tensão que têm varrido a região desde que Israel se tornou uma nação em 1948. Uma vez que esse centro de adoração combinado for construído, o papa viajará a Jerusalém para dedicar a construção do novo centro internacional de culto interfé, declarará que todas as religiões do mundo estão unificadas e a religião da Nova Ordem Mundial será criada!

Bill Lambert recusou-se a dizer se essa igreja combinada seria construída sobre o Monte do Templo; quando lhe fiz essa pergunta, ele foi tão evasivo e sua linguagem corporal foi tão clara, que conclui que esse centro de culto NÃO será construído no Monte do Templo.

Mas, observe atentamente que essa parte específica do Plano da Nova Ordem Mundial, chamado de Projeto da Aliança da Nova Jerusalém, prevê o estabelecimento de uma Jerusalém religiosa formada por uma combinação das três religiões monoteístas do mundo. Bill Lambert também declarou que "qualquer negociação puramente política no Oriente Médio não traria, por si só, a paz. Em outras palavras, uma negociação puramente política não resolveria a natureza religiosa do problema. Qualquer solução permanente para os conflitos do Oriente Médio teria também que resolver a questão religiosa. Uma vez que o problema religioso estiver resolvido, então o poder e a influência dos judeus ortodoxos em Israel irá declinar de forma permanente".

Essa declaração revela o intenso ódio que os Illuminati têm pelos judeus ortodoxos, um ódio que o jornalista judeu Barry Chamish narra muito bem. [NT: Visite o site dele em http://www.barrychamish.com e leia os artigos ou ouça as dezenas de entrevistas em programas de rádio, pois são muito instrutivos para ajudar a compreender a problemática atual em Israel.]

Em seguida, Lambert explicou como a pressão seria aplicada de forma a colocar o mundo e Jerusalém nessa planejada direção.

"O ímpeto em direção a esse tipo de acordo somente é possível por causa de um medo generalizado de guerra. Esse medo de guerra deve ser mantido até que as mudanças políticas e religiosas desejadas sejam instituídas".

Mateus 24:6-7 será então cumprido; mais uma vez, os Illuminati são pegos desenvolvendo um plano que simplesmente cumpre as profecias bíblicas!

O próximo assunto sob o qual Lambert falou foi a aparição do Anticristo [Leia as Notas tintim por tintim desse seminário no artigo N1052 (não traduzido), ou então em N1519.] O próprio fato de vermos uma proposta "radical" para passar o controle da Jerusalém religiosa para a comunidade internacional nos diz que estamos nos aproximando muito do aparecimento do Anticristo e da guerra que o produzirá.

Juntando Tudo

Temos agora os ingredientes que o Plano da Nova Ordem Mundial utilizará para internacionalizar as áreas religiosas de Jerusalém. Vejamos o quão avançados realmente estão esses passos, para que possamos ver onde a comunidade mundial se encontra neste momento na trama profética e o correspondente plano Illuminati. Lambert relacionou os cinco passos para produzir o Anticristo:

Primeiro Passo — Três conferências mundiais devem ser realizadas para fazer nascer o sistema da Nova Ordem Mundial.

Segundo Passo — O medo geral de guerra precisa ser instituído e mantido de forma a prover a pressão necessária para mover ambos os lados para esse plano.

Terceiro Passo — Controle internacional sobre as áreas religiosas em Jerusalém — Uma vez que esse controle for estabelecido, a construção de um centro de culto misto para judeus, cristãos e muçulmanos pode ser iniciada.

Quarto Passo — O papa católico romano viajará para Jerusalém para dedicar esse centro de culto, proclamando que todas as religiões do mundo estão agora unificadas. Ele será o líder e a religião da Nova Ordem Mundial será então oficial.

Quinto Passo — O Anticristo surgirá no cenário mundial, após a guerra mundial ser travada para produzi-lo. Após seu aparecimento, o plano requer a construção de um novo templo, após a remoção dos destroços do Domo da Rocha, é claro!

Os passos 1 e 2 já foram cumpridos.

Agora, vamos rever cada um desses passos, de forma a compreender o quão avançados eles estão e quão pouco falta para serem completados. Lembre-se que tomei conhecimento desse plano em 18 de agosto de 1991:

Primeiro Passo — Três conferências globais devem ser realizadas de forma a fazer nascer o sistema da Nova Ordem Mundial. De 28 de agosto a 10 de setembro de 2000, três conferências mundiais simultâneas e/ou sobrepostas foram realizadas, exatamente como Lambert especificou. Esses três encontros mundiais foram realizados na ONU, no centro de Manhattam, em Nova York. [Leia os detalhes no artigo N1395 (não traduzido).].

Em 10 de setembro de 2000, o novo sistema global "nasceu". Os Illuminati viram essas três conferências mundiais como cerimônias de "nascimento". [Leia o artigo N1566, "Cronologia dos Eventos Recentes Que Produziram e Moldaram a Nova Ordem Mundial", para ver como o tempo dessas conferências começou nove meses antes, na véspera de Ano Novo de 1999, quando os Illuminati executaram um "ritual de concepção" global, em vários obeliscos em todo o mundo. Ao ler esse relato, lembre-se que esse ritual parece bizarro somente por que você não pensa como um iluminista pagão.].

Como um bebê nasce no fim das dores de parto, o sistema bebê da Nova Ordem Mundial "nasceu" em 10 de setembro de 2000.

Segundo Passo — O medo geral de guerra precisa ser instituído e mantido de forma a prover a pressão necessária para mover os envolvidos para esse plano. Em 29 de setembro de 2000, Yasser Arafat lançou sua Intifada, destinada a criar a pressão de uma ameaça de guerra que Lambert disse ser tão importante para alcançar seu ambicioso objetivo de colocar em cena o Anticristo. O mundo está angustiado com as muitas e repetidas cenas sangrentas de homens, mulheres e crianças morrendo nas mãos de terroristas suicidas, assassinos que invadem casas para matar crianças e pais em suas camas, e até mesmo o assassínio de um proeminente político israelense. Após o ataque na pizzaria Sbarro, a cabeça de uma menininha rolou rua abaixo! [Leia o artigo N1549 (não traduzido).].

Em 29 de junho de 2003, essa Intifada já tinha 33 meses de existência, e um general de alto escalão das Forças Israelenses de Defesa declarou o fim dela; acreditamos que ele realmente quis dizer foi — uma vez que o terrorismo continuou — que a Intifada de 33 meses havia acabado, e agora era a hora de dar o próximo passo. Agora que um Estado Palestino havia sido declarado como objetivo em 4 de junho de 2003 [Leia os detalhes em N1807 e N1519], Shimon Peres havia apresentado uma proposta chocante que, uma vez implementada, cumprirá o Terceiro Passo desse plano da Aliança da Nova Jerusalém.

Terceiro Passo — Controle Internacional das áreas religiosas de Jerusalém — Uma vez que esse controle for estabelecido, a construção de um centro de culto misto para judeus, cristãos e muçulmanos poderá ser iniciada.

Quando Shimon Peres fez essa proposta tão chocante que certamente irá enfurecer radicais tanto judeus como muçulmanos, colocou em movimento a seqüência de eventos desejada que irá resultar no cumprimento de seu objetivo. Muitos de vocês irão logicamente argumentar que os extremistas de ambos os lados irão lutar e evitar que qualquer esquema desse tipo seja concretizado. Vocês podem estar certos; no entanto, é bom lembrar que, em qualquer Conflito Controlado, os Illuminati controlam a liderança de ambos os lados. Uma vez que a liderança é quem decide tudo, devemos entender que tanto a Autoridade Palestina quanto o primeiro-ministro israelense são controlados pelos Illuminati que desejam ver esse plano implementado.

No entanto o controle dos Illuminati sobre os eventos e lideres mundiais se estende até mesmo ao Vaticano e ao seu líder supremo, o papa.

Papa João Paulo II — Uma vez que o plano da Aliança da Nova Jerusalém prevê que o papa católico romano atuará como o Falso Profeta [Apocalipse 13; 11-18] na religião da Nova Ordem Mundial, vamos examinar o fato que João Paulo II já forçou seu caminho nesse estágio em particular, atuando conforme o roteiro que os Illuminati lhe deram.

No artigo N1587, "Convênio Assinado Entre Yasser Arafat e o Papa João Paulo II Prevê a Internacionalização de Jerusalém", reportamos um incomum encontro particular entre o papa João Paulo II e Yasser Arafat em que Israel não foi convidado! Nesse encontro, o papa e Arafat concordaram em duas questões, e emitiram seus acordos na forma de um pacto. Primeiro, concordaram que Jerusalém deve ser uma cidade internacional. Sendo assim, Arafat já está de acordo com esse plano, precisando apenas passar a indecente noticia aos seus seguidores palestinos. Em segundo lugar, eles concordaram que um Estado Palestino deveria ser formado a partir do já existente Estado de Israel.

Portanto, o papa já está no canto do palco, aguardando apenas o sinal de que o tempo é chegado para que ele se dirija ao centro do mesmo e declare que todas as religiões do mundo estão agora unificadas e que ele é o líder.

Patrimônio Histórico e Cultural das Nações Unidas — No papel, as Nações Unidas já controlam Jerusalém! Você sabia disso? Leia o artigo N1635, "Oficialmente, a ONU Já Controla Jerusalém Desde 1999!", pois você precisa saber que as Nações Unidas já controlam Jerusalém desde 1999 — no papel. Nesses 33 meses de Intifada, judeus e palestinos igualmente agonizaram devido às perdas humanas e à devastação material e econômica que essa guerra causou. Com o Estado Palestino declarado em 4 de junho de 2003, que cidade eles escolheram como sua capital? Eles querem Jerusalém. No entanto, os israelenses insistem em Jerusalém como sua eterna capital. Sendo assim, como ambos os lados não chegam a um consenso sobre quem controlará Jerusalém, nenhum dos dois lados a controlará. As Nações Unidas controlarão! O líder palestino pode governar de Ramallah e Israel pode governar de Tel Aviv; essa é a razão pela qual Bush estrategicamente não transferiu a Embaixada Americana de Tel Aviv para Jerusalém como prometeu fazer durante sua campanha eleitoral.

Vamos agora rever como as Nações Unidas adquiriram controle sobre Jerusalém sem que ninguém percebesse.

Resumo da Notícia: "As propriedades a seguir foram aprovadas pelo Comitê do Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade para serem incluídas na Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO. A lista atualmente, até dezembro de 1999, contém 630 diferentes propriedades. Jerusalém aparece listada em ordem alfabética".

Uma vez que a maioria das pessoas não sabe o que é uma Lista do Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade, vamos separar alguns minutos para esclarecer isso. As Nações Unidas criaram o programa de Patrimônio Histórico e Cultural para "preservar" sítios valiosos em todo o mundo que corriam o risco de serem destruídos ou danificados. Veja a descrição das Nações Unidas:

"De acordo com a Convenção do Patrimônio Histórico e Cultural, 'herança cultural' é um monumento, grupo de construções ou sítio de valor histórico, estético, arqueológico, cientifico, étnico ou antropológico. 'Patrimônio natural' designa características físicas, biológicas ou geológicas fora do comum; habitat de plantas ou animais ameaçados e áreas de valor cientifico ou estético do ponto de vista da conservação." http://www.unesco.org/whc/nwhc/pages/doc/main.htm

Obviamente, a cidade de Jerusalém se enquadraria como "Patrimônio Cultural". Agora, muitas pessoas se sentiriam pressionadas em concordar com os fundamentos desse programa; afinal de contas, não parece ser uma boa idéia a preservação de habitats culturais e naturais que estão ameaçados de destruição? É claro que sim. No entanto, o problema devastador aqui consiste em passar o controle desses lugares para as Nações Unidas, em vez de permitir que os países soberanos tenham, individualmente, a oportunidade de resolver esses problemas por sua própria conta.

Estariam as pessoas em um ponto em que se encontram tão cansadas da guerra que permitiriam — ou insistiriam — no controle internacional de Jerusalém para que os "valores culturais" dos lugares considerados sagrados para os judeus, cristãos e muçulmanos sejam "protegidos" pela comunidade internacional por meio do Comitê do Patrimônio Histórico e Cultural Mundial?

Em algum ponto desse caminho escolhido, o papa finalizará seus planos de viagem em Jerusalém, para anunciar que todas as religiões estão agora unificadas, que ele é o líder máximo dessa religião, e que a religião da Nova Ordem Mundial é uma realidade. Quando isso acontecer, o Quarto Passo terá então acabado de ser dado. Agora, vamos dar uma olhada no Quinto Passo.

Quinto Passo — O Anticristo surgirá no cenário internacional, após a guerra mundial provocada para produzi-lo. Se esses acordos de "ruptura" forem alcançados, anunciados, e implementados, você provavelmente pensaria que o mundo entraria em um longo período de paz. No entanto, o Quinto Passo deve ocorrer, e logo após o Quarto Passo; Jesus disse que o reinado do Anticristo viria tanto de guerras como de rumores de guerras. Certamente, vimos muito de ambos recentemente, mas os Illuminati planejaram três guerras mundiais de forma a produzir o Anticristo. [Leia o artigo N1056]. Os preparativos para essa guerra aparecem diariamente nos jornais, ao mesmo tempo em que a retórica para a Coréia e o Oriente Médio aumentam diariamente.

No entanto, a pergunta deve ser feita: pode o Anticristo emergir com base apenas em rumores e ameaças de guerra — ou o mundo deve passar pela Terceira Guerra Mundial para colocá-lo no cenário mundial? Mas, uma vez que os Passos Três e Quatro forem finalizados, a região não conhecerá a paz, pelo menos por enquanto? Você provavelmente pensa que sim, mas radicais muçulmanos e judeus poderão simplesmente explodir os lugares sagrados uns dos outros de forma a forçar a Terceira Guerra Mundial.

No artigo N1404 (não traduzido), detalhamos a aparente gafe de Arafat em uma entrevista com a repórter Christiane Amanpour, da CNN, em 8 de setembro de 2000, quando ele estava em Nova York para as três conferências do Anticristo. Vamos rever rapidamente a gafe que Arafat cometeu, pois pode conter a chave para compreender o que pode ocorrer depois que a "paz" surgir após a implementação dos Passos Três e Quatro.

Resumo da Notícia: "Arafat: Sítios Sagrados Serão os Primeiros Alvos", YOWUSA.COM, 11 de setembro de 2000, Marshall Masters.

"Em uma acalorada entrevista com a repórter da CNN Christiane Amanpour na última quinta-feira, Yasser Arafat pode muito bem ter revelado onde o próximo conflito irá começar... Arafat deixou escapar, 'Nós, palestinos... nossos primeiros alvos são a nossa terra (a terra dos locais sagrados)'. Nesse momento, Arafat se inclinou em direção a ela e perguntou se sabia quais eram os locais sagrados e, após expressar diversos pensamentos instáveis, ele subitamente se inclinou de volta para sua cadeira e imediatamente mudou sua linguagem corporal. A mudança foi inegável. Ele certamente percebeu que tinha dito algo que não deveria, caso estivesse no controle da entrevista. Ele simulou um rápido sorriso e anunciou que a entrevista estava terminada. Ele então começou a remover o microfone de sua lapela e um assistente palestino muito preocupado se dirigiu ao cenário para ajudá-lo a remover o microfone sem fio. Ele saiu sem se despedir, deixando apenas Amanpour muito chocada".

Arafat também possuía um segredo mais profundo e sombrio, que parece que deixou cair do seu bolso nesse momento; ele conhecia exatamente o plano militar e paramilitar dos árabes para atacar Israel em um futuro não muito distante! Quando eu estava na Inteligência do Exército, éramos constantemente lembrados de estar sempre em uma postura mental ativa e defensiva de forma a não revelar acidentalmente material secreto em uma conversa casual para uma pessoa que não estivesse devidamente preparada para receber a informação.

Acredito que Arafat deixou escapar acidentalmente duas partes muito importantes do Plano Illuminati para produzir o Anticristo. Uma vez que ele percebeu o quanto havia escorregado, ele abrupta e rudemente encerrou a entrevista. No dia seguinte, em 8 de setembro, Arafat estava subitamente num avião, voltando para Gaza. Os Illuminati devem ter ficado furiosos com essa gafe que ele cometeu.

Se Arafat revelou que planeja destruir os sítios sagrados na Palestina, esse é muito certamente o plano com o qual os Illuminati irão iniciar a Terceira Guerra Mundial. Se o Domo da Rocha (a Mesquita Al-Aqsa) for destruído, todos os 1,2 bilhões de muçulmanos no mundo ficarão furiosos e Jerusalém se tornará o "cálice de tontear" predito em Zacarias 12.

Os Illuminati planejam realmente destruir o Domo da Rocha para que o Anticristo possa ir para o Monte do Templo, ser proclamado como o Messias judaico e entronizado. Leia:

"Conseqüentemente, o novo Davi (o Anticristo) terá apenas que ser aclamado como tal (como Messias) ao entrar em Haram es-Sharif pela Porta Dourada... longos séculos de tradição judaica pregam que o futuro Messias irá, realmente, adentrar Jerusalém por essa exata porta... Na verdade, ele deve ser devidamente entronizado e ungido com azeite... Em meio aos destroços do Domo da Rocha, perto do local do antigo Santo dos Santos." (The Armageddon Script, Peter Lemesurier, pág. 235, leia a resenha).

Então, finalmente, a fraternidade global da Maçonaria poderá começar a construção do novo templo, o Templo do Anticristo, que os maçons chamarão de Templo de Salomão. [Leia o artigo N1643, "O Desejo Ardente de Reconstruir o Templo é o Ímpeto Propulsor que Está por Trás dos Eventos no Oriente Médio", para compreender melhor a intensidade da obsessão maçônica com o novo templo].

Como o Anticristo Aparecerá no Cenário Internacional

A Bíblia prediz que o Anticristo enganará a muitos com "sinais e prodígios de mentira" [2 Tessalonicenses 2:9]. No seminário referido na Casa da Teosofia, Bill Lambert falou sobre alguns desses sinais e prodígios. Não somente você ficará chocado, mas a maioria das pessoas estará tão aflita que suas mentes serão golpeadas. Muitos cristãos sequer sabem o quão forte será o poder oculto de Satanás quando o Anticristo aparecer. Veja Bill Lambert citando um trecho psicografado de Alice Bailey:

"O Espírito de Paz está pairando próximo à humanidade, procurando a oportunidade para fazer sua Presença ser sentida. O Espírito de Paz não é um conceito abstrato, mas sim um poderoso indivíduo, investido por forças até hoje não vistas em nosso planeta. Grandes Forças estão aguardando o momento em que elas agirão como as libertadoras da humanidade. Mas a porta para a entrada delas deve ser aberta pela própria humanidade e será aberta por uma ação conjunta da vontade, expressa por meio de uma prece com palavras e expressa por um som." [The Externalisation of the Hierarchy, pág. 173; ênfase adicionada].

Minutos antes de o Anticristo aparecer, algum som sobrenatural será ouvido e espiritualmente sentido por todos no planeta, ao mesmo tempo. Em nenhum outro momento da história mundial tantas pessoas sofrerão um impacto tão forte ao mesmo tempo! Esse poderoso som terá o objetivo de fazer as pessoas olharem para fora e para cima — até mesmo saírem de seus escritórios para olhar para o céu — para ver o que causou um som tão chocante para o coração e para a alma. As imagens do Anticristo aparecerão em todo o mundo simultaneamente, falando a cada grupo étnico em sua própria língua. Os "sinais e prodígios" terão começado e serão terrivelmente chocantes.

A alma das pessoas literalmente tremerá como gelatina. A Bíblia diz que Deus fará abalar tudo que pode ser abalado, para que aquelas coisas que não puderam ser abaladas permaneçam [Ageu 2:6, 21; Joel 3:16; Isaías 13:13]. Muitos cristãos hoje em dia estão seguros de que suportarão o violento ataque dos tempos de julgamento, quando o Anticristo aparecer. Não se engane quanto a isto: o próprio aparecimento do Anticristo é o julgamento de Deus, o inicio de Seus mais temíveis e furiosos julgamentos.

Muitos cristãos estão dormindo no ponto e não podem ver, ou não querem ver, que o presidente Bush não é um cristão nascido de novo, mas é, na verdade, um adepto praticante da Irmandade da Morte, a Caveira e Ossos. Eles também não vêem que ele está liderando a América exatamente como o plano Iluminista deseja. Se os cristãos não conseguem perceber o quão iluminista é George W. Bush, como pretendem identificar o Anticristo, quando ele estiver acompanhado de tremendo poder sobrenatural satânico e não tiver um histórico de prova (frutos espirituais) como Bush? (Leia o artigo, "President Bush's Evil Fruits x Good Fruits").

Vejamos agora mais "sinais e prodígios de mentira" mostrados pelo Anticristo durante sua ascensão. Lambert declara:

"Quando o Senhor Maitréia aparecer, ele se mostrará como um ser diferente para pessoas diferentes:

* Aparecerá como homem para os homens e como mulher para as mulheres.

*Aparecerá como branco para os brancos, negro para os negros, como um índio para os índios, etc."

Não fará diferença se você o vir pessoalmente, ou pela televisão. Além disso, "ele mostrará que é todas as coisas para todas as pessoas". Alguns meses após demonstrar esse tipo de poder oculto ilusório, o Anticristo começará subitamente a aparecer em sua forma normal, sendo visto por todos grupos étnicos e por todos os indivíduos como ele realmente é. O Anticristo anunciará que apareceu dessa forma para demonstrar que ele é "O Cristo" para toda a humanidade e que todos os grupos e raças são um.

Conclusão

Shimon Peres jogou uma verdadeira bomba em 22 de julho de 2003. Seu anúncio formou o coração e a alma do Terceiro Passo do plano de cinco passos para produzir o Anticristo. Teremos que aguardar para ver como isso tudo terminará, mas pelo menos sabemos que o Plano da Grande Fraternidade Branca está avançando conforme o esperado! Também sabemos que o Plano da Aliança da Nova Jerusalém também está operacional e ainda controla os eventos em Israel.

Lembre-se das palavras de Jesus Cristo: "Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e inofensivos como as pombas." [Mateus 10:16].

O Senhor Jesus também lamentou que terá de derramar a punição sobre Israel por eles não terem observado os sinais proféticos, durante o ministério de três anos de nosso Senhor. Vejam as palavras Dele e as implicações para os dias de hoje.

"E te derrubarão, a ti e aos teus filhos que dentro de ti estiverem, e não deixarão em ti pedra sobre pedra, pois que não conheceste o tempo da tua visitação." [Lucas 19:44; ênfase adicionada].

Os judeus dos tempos de Jesus Cristo pagaram um preço terrível por não O terem reconhecido como Messias, apesar de Seu ministério de três anos e meio repleto de milagres inacreditáveis. Seus descendentes, durante os próximos 1900 anos pagaram um preço ainda maior. Mesmo com o Velho Testamento dando um período de tempo tão preciso, que seria possível saber até o dia exato em que Jesus seria apresentado a Israel como Messias, a cegueira espiritual estava tão firmemente imposta, que a maioria dos religiosos judeus não o reconheceu como o Messias.

Você reconhece o tempo da sua visitação? Está atento para os "sinais dos tempos" nas notícias diárias, reconhecendo que a segunda vinda de Jesus está próxima?

Pastores, vocês estão observando as noticias para ver como os eventos atuais estão levando a humanidade coletivamente mais para perto de um governo, uma economia e uma religião globais, que a Bíblia descreve nas profecias relacionadas com o aparecimento do Anticristo? Você é corajoso o suficiente para informar os fiéis de sua congregação? Ou você é como os rabinos judeus do tempo de Jesus — que tinham medo de ocupar o púlpito para dizer ao povo que aquele homem deveria ser o Messias, após Ele ter cumprido mais de trezentas profecias messiânicas, pois estavam mais interessados em encher suas sinagogas do que em dizer a verdade profética, estavam mais interessados em aumentar a receita obtida com os dízimos do que em dirigir o povo corretamente?

No dia do Tribunal de Cristo, muitos pastores que deliberadamente deixaram de contar ao seu povo que os eventos atuais estão predizendo o aparecimento do Anticristo e/ou aqueles que deliberadamente não observaram os eventos mundiais com olhos proféticos ficarão muito surpresos ao perceberem que deixarão de receber muitos galardões por sua falta de cuidado com o rebanho a eles confiado.



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Tradução: Raphael S. Linhares
Data de publicação: 22/3/2006
Patrocinado por: A. J. R. C. — Fortaleza / CE
Revisão: V. D. M. — Campo Grande / MS e http://www.TextoExato.com
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n2087.asp