Mais Importa Obedecer a Deus do Que aos Homens

Mais Importa Obedecer a Deus do Que aos Homens

Autor: Jeremy James, Irlanda, 29/7/2020.

Como um ministério que faz o papel de vigilante, raramente temos a oportunidade de compartilhar boas notícias, além das boas novas do Evangelho. O Maligno está incrivelmente ativo, com tantos de seus vis esquemas amadurecendo ao mesmo tempo, tudo com vistas a impor uma Nova Ordem Mundial, que está agora sendo difícil manter-se atualizado com tantas más notícias.

Como cristãos, podemos enfrentar esses acontecimentos perturbadores sabendo que nosso Senhor Jesus Cristo retornará no tempo indicado por Seu Pai, primeiro em alegria para Sua noiva e, depois, em triunfo, para aniquilar o Iníquo.

Quem sabe o que os santos precisarão suportar antes do Arrebatamento da igreja? Seja lá o que acontecer, podemos ter certeza que isso servirá a um propósito muito maior do que qualquer coisa que nossas mentes pequenas possam imaginar. Este poderá ser um tempo em que muitas almas desamparadas escaparão das garras do Maligno e aceitarão o dom da salvação.

As Boas Notícias

As boas notícias referem-se a uma questão que discutimos várias vezes ao longo dos últimos meses, isto é, a falha visível por parte da igreja em reconhecer a natureza satânica do confinamento devido à pandemia da Covid-19 e os passos sinistros que estão sendo tomados pelos servos de Satanás para restringir, ou até proibir, as reuniões nas igrejas e a adoração cristã.

O pastor de uma igreja no Havaí pregou um sermão em 26 de julho passado, um domingo, em que rejeitou publicamente a autoridade do governo dos EUA — ou, de fato, de qualquer governo ou autoridade civil — de limitar ou proscrever a adoração cristã. Ele também afirmou que o direito à adoração foi estabelecido por ordem de Deus e todos os cristãos têm esse direito, independente se ele foi ou não concedido em uma Constituição.

O pastor em questão foi J. D. Farag, da Capela do Calvário, em Kenehoe, Honolulu (veja a foto acima).

Não sabemos se algum outro pastor, nos EUA ou em algum outro lugar, fez uma declaração similar, mas se outros pastores fizeram, elogiamos e aplaudimos todos eles! Louvado seja o Senhor! Estas são boas notícias. Isto é algo que todos os cristãos verdadeiros saudarão com entusiasmo.

O Que o Pastor Disse

As palavras do pastor Farag são reproduzidas abaixo. Compartilhe esta notícia e incentive outros fiéis cristãos a refletirem, com gratidão e reconhecimento, a respeito da sólida posição bíblica que o pastor Farag adotou. Somente podemos orar para que outros pastores, que até aqui mostraram-se hesitantes, encontrem a coragem para dar um passo à frente e seguir o exemplo.

A partir do sermão do pastor J. D. Farag — "Atualização da Profecia Bíblica, 26/7/2020 — na igreja de Jesus Cristo, Capela do Calvário, em Honolulu, Havaí. [endereço no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=0ayBZF06nh0] [45:20min – 48:50min]:

"Este é, provavelmente, o tempo correto para deixar gravado em vídeo a posição oficial desta igreja."

"Como pastor desta igreja — o que, como vocês sabem, é um enorme privilégio para mim — esta é nossa posição formal. Em resposta ao Segundo Aditamento, de 2 de julho, para a Ordem de Emergência de Número 2020-18, da cidade e condado de Honolulu, que requer 'que todos os indivíduos dentro da cidade usem coberturas faciais enquanto estiverem em áreas abertas e em espaços públicos, mantendo uma distância física de 1,80 metros das pessoas que não são da mesma família ou que vivem na mesma residência, não é viável e, considerando que a seção 11 na página 35 do citado Aditamento limita 'os serviços espirituais oferecidos pessoalmente', estamos sendo forçados à não-conformidade."

"Ao mesmo tempo que certamente desejamos obedecer às leis, como o apóstolo Paulo nos exorta a fazer em Romanos 13:1-2, a cidade e o condado de Honolulu infeliz e ilicitamente, foram longe demais e, como tal, precisamos nos posicionar, como fizeram Pedro e os apóstolos, em Atos 5:29, que, após serem informados que havia ordens estritas para eles não ensinarem, proclamarem e adorarem Jesus Cristo, disseram: 'Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.'"

"Além disso, a cidade e o condado de Honolulu, respeitosamente — isto não é um desafio — respeitosamente, exerceram autoridade ilícita, ao ordenarem que desobedeçamos à Palavra de Deus e ao Deus da Palavra. Falando de forma bem simples, Deus não deu ao governo autoridade sobre a igreja, seus pastores e/ou seus líderes e, na verdade, o proibe de fazer qualquer interferência nas questões da igreja, que de algum modo se sobrepõem à autoridade dada por Deus à igreja."

"Além disso, a igreja de Jesus Cristo não está sujeita aos oficiais e autoridades do governo; ao contrário, as autoridades do governo estão sujeitas a Jesus Cristo. Finalmente, nunca iremos procurar a permissão do governo para nos reunirmos como igreja e também — e isto é muito importante — não estamos lutando pelo direto constitucional em relação ao Primeiro Aditamento da Constituição dos EUA, que diz que 'o Congresso não fará leis referentes ao estabelecimento de religião, ou proibirá o livre exercício dela'. E aqui está a razão: Nossa liberdade religiosa de adoração é uma ordem dada por Deus e não um privilégio concedido pelo Estado. É por isto que não iremos pedir a dita permissão."

"Esta é nossa posição formal."

Alguns Comentários Sobre o Uso da Máscara em Público

Se usarmos uma máscara em uma loja por que a gerência da loja diz que ela é obrigatória, estamos cruzando uma linha. A mesma lei que exige este comportamento em uma loja (ou em outro lugar público) também pode ser usada para obrigar o uso da máscara em nossas igrejas. Se aceitarmos isto em um lugar (em uma loja), então estamos efetivamente admitindo que as autoridades civis têm o direito de tornar isto compulsório em nossa igreja local.

Satanás armou esta armadilha sabendo que muitos cristãos não verão como ela funciona, ou o quanto eles irão perder se caírem nela.

A Suprema Corte dos EUA decidiu, em 25 de julho, que os apostadores e as prostitutas nos cassinos de Las Vegas recebam o direito de se reunirem, o que continua a ser negado aos cristãos. Mas, como o pastor Farag afirmou corretamente, a Suprema Corte não tem autoridade nesta questão! Nosso direito de nos reunirmos como uma assembleia de cristãos vem de Deus — e somente de Deus.

O sábado foi feito para o homem e não o homem para o sábado. As regras opressivas que os fariseus dos dias modernos criaram têm somente um propósito — restringir e, se possível, eliminar a verdadeira adoração cristã. Os luciferianos na Suprema Corte — que servem ao deus-serpente da Cabala e da Maçonaria — podem se gloriar, por enquanto, no poder que eles presumem exercer, mas isto não durará muito tempo.

Outro cabalista arrogante, o advogado Alan Dershowitz — que sabidamente esteve vinculado com o pedófilo e predador Jeffrey Epstein — teve a audácia de fazer a seguinte afirmação em uma entrevista em 19 de maio e, novamente, de uma maneira mais sutil, em um debate com Robert Kennedy Jr., em 23 de julho:

"Permita-me explicar isto muito claramente. Você não tem direito constitucional de colocar em risco o público e propagar a doença. Mesmo que discorde, você não tem o direito de não ser vacinado. Você não tem o direito de não usar a máscara. Você não tem o direito de abrir sua empresa... se você se recusar a ser vacinado, o Estado tem o poder de literalmente levá-lo até um consultório médico e enfiar uma agulha no seu braço."

Este clipe foi reproduzido durante a entrevista que Patrick Bet-David realizou com Dershowitz e Kennedy, em 23 de julho. (https://www.youtube.com/watch?v=IfnJi7yLKgE). O Dr Dershowitz não retirou ou modificou nada do que disse na entrevista anterior.

Em duas ocasiões durante a entrevista, o demônio que controla Dershowitz mostrou-se por cerca de meio segundo — primeiro a 3:29min e depois, mais agressivamente, em 3:31min (veja acima). Muitos que assistiram a este vídeo provavelmente deixaram de observar essas duas impressionantes e rápidas manifestações de fúria demoníaca. Uma pessoa normal não pode fazer o que Dershowitz fez — formar e remover do rosto uma expressão de fúria em apenas meio segundo — mas um demônio pode. Sugerimos que os leitores vão até a gravação original no YouTube e façam uma pausa nos pontos indicados. (A melhor forma de congelar uma imagem que está passando rapidamente no YouTube, é pressionar o botão Reproduzir/Pausa duas vezes, em uma rápida sucessão.)

Alan Dershowitz foi o convidado de honra em um evento especial realizado em 19 de junho na sede do movimento Chabad Lubavitch, no bairro do Brooklin, na cidade de Nova York, EUA. O Chabad está imerso na Cabala e é intensamente hostil ao Cristianismo. De acordo com as Leis de Noé, que são zelosamente promovidas pelo Chabad, adorar a Jesus Cristo é um ato de idolatria que precisa ser punido com a decapitação.

Foto ao lado: Jeffrey Epstein com Alan Dersohwitz.

Dershowitz estava na equipe de advogados que negociou para Epstein em 2007 um acordo de não-persecução penal, por causa de afirmações, baseadas em fortes evidências, que ele tinha se envolvido em tráfico de crianças para fins sexuais. Um tribunal na Flórida decidiu em 2019 que o acordo foi ilegal.

O Cabresto e o Freio

Estamos familiarizados com o cabresto e o freio que os fazendeiros e os praticantes de equitação usam para controlar os cavalos e as mulas e direcionar seus movimentos. As peças são encaixadas sobre a face do animal, especialmente a região da boca. A Palavra de Deus nos pede que, como filhos de Deus, não permitamos que sejamos tratados desta maneira:

"Não sejais como o cavalo, nem como a mula, que não têm entendimento, cuja boca precisa de cabresto e freio para que não se cheguem a ti." [Salmos 32:9].

O profeta Isaías também se refere a um freio no fim dos tempos:

"E a sua respiração como o ribeiro transbordante, que chega até ao pescoço, para peneirar as nações com peneira de destruição, e um freio de fazer errar nas queixadas dos povos." [Isaías 30:28].

Nesta passagem, o profeta está falando sobre o retorno de Cristo, quando Ele vem para destruir as nações — "Eis que o nome do SENHOR vem de longe, ardendo a sua ira, sendo pesada a sua carga; os seus lábios estão cheios de indignação, e a sua língua é como um fogo consumidor." [Isaías 30:27]. O freio refere-se aos meios providenciais que o Senhor usará para estorvar as vontades e intenções rebeldes dos homens presunçosos. Entretanto, a imagem é tão vívida, que também pode ser uma alusão à máscara que o Maligno está usando para colocar um véu sobre as nações, fazendo-as se submeter incondicionalmente à sua autoridade e "fazendo-as errar".

"E destruirá neste monte a face da cobertura, com que todos os povos andam cobertos, e o véu com que todas as nações se cobrem." [Isaías 25:7].

Depois que os homens são condicionados a aceitarem a máscara, será muito mais fácil fazer com que aceitem o sinal da besta (Apocalipse 13:16, etc.).

Os cristãos devem conseguir ver como tudo isto se encaixa junto. A Palavra de Deus nos mostra os principais elementos no modelo que o Maligno está seguindo.

Como um exercício mundial em engenharia social e controle mental, este programa inteiro mostra à conta-gotas a traição e a sagacidade de Satanás. Em nossa visão, não haverá um "retorno à normalidade" e nenhuma restauração das liberdades que anteriormente eram usufruídas. O Maligno manterá a pressão até subjugar toda a oposição.

A vacina proposta certamente conterá ingredientes prejudiciais ao bem-estar daqueles que a tomarem, incluindo elementos que causarão infertilidade, enfraquecerão o sistema imunológico e promoverão doenças inflamatórias crônicas. De acordo com algumas reportagens, ela também conterá componentes minúsculos, da ordem de milionésimos de um milímetro e outros ingredientes que interferirão com o funcionamento normal do nosso DNA. Aqueles que estudaram o aparecimento desse plano perverso ao longo dos últimos cinquenta anos, aproximadamente, não têm dúvidas sobre seu propósito genocida ou seu papel pivô na subjugação das nações.

Conclusão

Recebemos muito bem a declaração pública do pastor Farag, em 26 de julho! Se outros pastores fizeram pronunciamentos similares, alegramos-nos também com eles. São boas notícias, suaves aos ouvidos e agradáveis à alma. Incentivamos nossos leitores a compartilharem isto com outras pessoas.

"Ouvi-me, vós que conheceis a justiça, povo em cujo coração está a minha lei; não temais o opróbrio dos homens, nem vos turbeis pelas suas injúrias." [Isaías 51:7].

Solicitação Especial

Incentivamos os leitores frequentes a baixarem os ensaios disponíveis neste website para cópia de segurança e consulta futura. Eles poderão não estar disponíveis para sempre. Estamos entrando rapidamente em um tempo em que materiais deste tipo somente poderão ser obtidos via correio eletrônico. Os leitores que desejarem ser incluídos em uma lista para correspondência futura são bem-vindos a me contactar em jeremypauljames@gmail.com. Não é necessário fornecer o nome, apenas um endereço eletrônico.



Autor: Jeremy James, artigo em http://www.zephaniah.eu
Data da publicação: 4/8/2020
Transferido para a área pública em 21/8/2020
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/obedecer.asp