Saúde e Bem-Estar — Recomendações Sob uma Perspectiva Bíblica Para uma Vida Melhor

Saúde e Bem-Estar — Recomendações Sob uma Perspectiva Bíblica Para uma Vida Melhor

Autor: William J. Schnoebelen, 2011.

Nota de Isenção de Responsabilidade: O autor deste livreto não é médico. e nada aqui tem a intenção de curar, tratar ou prescrever tratamento para alguma doença. As afirmações aqui apresentadas não são orientações médicas. O objetivo é compartilhar conhecimento e informações para educação somente. As ervas e suplementos mencionados aqui não passaram pelo processo de teste da FDA (Federal Drug Administration). O responsável por sua saúde é você mesmo, mas é prudente consultar um profissional qualificado na área de saúde antes de fazer qualquer grande mudança na dieta e no estilo de vida.

"No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações." [Apocalipse 22:2].

"E disse Deus: Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser-vos-á para mantimento." [Gênesis 1:29].

Alguém pode perguntar: "— Por que um pregador escreveu um livreto sobre saúde e bem-estar?" Bem, ao longo dos anos já ministramos para centenas de pessoas que lutavam com diversas formas de servidão espiritual ou emocional. Durante esse tempo, vimos centenas de vitórias maravilhosas em Cristo Jesus. Todo louvor ao Seu santo nome por esse fato maravilhoso.

A cura emocional sempre foi um pouquinho mais desafiadora do que lidar com a opressão espiritual. Ao longo do caminho, o Espírito Santo nos mostrou muitas coisas maravilhosas. Todavia, Ele também nos levou a trabalhar de uma forma bíblica mais arredondada com algumas pessoas que vieram até nós.

O que quero dizer com "bíblica?" Bem, neste contexto, estou me referindo ao fato que na Bíblia, não há uma divisão clara entre corpo, alma e espírito. No Ocidente, como parte de nossa "herança" da igreja romana, temos essa ideia que o corpo e a alma são completamente separados e quase "em inimizade" um com o outro. Esta é uma ideia criptognóstica que se infiltrou sorrateiramente na igreja romana logo nos primeiros séculos.

Os gnósticos foram uma das mais antigas heresias cristãs. A maioria deles ensinava (entre outras coisas) que o espírito e alma eram bons, mas que o corpo era irremediavelmente corrupto. Por este motivo, muitos deles negavam que Jesus Cristo pudesse ter encarnado em um corpo físico real. (Veja a Nota 1).

A Bíblia não ensina isto. A Bíblia nos vê como corpo, alma e espírito; e em uma forma mais integral (ou total). Na verdade, a palavra usada frequentemente no Novo Testamento para corpo é soma. Este é um termo muito mais abrangente do que "carne", que normalmente é usado de forma negativa e frequentemente aparece como sarx no original grego. Soma tem a intenção de indicar o corpo e a alma juntos, como uma pessoa inteira.

Em termos do nosso ministério, verificamos que algumas vezes precisávamos fazer mais do que apenas tratar com opressão espiritual, ou cura emocional. Nossas emoções estão vinculadas com nosso corpo físico. Isto está cada vez mais sendo compreendido na medicina.

Frequentemente, o Senhor Jesus soberana e gloriosamente curava as emoções e o físico de alguém. Mas, algumas vezes ele não fazia isto. Então, o que devíamos fazer? Enviar a pessoa de volta para seu psiquiatra ou médico (a maioria vinha até nós por indicação de psiquiatras e pastores) ou fazer alguma outra coisa? Cada vez mais, o Espírito Santo nos mostrava que deveriámos fazer alguma outra coisa.

Durante a maior parte de sua existência nos últimos 2.000 anos, a igreja de Jesus Cristo ministrou à todas as necessidades de seus membros. Os líderes das igrejas trabalhavam nas áreas da cura física, cura das almas e também na vida espiritual. Dito de outra forma, o Corpo de Cristo funcionava como pastor, médico, psiquiatra e curador. Hoje, permitimos que o Estado interferisse, por meio de coisas como licenciatura e apropriação de uma grande parte do ministério da igreja. Isto está em desacordo com a Escritura. A cura é uma arte santificada, divina. A medicina moderna, frequentemente a transformou em uma indústria e, algumas vezes, em uma indústria não muito eficaz.

Com isto em mente, começamos a estudar meios naturais de ajudar as pessoas com suas dificuldades emocionais e físicas que, frequentemente, vinham acompanhadas pelas devastações dos ataques demoníacos, ou por elas terem sido criadas dentro de falsos grupos religiosos. Acima de tudo, acreditamos que as pessoas na igreja precisam assumir a responsabilidade por sua própria saúde física e emocional.

A sociedade como um todo também começou a se mover nesta direção e (pelo menos neste caso) está se movendo mais na direção que o Senhor Deus quer que ela vá. Cada vez mais ouvimos falar em bem-estar físico, seja na mídia ou na publicidade. Bem-estar significa simplesmente fazer mudanças no seu estilo de vida que o ajudem a melhorar sua qualidade de vida e a prevenir o aparecimento de muitas doenças.

Acredito que isto seja uma coisa boa. O fato é que, até muito recentemente, a assistência à saúde, em muitos países industrializados era mais como "tratamento de doenças". Se você adoecia, ia ao médico e dizia: "Faça com que eu fique bom", ou "Faça a dor passar". Eu mesmo fiz isso durante os primeiros 35 anos de minha vida.

Como resultado, nos anos 1970s, eu era um típico homem americano. Eu estava na faixa etária dos 20-30 anos e ficava doente continuamente. Eu ficava resfriado 2-3 vezes por ano e sempre pegava uma gripe mais forte. Eu me alimentava com a dieta padrão americana. Em 1981 (enquanto eu era um mórmon devoto), recebi um diagnóstico de câncer no cólon e por pouco não precisei ter meu cólon parcialmente removido).

Eu estava envolvido com bruxaria (Veja a Nota 2) e tinha estudado um pouco sobre herbologia, porém não recebi treinamento profundo nos modos naturais de lidar com uma crise daquele tipo. Meu treinamento tinha sido mais na área das atribuições ocultistas das ervas, não tanto em usá-las para a cura. Felizmente, minha mulher estava naquele tempo trabalhando para um médico envolvido com curas naturais. Ele sugeriu que eu procurasse um terapeuta do cólon. Fiz isso e a crise foi superada de uma forma rápida e espetacular. O tratamento funcionou tão bem que minha mulher decidiu estudar para se tornar uma terapeuta do cólon.

Foi assim que ela ganhou a vida de 1981-1984. Eu também comecei a me afastar da dieta americana padrão e passei a adotar uma dieta mais rica em fibras.

Depois que recebemos a Cristo como nosso Salvador, em 1984, afastamos-nos muito dessa filosofia, acreditando que era de Nova Era, ou que estava de alguma forma associada com a bruxaria — muitos cristãos também pensam assim. Os pastores nos diziam que as ervas e vitaminas eram ocultistas e associadas como o "espírito de Pharmakeia". Como resultado, minha saúde gradualmente ficou prejudicada. O ministério em tempo integral pode exigir muito fisicamente e comecei a ir ladeira abaixo, embora me alimentasse melhor do que muitas pessoas. Foi necessária uma crise de pedras nos rins, no início dos anos 1990s, para me fazer olhar além do modelo médico americano padrão mais uma vez. Além disso, observar meu pai morrer de câncer de forma horrível nas mãos dos médicos me fez começar a repensar minha total rejeição aos tratamentos e curas naturais, etc.

À medida que trabalhamos com as pessoas que vinham até nós para receber ministração, o Espírito Santo nos mostrou que Ele tinha fornecido modos naturais de ajudá-las a se recuperar — física ou emocionalmente. Uma grande crise na saúde de minha mulher no ano 2000 — cardiomiopatia avançada — nos motivou a seguir ainda mais neste caminho. Embora ela estivesse sendo tratada em um dos principais hospitais nos EUA para doenças cardíacas, havia pouco que eles podiam oferecer além de um transplante do coração. Após um tremendo período em oração e intercessão de muitas pessoas que nos apoiavam em oração, fomos levados a usar alternativas totalmente naturais (Veja a Nota 3) e oração, em vez de um transplante.

Em agosto de 2000, os médicos disseram que se ela não recebesse um novo coração, teria somente uma semana de vida, ou até menos. Entretanto, ela viveu até 2009 e teve, em grande parte, uma boa qualidade de vida até perto do fim. Glória ao Senhor Jesus! Em tudo isto, vimos que usar ervas (e, em menor extensão, vitaminas e outros suplementos) não é realmente satânico. Afinal de contas, nosso Deus criou as ervas e as deu para nós usarmos. "E disse Deus: Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser-vos-á para mantimento." [Gênesis 1:29].

Ficamos tão entusiasmados que começamos a estudar formalmente a naturopatia. Sharon concluiu um doutorado em naturopatia e estou finalizando o meu também. Adicionalmente, ela tinha um Mestrado em Ervas Medicinais. Após muita oração, sentimos que o Senhor Deus nos fez passar por tudo isto como um modo de nos tornarmos mais autossuficientes e nos preparar para as crises que pareciam estar vindo sobre nós.

Originalmente, ficamos preocupados com o chamado "Bug do Milênio", na passagem do ano 1999 para o ano 2000 e o efeito que isso teria nos softwares dos computadores que controlam a infraestrutura, devido às panes que poderiam ocorrer nos sistemas. Aquela mudança no calendário acabou não sendo tão séria assim. Agora, porém, estamos no meio de uma crise ainda mais aflitiva com os ataques ao nosso país (especialmente ataques biológicos — antrax, etc.) que podemos ver que fomos dirigidos pelo Senhor para nos preparmos para isto desde os anos 1990 "... e quem sabe se para tal tempo como este chegaste a este reino?" [Ester 4:14].

Também não somos os únicos. Nos últimos 6-7 anos fomos abençoados em conhecer muitos cristãos sólidos que trabalham com os protocolos neuropáticos. Estas pessoas estão recuperando terreno há muito tempo ocupado e apropriado pelos devotos da Nova Era e outros indivíduos de orientação espiritual questionável. Compreenda que existem modalidades de medicina alternativa que são ocultistas, mas muitas delas não são. É para tratar desta questão que estamos escrevendo este livreto.

Duas Filosofias Opostas

Essencialmente, o que temos nos "países industrializados" do mundo hoje são dois modelos separados de como curar as pessoas. Existe o modelo "médico moderno" da AMA (Associação Médica Americana), em que a maioria dos cristãos confia e acredita ser de Deus e apropriada. Há então o modelo naturopático, que muitos cristãos assumem estar repleto de bobagens ocultistas ou de origem estrangeira. Na melhor das hipóteses, ele é visto como charlatanismo e, na pior, como satânico. Vamos definir os termos.

Naturopatia (que é um título abrangente que inclui coisas como herbalismo, massagens, aromaterapia, Medicina Ortomolecular, etc.) existe, de uma forma ou de outra, desde o início dos tempos. Esta é, provavelmente, o tipo de medicina que o "Dr. Lucas" (Colossenses 4:14) praticava no Novo Testamento. A naturopatia pode ser explicada por um termo mais antigo "Vitalismo". (Veja a Nota 4).

A medicina natural (que é outra palavra para naturopatia, outros dizem medicina alternativa, ou medicina complementar) tem um mau julgamento entre os cristãos. A razão para isto é que muitos tipo da Nova Era estão envolvidos com ela e a medicina da AMA parece ser muito mais "respeitável". Todavia, esta é uma concepção errônea, pois a medicina convencional está mais próxima da feitiçaria do que estão coisas como as ervas medicinais.

Todos conhecemos a famosa passagem: "A feiticeira não deixarás viver." [Êxodo 22:18]. O que a maioria não sabe é que a palavra na Septuaginta grega para "feiticeira" ali é pharmacos. Esta é uma palavra que significa, entre outras coisas, aqueles que lidam com ervas para envenenamento, drogas alucinógenas, etc. (Veja a Nota 5). Sem qualquer coincidênia, esta é a raiz da palavra "farmácia".

Veja o seguinte: a indústria farmacêutica, em grande parte, usa componentes tóxicos (venenos) em seus medicamentos. É por isto que todas as drogas (do tipo farmacêutico) têm efeitos colaterais. Pela definição da FDA, uma droga precisa produzir efeitos colaterais, ou então não é uma droga. Até mesmo a droga mais benigna afeta adversamente o corpo humano de algum modo, por menor que seja. Isto é o que a Bíblia chama de feitiçaria (uma variedade dela — logicamente, existem outras variedades de feitiçaria que também são condenadas (Veja a Nota 6)). A maioria dos produtos farmacêuticos modernos é feita de petróleo e de outros produtos químicos com (em muitos casos) distilados e isolados de componentes encontrados nas plantas. Muitos são simplesmente produtos químicos que forçam o organismo a fazer alguma coisa. Ao forçar o corpo a fazer algo que normalmente ele não faria, você está interferindo com o projeto do corpo, conforme nosso Senhor Jesus Cristo o criou. Algumas vezes, isto é necessário. Quando alguém é baleado ou sofre um terrível acidente de carro, pode necessitar de anestésicos e de tratamento em um centro especializado em traumatismos. Mas, isto deve ser a exceção, não a regra!

Certamente, existem muitos bons cristãos que são médicos e isto não tem o objetivo de desmerecer aquilo que eles fazem. Todavia, eles são, em muitos casos, vítimas da tremenda quantidade de treinamento que recebem. A maior parte desse treinamento (tanto nas Escolas de Medicina e depois que eles iniciam a prática médica) é financiada pelas indústrias farmacêuticas. Se os médicos querem aprender sobre os modos naturais de curar, têm de tomar a iniciativa e fazer isso por conta própria. Muitos deles não têm tempo (ou suporte financeiro) para isto.

Por outro lado, os conglomerados farmacêuticos pagam pelo treinamento que os médicos recebem sobre as mais recentes produtos farmacêuticos. Assim, a não ser que os médicos sejam muito pró-ativos e motivados, nunca aprenderão a pensar fora da "caixa" da medicina formal. Eles geralmente trabalham em vários empregos e estão sobrecarregados com muitos pacientes!

Entretanto, é importante que eles façam isto, porque algo está muito errado com a "caixa", além do fato que a medicina da AMA está usurpando as tarefas que pertencem por direito à igreja de Cristo. A medicina, da forma como é praticada nos EUA, não está funcionando. De acordo com a AMA, o sistema médico" é a TERCEIRA CAUSA PRINCIPAL de mortes nos EUA! (Veja a Nota 7). Podemos mostrar a você um caminho melhor (e mais bíblico)? (Atos 18:26).

Um Sistema Imunológico à Prova de Balas

Muitas pessoas estão aterrorizadas com aquilo que está acontecendo no mundo em termos de potencial terrorismo biológico. Desde o surto de antrax que ocorreu nos EUA alguns anos atrás, o perigo se tornou muito real. Existem, de fato, vírus e outros micróbios que podem ser muito poderosos e muito perigosos. (Veja a Nota 8.).

Naturalmente, a abordagem médica a esta ameaça é: antibióticos para as bactérias e vacinas para os vírus. As duas coisas podem ser problemáticas, como veremos. (Ao contrário da crença popular, os antibióticos NÃO têm efeito algum contra os vírus. Se você ficar resfriado ou gripado e o médico prescrever antibióticos, ele está desperdiçando o tempo dele e o seu dinheiro!)

A abordagem alternativa ou natural a essa ameaça é ser pró-ativo. Em vez de receber uma vacina ou tomar um antibiótico, o que poderá na realidade contemporizar seu sistema imunológico, por que não simplesmente trabalhar para aprimorar a qualidade da condição interna do seu próprio corpo de tal forma que nenhum vírus possa estabelecer uma cabeça de ponte ali?

Como mencionado acima, o Senhor Deus criou nossos corpos para serem admiráveis organismos de cura. Uma investigação do nosso sistema imunológico está além da abrangência deste livreto, porém basta dizer que um corpo em perfeito funcionamento produz milhões de pequenos soldados de infantaria como leucócitos, glóbulos brancos, células-T, etc., que devem ser mais do que suficientes para a tarefa de repelir quaisquer invasores externos.

Algumas da enzimas na sua boca devoram as bactérias. Diferentes enzimas na entrada superior do estômago lidam com outras bactérias. Dentro do estômago, ácidos poderosos frequentemente matam muitos organismos perigosos. Até mesmo nossa transpiração possui propriedades antibacterianas! Todavia, depois que você perfura a pele (como ao receber uma dose de vacina), contemporiza o sistema imunológico de formas terríveis. É por isto que o enfermeiro sempre esfrega um pouco de álcool antes de perfurar a pele. Isto é bom. Mas, considere que quando você recebe uma vacina, está injetando material biológico estranho dentro da sua corrente sanguínea, desse modo contornando todos os tipos de defesa que o Senhor Deus proveu para seu corpo.

Muitas pessoas (incluindo este autor) que praticam abordagens pró-ativas e alternativas para a saúde estão há vários anos, em alguns casos até décadas, sem sequer contrair um resfriado ou uma gripe. Conheço alguns indivíduos já em seus 70 ou 80 anos que nunca consultaram um médico em toda a vida, porque eles (e seus pais) praticam a medicina natural. Eu mesmo, não fiquei resfriado ou gripado nos últimos 16 anos. A razão é por que tenho trabalhado para fortalecer aquilo que chamamos de "terreno biológico", de forma que os vírus não encontrem um local em que possam se multiplicar. Como isto funciona? Bem, considere a seguinte pequena comparação:

Lixo Que Entra, Lixo Que Sai

Suponha que em uma grande cidade os trabalhadores da área de limpeza pública e saneamento básico entrem em greve. Naturalmente, o lixo começa a se acumular. Depois de algum tempo, além do fedor, começam a aparecer ratazanas. É claro que os ratos são um grande problema de saúde pública. O que a cidade faz?

Bem, a escolha lógica seria atender as reivindicações dos trabalhadores e oferecer-lhe melhores salários. Mesmo assim, o trabalho deles seria enorme nas primeiras semanas. Todavia, suponha que existam considerações orçamentárias. Aqui estão algumas outras ideias, que me foram propostas pelo público nas ocasiões em que compartilhei esta história:

  1. Sobrevoar as ruas da cidade e pulverizar poderosos pesticidas ou venenos sobre o lixo para matar as ratazanas.
  2. Sobrevoar as ruas e derramar perfume sobre o lixo, para eliminar os odores e solucionar parte do problema.
  3. Comprar centenas de gatos que persigam e matem os ratos.
  4. Atear fogo no lixo, ou lançar bombas, de forma a matar os ratos e torcer para que o fogo não se propague para os edifícios na vizinhança.

Acredite se quiser, esta é uma parábola do seu próprio corpo. Essas quatro ou cinco soluções são análogas às várias abordagens "terapêuticas" que podem ser usadas. A cidade é seu corpo. O lixo é, naturalmente, os refugos e produtos de excreção produzidos no seu corpo.

Em um corpo saudável (como uma cidade com equipes de limpeza e saneamento em atividade) seus refugos e excreções são removidos frequentemente por meio do suor, respiração, urina e fezes. Na maioria das pessoas, as três primeiras funcionam bem. Não deixamos de transpirar (a não ser que apliquemos antitranspirantes e, mesmo assim, ninguém aplica um antitranspirante sobre seu corpo inteiro!) Se não respiramos, morremos em um ou dois minutos. Obviamente, urinamos porque se não fizermos isso, o desconforto aumenta cada vez mais. É assim que o Senhor nos criou!

Todavia, desde nossa infância, somos treinados a ter um controle consciente sobre nossos intestinos. Isto é bom, mas até certo ponto. Todavia, muitos de nós, seja devido à dieta ou escolhas conscientes ("Estou atarefado demais para fazer isto agora!") têm movimentos intestinais somente uma vez por dia, ou até menos. Os "lixeiros" estão em greve!

Vamos olhar para as soluções acima:

  1. Em termos médicos, chamaríamos isto de quimioterapia.
  2. Isto seria equivalente a dar um analgésico a alguém. Os analgésicos aliviam os sintomas, exatamente como o lixo que passa a cheirar como Channel Número 5, mas isto não soluciona o problema.
  3. Esta seria na verdade uma solução de medicina natural aceitável. Voltaremos a isto mais tarde.
  4. Na medicina da AMA, isto seria cirurgia ou tratamento com radiação (cortar e remover, ou queimar).

Agora, compreenda o seguinte. Não há nada de errrado com a Escolha Número 2. Muitas vezes as pessoas com dores necessitam de analgésicos (pacientes de câncer, vítimas de acidentes, etc.). O Senhor Deus até mesmo nos forneceu alguns poderosos anestésicos naturais, como a papoula do ópio, que é de onde se extrai a morfina e a casca do salgueiro branco (não tão poderoso), que é de onde derivamos a aspirina. Mas, o ópio e sua morfina derivada podem causar dependência química. Exatamente por esta razão, compreendemos que isto NÃO soluciona o problema subjacente.

Agora, é claro, a abordagem mais eficaz é fazer com que os homens da limpeza pública retornem ao trabalho. No corpo humano, isto significa retornar os movimentos regulares dos intestinos. Infelizmente, muitos não fazem isso e, como consequência, têm as "ratazanas". E o que são as ratazanas? São os vírus e infecções oportunistas de todos os tipos. Lixo em excesso significa um terreno biológico não-saudável, como o que eu tinha no passado.

Obviamente, se você manter o lixo organizado e sob controle (remoção adequada das toxinas e do refugo do seu corpo) não terá muita razão para adoecer. Isto é verdadeiro quer você esteja falando sobre resfriados e gripes, ou até mesmo doenças mais amedrontadoras. Como fazemos isto?

"A Morte Tem Início no Cólon"

O Dr. Bernard Jensen, Ph.D., fez essa afirmação anos atrás. Ele foi um dos pioneiros da saúde alternativa no século passado. Isto enfoca a preocupação número 1 que temos em criar um organismo saudável: um cólon saudável. O cólon, ou intestino grosso, é a última etapa para os materiais de refugo antes de eles saírem do corpo, antes de chegarem ao reto e "serem lançados fora." (Marcos 7:19). É aqui que a maioria daqueles que seguem uma dieta padrão americana termina tendo problemas. Na melhor das hipóteses, muitas pessoas fazem três refeições por dia e têm somente um movimento intestinal por dia. Para aonde elas acham que as duas outras refeições foram?

Especialmente quando as pessoas comem muitos produtos derivados do leite, pão branco e macarrão, o cólon se torna preguiçoso. Sem água e fibras em quantidade suficiente, as coisas se tornam mais lentas e você termina com material preso nas paredes do cólon. Exatamente como o limo no cano da pia da cozinha, o intestino fica entupido. Isto significa que você está caminhando por ai com fezes de um dia, de uma semana ou até de um ano inteiro dentro de seu intestino grosso. Pense em algo que seja tóxico! É isto!

Quando tive minha primeira terapia com um colonterapeuta (Veja a Nota 9), perdi cerca de 15 quilos em um dia! Havia 15 quilos de matéria fecal congestionada no interior do meu cólon e que saíram para fora. Algumas pessoas perdem mais de 22 kg dessa forma (porém não sempre em um mesmo dia!). Imagine a quantidade de toxinas que estavam acumuladas dentro de mim. Não é de admirar que o câncer estava começando a se desenvolver.

Hoje em dia, normalmente não recomendamos a terapia do cólon para qualquer um, exceto se o indivíduo já estiver muito avançado no caminho para a morte. Existem outras formas mais brandas de tonificar o cólon e de fazer as coisas se moverem por meio de ervas, etc. Portanto, como você obtém um cólon saudável? Principalmente por meio de quatro coisas:

  1. Beba muita água pura.
  2. Coma alimentos ricos em fibras, alimentos integrais — alimentos crus, como legumes, sementes e grãos integrais.
  3. Minimize a quantidade de alimentos derivados do leite (que podem ensebar o sistema) e a quantidade de pão branco e de massas (farinhas processadas) que você consome. Idealmente, nunca coma alimentos feitos com farinhas refinadas.
  4. Quando você sentir "necessidade", se possível, vá e alivie o ventre imediatamente. Obrigar o corpo a esperar pode causar desconforto e também criar hábitos que não são saudáveis.

Vamos olhar para isto tudo em detalhes. A maioria de nós não bebe água em quantidade suficiente. Estamos falando de água mesmo, não refrigerantes, café ou sucos. Você não iria tomar banho em uma banheira repleta de Pepsi, então por que banhar o interior do seu corpo com isto? Se você quiser beber essas outras coisas, isto pode ser bom, mas deveria beber cerca de 30 ml de água para cada 1 kg de seu peso.

Em outras palavras, uma mulher que pesa 55 Kg, deveria beber 1,70 litros de água por dia. Isto corresponde a 8-9 copos de água (de 200 ml). Um homem de 82 kg deveria beber em torno de 12 copos de água por dia.

Além disso, como muitos leitores já sabem, na maioria das cidades, a água da torneira contém produtos químicos nocivos à saúde, como flúor, cloro, etc. A água engarrafada, a não ser que adquirida de um fornecedor confiável, também pode conter esses produtos. Nossa recomendação é investir em um bom sistema de purificação de água, se isto for possível. Existem diversos modelos e fabricantes desses produtos no mercado.

Química Para uma Vida Melhor?

Em termos de alimentação, as pessoas estão consumindo proteína em excesso, frequentemente na forma de produtos derivados do leite e carne. Nenhum deles contém qualquer quantidade de fibra. O leite (em particular o industrializado) é especialmente ruim, por diversas razões:

1) Ele é homogenizado, o que significa que as moléculas de gordura foram atomizadas (tornadas muito menores) até o ponto em que podem entrar em sua corrente sanguínea. Alguma surpresa com o fato de a ocorrência de doenças cardiovasculares estar em rápido crescimento entre a população?

2) O leite normal vendido nos supermercados está repleto de hormônios do crescimento bovino (RBGH), antibióticos, anabolizantes e outros produtos químicos que não são benéficos para o ser humano. O RBGH, em particular, tem o propósito de transformar uma bezerra desmamada em uma vaca ENORME em tempo recorde. Alguma surpresa por que tantas pessoas (incluindo jovens) estão obesas? Junto com o leite (e seus derivados, como queijo, etc.) a população está consumindo produtos químicos que têm o objetivo de fazer engordar.

3) A pasteurização apenas mata todas as enzimas que tornam o leite fácil de digerir. Normalmente ela não é uma temperatura alta o suficiente para matar bactérias realmente perigosas, como E. coli..

4) O leite contém caseína, que é componente principal na cola de madeira e outras formas comuns de cola. Quando isto chega ao seu sistema gastrointestinal, pode realmente fazer as coisas andarem muito devagar. A carne é um pouco melhor. A não ser que você compre carne de animais alimentados com relva no pasto, ou galinhas caipiras, estará ingerindo toneladas de produtos químicos. Até mesmo o peixe, se criado em fazendas comerciais, recebe muitos antibióticos!

A maioria das pessoas já ouviu sobre os problemas associados com os antibióticos. A preocupação mais conhecida é que o uso excessivo deles contribuiu para o aparecimento de cepas cada vez mais resistentes de bactérias (chamadas de superbactérias). Todavia, existem também outras considerações. Os antibióticos, como o próprio nome implica, são anti-vida. Eles matam a maioria das bactérias no seu corpo quando você se trata com eles.

Algumas pessoas podem pensar que isto seja uma coisa boa, mas não é. No nosso corpo existem bilhões de bactéria (flora bacteriana) que são absolutamente essenciais para a vida. Sem elas, não seria possível digerir o alimento. Não é possível combater as doenças sem elas. Essas "bactérias benignas" são chamadas de probióticos e servem para outro propósito.

Os probióticos ajudam a combater as infecções causadas por fungos e fermentação, especialmente pelo Candida Albicans. A maioria das mulheres está familiarizada com as infecções por fungos. Existem também doenças como as aftas que são causadas pelo fungo em excesso. Quase todas as pessoas que sofrem com esses problemas já tomaram antibióticos e NÃO se preocuparam em substitui-los tomando probióticos. Em muitas pessoas, não apenas nas mulheres, o crescimento excessivo da Candida pode ser um grande risco para a saúde. Existem pesquisas que estão descobrindo que isto está na raiz de doenças como fibriomalgia, Síndrome do Intestino Permeável e muitas outras (Veja a Nota 10.) Depois que você contrai Candida, ela não é fácil de eliminar. (Veja a Nota 11). Obviamente, se você come carne que está carregada com antibióticos, isto não ajudará a resolver o problema.

Portanto, onde você pode obter os probióticos? Antigamente era possível obtê-los no iogurte, mas a não ser que você adquira seus iogurtes de fornecedores orgânicos, eles provavelmente tiveram todas as bactérias benignas pasteurizadas e eliminadas. Os iogurtes industrializados que você compra no supermercado podem ser deliciosos, mas têm o mesmo valor para sua saúde que uma gelatina. Leia os rótulos na embalagem e verifique se eles contêm coisas como acidófilos VIVOS e culturas de bifidofilus. Se não tiverem, é melhor você procurar outro fornecedor.

Você também pode comprar probióticos em suplementos, ou pode adquirir culturas de iogurte verdadeiro (ou culturas de kefir) em lojas ou barracas de alimentos naturais e fazer seu próprio iogurte. Não é difícil. Existem muita verdade por trás de histórias de povos das montanhas do Cáucaso que vivem vidas longas e saudáveis. Isto se deve em parte ao consumo diário de kefir, um tipo de iogurte.

Uma das bebidas mais saudáveis que você pode ingerir é água de coco com kefir. Como o nome implica, ela é produzida misturando-se cultura de kefir dentro da água de coco. Isto torna a água efeverscente e extremamente saudável para os intestinos. Em algumas cidades você pode comprar essa bebida nas lojas de produtos naturais. No entanto, é mais barato se você mesmo adicionar o kefir na água de coco.

Voltando a falar sobre a carne, se você desejar comer, nossa recomendação é carne orgânica (de animais alimentados exclusivamente com capim nas fazendas, ou então galinhas caipiras (criadas ao ar livre, sem ração). Não estamos defendendo o vegetarianismo. A carne produzida adequadamente contém nutrientes que são difíceis de obter de qualquer outra fonte. Não é apropriado consumir carne em excesso, mas se estiver se alimentando de carne orgânica, então pode inclui-la em seu cardápio várias vezes por semana. Mas, POR FAVOR, fique longe da carne de porco! Há uma boa razão para o Senhor Deus ter proibido o consumo da carne de porco no Velho Testamento.

A maior parte de uma dieta saudável deve ser constituída por alimentos integrais. Os alimentos integrais são alimentos não processados. Frutas e legumes crus são melhores e devem constituir uma parte substancial da sua dieta. Por que crus? O cozimento destrói muitos nutrientes nos legumes e verduras, especialmente as enzimas.

Enzimas

O que são as enzimas? Bem, sem querer entrar em detalhes técnicos, as enzimas são substâncias orgânicas especializadas que atuam como catalisadores no seu corpo para que as coisas sejam feitas e o metabolismo aconteça. Em outras palavras, elas são os principais agentes e atores em seus processos vitais e mais de 700 já foram identificadas (veja a Nota 12).

Para nossos propósitos aqui, é suficiente saber que você precisa das enzimas para digerir os alimentos. As células do seu corpo, por sua vez, precisam de enzimas para produzir energia.

Se você não tivesse enzimas em seu corpo, estaria morto! Todos nós estamos equipados pelo Senhor Deus com um enorme banco dessas pequenas centrais químicas de energia.

Quando você come alimentos crus e integrais, recebe todas as enzimas de que precisa com aquele alimento em um pacote fornecido por Deus. Uma maçã contém todas as enzimas necessárias para digerir e metabolizar aquela fruta e colocar seus nutrientes onde eles são necessários. Isto assume que você mastiga bem antes de engolir. A mastigação é uma importante forma de iniciar o processo digestivo, pois a saliva contém importantes enzimas que ajudam no processamento correto dos alimentos.

Para manter as coisas simples, compreenda que se você comer alimentos cozidos, então seu corpo precisa obter as enzimas de que necessita para digerir os alimentos de alguma outra forma. Quanto mais o alimento for cozido, mais este é o caso. É por isto que legumes e verduras preparados no vapor são muito mais saudáveis do que os que são cozidos. Tipicamente, seu corpo obterá suas enzimas a partir desse "banco de enzimas".

Se você seguir uma dieta baseada predominantemente em alimentos cozidos, como faz a maioria das pessoas, consumirá todo seu "saldo" e ficará deficiente em termos de enzimas. Isto significa que não será capaz de digerir seu alimento adequadamente. Ele estará apenas "passando por dentro de você", sem liberar todas as propriedades nutritivas. Na verdade, o velho ditado não é realmente verdadeiro. Você não é aquilo que come, mas aquilo que consegue digerir e absorver.

Muitas pessoas no Ocidente se perguntam por que se sentem com fome o tempo todo. Isto é porque elas comem, comem, porém recebem somente uma fração da nutrição de que necessitam. Qual é a solução? Primeiro de tudo, experimente formar sua dieta com cerca de 50-60% de alimentos crus e integrais. Isto inclui: frutas, legumes, verduras, castanhas (cruas, não torradas) e até mesmo leite cru não-pasteurizado, ou iogurte (ambos são ricos em enzimas).

Se você comer cenoura, brócoli, couve-flor, abobrinha, etc. crus, começará a reabastecer seu banco de enzimas e receberá uma quantidade muito maior de fibras em seu sistema digestivo. Além disso, como você já de ter ouvido falar, esses alimentos são ricos em nutrientes anticâncer. Algumas pessoas também estão tomando suco feito com legumes crus. Isto é excelente, porém você deve tomar o suco logo após prepará-lo, não horas depois.

Como parte de seu programa de limpeza, outra coisa é começar a tomar um bom suplemento de enzimas; tome também enzimas para e antes de toda refeição cozida. Isto dará maior agilidade ao seu organismo.

Uma função importante das enzimas também é encontrada no sistema imunológico. Elas ajudam no ataque contra invasores que entram nos sistemas do seu corpo. Portanto, quanto mais você tiver, mais forte será seu sistema imunológico! Se estiver interessado em saber mais, contacte-nos e poderemos fazer algumas recomendações sobre produtos específicos com enzimas que podem ser indicados para seus problemas de saúde particulares.

Limpando o Templo

Alguns parágrafos atrás, mencionamos o conceito-chave de limpeza. Se seu corpo não estiver operando nos níveis ótimos, ou se você passou os últimos anos alimentado-se com a dieta americana padrão, pode querer orar a respeito de iniciar um programa de limpeza. Esta não é uma perspectiva amendrontadora como alguns podem imaginar. A não ser que você esteja realmente avançado no caminho da doença (câncer, AIDS ou outras patologias graves), provavelmente não necessitará consultar um profissional de saúde alternativa ou um terapeuta do cólon. Entretanto, você certamente pode fazer isso, se desejar. Mas, existem ervas simples e naturais que você pode usar para iniciar a limpeza e tonificação do seu cólon e deixá-lo em condições perfeitas de funcionamento.

Além das mudanças na dieta (mencionadas anteriormente), é uma boa ideia começar a purificação com um jejum à base de água e sucos. Inicie com um período de três dias, para ser mais fácil. Comece cada dia tomando uma colher de sopa de azeite de oliva extra-virgem. Em seguida, beba um copo de suco de ameixas secas, de preferência orgânico. (Se quiser preparar seu próprio suco, na noite anterior, coloque três ameixas secas sem caroço dentro de um copo de água. Na manhã do dia seguinte, bata tudo no liquidificador e beba.) Depois disso, ao longo de todo o dia, de hora em hora, beba um copo de água purificada. A cada meia hora, beba um copo de algum tipo de suco, preferivelmente de maçã ou uva. Em outras palavras, você beberá um copo de líquido a cada meia hora. É adequado parar de beber duas ou três horas antes de ir para a cama, para não precisar se levantar durante a madrugada para urinar.

Isto dará ao seu sistema digestivo um descanso e iniciará de forma branda a purificação. Experimente fazer isto por três dias. Se for demais para você suportar, experimente então por pelo menos um dia inteiro. Peça em oração que o Espírito Santo o fortaleça. O jejum é uma fonte importante de poder espiritual no Espírito, além de ser bom para seu organismo.

Para quebrar o jejum (seja de um ou de três dias), inicie com uma refeição leve, como frutas e algum chá de ervas. Faça refeições leves e frequentes no restante do dia. Em seguida, inicie seu novo programa alimentar: muitos alimentos integrais e alimentos crus. Além disso, existem ervas que você pode ingerir para fazer as coisas "se moverem". Algumas ervas fundamentais que podem ser tomadas na forma de cápsulas ou como chás são: batata de purga, cáscara sagrada e o alecrim. Existe também uma excelente fórmula sinergética chamada "Lower Bowel" (para o "intestino inferior") que você pode adquirir conosco se quiser. (Veja a Nota 13).

Adicionalmente, em geral é útil aumentar a quantidade de fibras que você ingere com suplementos de plantas/ervas, preferencialmente na forma de um pó que possa ser misturado na água e nos sucos. Existem muitas misturas sendo oferecidas no mercado de produtos naturais, mas uma das melhores que já encontramos é Fiberzon. Contacte-nos se precisar de informações sobre como encontrar este produto. Essas misturas contêm ervas energéticas para o cólon, como semente de psílio, semente de linho, semente de alecrim e aveia.

O Fiberzon também tem algumas ervas raras da região amazônica que têm efeitos terapêuticos poderosos sobre o sistema gastrointestinal. (Veja a Nota 14). Outras fórmulas seguem uma abordagem diferente, com a parte principal com psílio, etc. sendo expandidas com óleos essenciais poderosos. (Veja a Nota 15.) Qualquer uma das duas será ótima! Essas misturas podem ser acrescentadas no suco que você bebe todas as manhãs.

No entanto, depois que você acrescentar a mistura ao suco, beba-o logo em seguida. A semente de psílio e muitos outros desses produtos de fibra tendem a inchar e solidificar após alguns minutos. Isto é o que os torna eficazes "escovas de esfregar" dentro do seu cólon. Mas, isto os torna difíceis de beber se eles "assentarem", de modo que você deve beber o suco logo após acrescentar a mistura. O sabor não é ruim, mas você precisará de algum tempo para se acostumar com a consistência. Todos os produtos de limpeza têm um gosto similar e muitos deles têm hortelã em sua composição.

Um par de outras observações sobre estas fontes de fibras. Cada vez mais, os estudos estão mostrando que a semente de linhaça fresca (especialmente a variedade dourada) é muito rica em fibras e em ácidos graxos (gordurosos) essenciais, que são vitais para nós. Nos tempos atuais, quando tantos estão fazendo dieta para perder peso, muitos não estão obtendo o suficiente dos tipos bons de gorduras, como as que são encontradas no azeite de oliva, na semente de linhaça, nos peixes de águas frias, como salmão e arenque. Você precisa dos ácidos graxos essenciais para funcionar bem. Adicionalmente, estudos recentes estão mostrando um benefício adicional para os homens: doses diárias de gordura da semente de linho são benéficas para a próstata. (Veja a Nota 16). Além disso, essa gordura é benéfica para o coração e para o sistema circulatório.

"Crise na Cura"

Ocasionalmente, dependendo de quanto você se afastou da boa nutrição, ao iniciar o processo de limpeza, poderá experimentar um breve período durante o qual se sentirá pior, antes de começar a se sentir melhor. Isto é perfeitamente normal e não deve ser motivo de preocupação. Os efeitos podem variar desde um repentino resfriado até sintomas parecidos com o de uma gripe, dores de cabeça ou muita coriza. O efeito mais comum é a dor de cabeça.

Entretanto, pense nisto: Limpeza significa que você estará se desfazendo das toxinas que estão no seu corpo. Algumas delas podem estar ali há vários anos (como as minhas estavam). À medida que elas saírem para fora, mais comumente pelo cólon, poderão provocar dores de cabeça ou casos brandos de diarréia. Algumas vezes, a pessoa sente uma leve queimação ou ardor ao evacuar. Isto tudo é normal.

Lembre-se que a maioria de nós está habituada a tomar remédios que podem ser obtidos nas prateleiras das farmácias e que mascaram os sintomas. Se estamos gripados, então tomamos um descongestionante nasal ou um antifebril. Se temos diarréia, então tomando algum medicamento que combata a diarréia, etc. Estamos literalmente lutando contra nosso próprio corpo. A maior parte daquilo que consideramos como "coisas más" (febre, nariz escorrendo, diarréia, suores) são na verdade coisas boas. Todas estas são formas como nosso corpo tenta se livrar de toxinas. Pense nisto:

A febre é o modo dado por Deus para nosso corpo combater as doenças. A maioria das bactérias não consegue sobreviver em uma temperatura mais elevada do que 37,8 a 39,4 graus centígrados. É por isto que quando você "adoece" (o que significa ter um excedente de bactérias), seu corpo torna-se febril. Ele está tentando fazer aquilo que o Criador planejou que ele fizesse, para lutar contra as doenças. Mas, o que faz a medicina moderna: Ela nos diz para tomarmos uma aspirina ou algum outro medicamento que combata a febre e DEPOIS nos dá os antibióticos.

Mas, você pode pensar, não há um risco de a febre tornar-se alta demais? Isto é possível. Todavia, em minha experiência, na maioria das vezes a febre não ultrapassa 40,5 graus centígrados, independente da situação. A única exceção, e esta é importante, é se a pessoa sofreu uma lesão severa na cabeça em algum momento em sua vida, o "termostato" de febre dela pode estar inoperante e a febre pode subir além desse limite. Mas, isto não é algo comum.

Na verdade, a melhor abordagem para tratar uma febre é fazer a pessoa entrar em uma banheira com água quente e beber litros de chá da planta mil-folhas (também conhecida como milefólio, etc.). O banho na banheira com a água bem quente (suportável, é claro) a fará transpirar e o chá manterá o corpo hidratado. O que é admirável observar é que você pode dar à pessoa três ou quatro litros de chá de mil-folhas enquanto ela estiver na banheira durante um período de duas horas e ela não precisará urinar, pois tudo sairá pela transpiração. As pessoas se esquecem que a pele é o maior órgão do corpo humano e que o suor é uma forma de o corpo de livrar das toxinas. O chá de mil-folhas e o banho na banheira com água quente farão a febre abaixar de forma rápida e também operam maravilhas na purificação do corpo. (Veja a Nota 17.).

Isto explica a febre e a transpiração, mas e o sintoma clássico da gripe, o "nariz escorrendo"? Bem, o muco é um refugo produzido pelo corpo. Ele é constituído de diferentes coisas, dependendo do que está acontecendo no organismo. Quando você estiver lutando contra uma doença, seu muco contém muitas"baixas" na luta, incluindo muitos glóbulos brancos que morreram ao defenderem seu corpo. Além disso, a maioria das pessoas que bebem muito leite, etc. tem muco em excesso em seu sistema e isto reveste e entope o trato gastrointestinal. Quando você libera muito muco, isto é uma coisa boa, porque seu organismo está se limpando. (Veja a Nota 18.) Experimente e deixe que isto aconteça, se possível.

Logicamente, "intestino solto" é um termo que não requer explicações. Seu corpo está tentando limpar o cólon. É claro que isto não deve se tornar crônico. A diarreia pode ser perigosa se continuar por mais do que um ou dois dias. Se isto acontecer, consulte um profissional da área de saúde.

A conclusão final é que a "crise da cura" é o preço que todos nós pagamos por passar vários anos mascarando os sintomas das lutas do nosso corpo contra as doenças. As Quatro Leis da Cura, de Hering, dizem:

1) A cura progride desde a parte mais profunda do organismo — os níveis mental e emocional — para as partes externas, como a pele e as extreminades.

2) À medida que a cura progride, os sintomas aparecem e desaparecem na ordem reversa da ordem cronológica original em que apareceram.

3) A cura progredide desde as partes superiores até as inferiores do corpo. Isto significa que os sintomas da cabeça podem desaparecer antes dos sintomas no estômago. As toxinas profundas no cólon ou no fígado serão liberadas antes das existentes nas áreas mais superficiais.

4) As doenças mais recentes serão as primeiras a desaparecerem. Isto significa que os sintomas da gripe de um mês atrás desaparecerão antes que os da bronquite de dois atrás.

Tipicamente, este processo dura somente um breve período e depois some do seu sistema.

O Assunto Desagradável Final

Peço desculpas por toda essa discussão desagradável sobre os refugos corporais, dejetos, etc., mas esta é uma questão importante de compreender se você desejar desenvolver um sistema imunológico realmente forte e saudável. Infelizmente, há um tópico final e "repulsivo" que precisa ser tratado. Ele pode ser repulsivo, mas é uma causa frequentemente negligenciada dos problemas de saúde.

Este assunto são os parasitas. A maioria das pessoas assume que não tem problemas com vermes, carrapatos, etc. Elas acham que somente os muito pobres, ou aqueles que vivem em regiões muito empobrecidas é que possuem parasitas. Certamente, as pessoas civilizadas que vivem em zonas urbanas não possuem parasitas, certo? Nada poderia estar mais distante da verdade.

Quase 50% das pessoas que já estiveram sob nossos cuidados têm "pequenas criações" dentro delas. Por que, neste tempo em que vivemos isto ainda acontece? São três razões principais: 1) crianças, 2) animais de estimação e 3) carne de porco. Embora sejamos "civilizados", nossos bebês e filhos pequenos ainda andam descalços pelo quintal e pelo jardim, colocam terra dentro da boca, compartilham o sorvete com o gato, etc. Qualquer ferimento aberto pode ser um ponto de entrada para os parasitas. Quando compartilhamos alimentos com nossos filhos ou os beijamos, podemos contrair esses parasitas.

O mesmo acontece com os animais de estimação. Muitas pessoas beijam seus animais, ou permitem que eles lambam seus rostos (os cães gostam muito de fazer isto!). Elas também compartilham alimentos com eles, como se fossem alguém da família. A maioria dos animais de estimação tem algum tipo de parasita e podemos contrair deles.

Finalmente, há a carne de porco! Mesmo sendo bem cozida a carne de porco ainda contém parasitas. Há uma razão porque o Senhor Deus proibiu seu povo de Israel de comer a carne de porco e por que Jesus Cristo permitiu que a legião de demônios que estava dentro de um homem fosse para uma criação de porcos. Além de ser quase impossível para o corpo digerir, a carne de porco é o pior tipo em termos de parasitas.

Recomendamos fortemente que você fique longe da carne de porco. Não estamos tentando colocá-lo sob o jugo da Lei Mosaica; tampouco estamos dizendo que você irá para o inferno se comer carne de porco. O que estamos dizendo é que se comer, você poderá se sentir como se estivesse lá..

A Dra. Hulda Clark (Veja a Nota 19) documenta centenas de casos em que problemas sérios de saúde, como o câncer, podem ser rastreados diretamente até os parasitas. Ao longo dos anos, por meio de seus tratamentos, ela conseguiu recuperar a saúde de muitas pessoas que estavam com câncer. Ela foi perseguida pelo sistema médico e até foi condenada à prisão. Ela teve de morar no Canadá até sua morte recente, em 2009.

(É triste dizer isto, mas existe uma enorme "indústria do câncer" neste país, que gera uma receita de bilhões de dólares com essa doença, entre drogas, pesquisa e tratamentos. Embora o médico mediano não perceba isto, a indústria do câncer deseja muito manter seu monopólio. Assim, ela combate, persegue, processa e condena muitos médicos brilhantes neste país que estão curando o câncer porque não usam os "tratamentos aprovados". Entre esses tratamentos aprovados estão as cirurgias, as radiações e o envenenamento. O resultado final é que muitas clínicas pequenas que seguem terapias alternativas foram expulsas do país e tiveram de se estabelecer no México e em outros lugares, onde obtêm uma taxa de 50-75% mais elevada para a cura do câncer do que clínicas prestigiosas no país, como Sloan-Kettering. Existem diversos tratamentos excelentes para diferentes tipos de câncer, porém todos ão "ilegais" neste país. Isto é algo que não faz o menor sentido.)

Felizmente, o Senhor Deus nos forneceu excelentes tratamentos contra os parasitas. Duas das melhores ervas são a tintura de nogueira preta e a semente de abóbora. (Veja a Nota 20). [NT: A semente do mamão tem a mesma utilidade.] Outra descoberta é terra de diatomácea, que precisa inicialmente ser consumida em pequenas quantidades, com aumentos graduais.

A Dra. Clark também desenvolveu uma incrivel invenção chamada "Zapper", que pode literalmente destruir todos os parasitas, exceto aqueles que estiverem mais profundamente instalados, em menos de duas horas. Em vez de vender os aparelhos e ganhar dinheiro com as doenças das pessoas (como faz a indústria farmacêutica), ela foi gentil o suficiente em incluir o esquema e até a relação de componentes eletrônicos em um de seus livros. Se você tiver uma compreensão básica sobre fiação elétrica, pode construir você mesmo o aparelho por menos de 25 dólares, ou pode comprá-lo por um pouco mais do que isto.

Muitas pessoas já nos disseram o quão eficaz este pequeno aparelho pode ser. A aquisição é um dos melhores investimentos que você pode fazer. Eu mesmo o usei certa vez, cerca de seis anos atrás, e fiquei chocado com o que foi "lançado fora" na manhã do dia seguinte — uma lombriga morta muito comprida! Você ficará admirado ao saber quantos problemas crônicos de saúde — grandes e pequenos — têm os parasitas como causa-raiz. Se você realmente quer um incentivo para fazer uma limpeza em sua dieta a este respeito, leia o livro Parasite Rex, de Carl Zimmer. Ele definitivamente o deixará pasmado.

Uma Questão de Equilíbrio

Felizmente, a última área sobre a qual precisamos falar em termos de fortalecer seu sistema imunológico não é tão desagradável. Essa área é o conceito vital do equilíbro do pH no corpo. Muitas pessoas não estão familiarizadas com o conceito de pH no corpo humano. Aqueles que cuidam de um jardim sabem alguma coisa a respeito do pH no solo. Eles sabem que certas plantas gostam do solo mais ácido, enquanto que outras preferem o solo alcalino. Assim, o jardineiro ajusta aquilo que coloca no solo de forma apropriada. Mas, as pessoas têm essa mesma necessidade.

Sem desejar entrar em detalhes técnicos, pH significa "potencial de hidrogênio" no corpo, ou em qualquer outro lugar. O pH é uma medida da acidez ou alcalinidade relativa em uma solução. O pH de uma substância é medida em uma escala de 0,00 até 14,00. O ponto mediano, 7,00 é neutro, nem ácido nem alcalino. Um pH de 8,00 seria ligeiramente alcalino e um pH de 2,00 seria muito ácido.

Esses valores de pH são logarítmicos. Isto significa que há uma diferença maior entre aqueles números do que pode ser imaginado. Um pH de 5,0 é dez vezes mais ácido do que um pH de 6,0, mas um pH de 4,0 é cem vezes mais ácido do que um pH de 6,0! Assim, pequenas alterações no seu pH podem representar grandes mudanças em seu interior.

O pH de uma pessoa não permanece constante, ele fluta ligeiramente ao longo do dia e de acordo com aquilo que você come, sua saúde geral, etc. Para tornar as coisas mais confusas, diferentes fluidos no seu corpo têm diferentes intervalos "normais" de pH e diferentes níveis de tolerância para alterações nesses intervalos.

Por exemplo, o intervalo normal para o sangue humano (extracelular — fora da célula) é entre 7,35 e 7,45. Este é um intervalo bastante estreito. Se seu sangue ficar um pouquinho fora desse intervalo, você morre! Entretanto, o pH da bile da vesícula biliar pode ir de 4,20 até 8,20 com poucos problemas. O suco gástrico (no estômago) pode estar no intervalo de 1,00 até 3,50, o que é muito ácido, como você pode esperar para os fluidos que têm o objetivo de digerir o alimento.

Espero que isto tudo não esteja confuso para você. O princípio básico final aqui é triplo:

  1. O pH indica o equilíbrio ácido/alcalino e o quão saudável você está no momento.
  2. Seu corpo foi projetado para ser alcalino e funciona melhor quando todos os fluidos, exceto no estômago, estão no intervalo alcalino (acima de 7,0).
  3. Seu corpo produz ácidos em suas funções.

Este último é onde o problema parcialmente reside. Os processos metabólicos que seu corpo realiza para mantê-lo vivo produzem ácidos como refugo. O exemplo melhor conhecido é o ácido lático que os músculos produzem quando são exercitados. Se você exercitar muito seus músculos, eles ficarão doloridos, uma função de quanto ácido lático está armazenado neles como um refugo produzido. Esse mesmo conceito se aplica em outras partes do corpo. Virtualmente, todas as funções corporais produzem ácidos.

Isto normalmente não seria um problema se tivéssemos uma dieta alcalina em natureza. Mas, a maioria das pessoas neste país não tem. Geralmente, os alimentos alcalinos são vegetais verdes, alguns grãos integrais e a maioria das frutas. Alimentos produtores de ácido são as carnes, pães e, é claro, os "não-alimentos", como doces, café, refrigerantes, etc.

Isto poderá ser um choque para você, mas descobrimos que virtualmente todas as marcas de água engarrafada, que supostamente deveriam ser mais saudáveis para você (e elas de fato são melhores do que os refrigerantes) são, na verdade, bem ácidas. Nos testes, elas indicam 4,5 até 5,0 de pH. A única exceção até aqui é Evian, que é neutra (veja a Nota 21). Que os consumidores estejam acautelados. A água da torneira é normalmente de pH neutro, por determinação da lei estadual. Mas, é claro, a água fornecida pelas empresas de saneamento contém outros contaminantes, como cloro e flúor. (Veja a Nota 22.).

Portanto, isto tudo significa que você só poderá se alimentar com "comida de coelho"? Não, não é isto. Como a questão das enzimas, isto apenas significa que você deve tentar obter a maior parte de sua dieta de fontes alcalinas. Na parte final deste livreto, apresentamos uma lista abrangente dos alimentos que são alcanizantes e acidificantes. Por exemplo, se você come duas porções por dia de legumes e verduras verdes cruas, ainda poderá ter um tipo de jantar com carne e batatas, se realmente desejar. Apenas certifique-se de comer pelo menos 60% de alimentos alcalinos. Experimente minimizar as bebidas como café e soda, que são muito ácidas.

A alternativa? Bem, embora o sistema médico se recuse a encarar isto, virtualmente todas as pessoas com doenças crônicas ou degenerativas (câncer, fibriomalgia, lúpus, etc.) têm sistemas que apresentam baixo pH nos testes (o que significa altamente ácidos). Por outro lado, populações que vivem mais e têm pouca ou nenhuma doença, em várias partes do mundo (os hunzas do Paquistão, populações em certas regiões da China e povos da região do Cáucaso, etc.) comem alimentos alcalinos e têm pH de 7,0. (Veja a Nota 23).

Se você estiver interessado em saber em que faixa está seu pH, algumas farmácias vendem um teste. Você coleta sua "primeira urina" do dia, logo após acordar. Permita que o jato escape por dois segundos, depois colete um pouco do líquido e mergulhe uma parte da faixa nele. Em questão de alguns segundos, a cor da faixa muda. A caixa do produto apresenta um código de cores que explica o que cada cor significa em termos de pH.

O pH também pode ser medido em um exame de sangue, porém talvez seja necessário obter a requisição de um médico. O teste com as faixas é confiável. Lembre-se que o pH pode variar um pouco ao longo do dia. Por este motivo, é melhor fazer a verificação de manhã, logo após acordar.

Sentir-se Bem e Manter-se Bem

Vamos agora juntar tudo e finalizar com algumas diretrizes gerais. Mencionamos coisas que você precisa fazer para se sentir bem. Existem também algumas coisas que você deve tentar evitar (ou, pelo menos minimizar) em sua dieta. Essas são coisas que podem contemporizar seu sistema imunológico e/ou entupir seu sistema circulatório. Aqui estão elas, com as mais perigosas primeiro na lista:

  • Aspartame (NutraSweet, Finn e ZeroCal e outras marcas comerciais).
  • Transgênicos (alimentos geneticamente modificados).
  • Ácidos de gordura transgênica (com os encontrados nas margarinas e em muitos alimentos fritos e industrializados)
  • Tabaco
  • Açúcar
  • Álcool
  • Carne do porco
  • Cafeína
  • Antibióticos (use somente quando absolutamente necessários).

Os dois primeiros poderão surpreendê-lo, mas ambos são — ou têm o potencial de se transformar em — poderosas neurotoxinas quando aquecidos. Os ácidos de gorduras trans entopem seu sistema circulatório mais rápido do que comer doze sanduíches de hambúrger por dia. A razão é que eles são um produto químico que não é encontrado na natureza e o corpo humano não sabe o que fazer com eles.

O açúcar poderá surpreender, mas é também um grande assassino. Veja o livro clássico de William Dufty, Sugar Blues, para maiores detalhes. Estamos falando aqui do açúcar de mesa (sacarose), não do mel ou açúcares naturais nas frutas, etc. Uma colher de sopa cheia de açúcar refinado pode erradicar toda a vitamina C em seu organismo em questão de minutos.

O açúcar é um torpedo direto contra seu sistema imunológico. Lembre-se, que a latinha típica de refrigerante contém o equivalente a OITO colheres de açúcar. (Não é açúcar de verdade, mas Xarope de Milho com Alto Teor de Glicose, porém o efeito é o mesmo.) Todavia, como você pode ver, o açúcar é melhor do que adoçantes artificiais, como NutraSweet. Mas, é claro que isto é o mesmo que dizer que é melhor ser baleado por um revólver calibre .38 do que por uma pistola de 12 tiros.

O açúcar é, provavelmente, a droga/toxina mais popular no mundo. Isto é parcialmente verdadeiro, pois uma grande parte do álcool é açúcar. É por este motivo que muitos alcóolatras em recuperação começam a comer doces exageradamente. Imagine a quantidade de açúcar que os típicos pais e mães dão para seus filhos e você compreenderá por que existem tantas crianças enfrentando problemas de saúde atualmente.

O mel natural é um excelente substituto que o Senhor Deus proveu para o açúcar refinado. (Veja a Nota 24.) Há também a maravilhoa planta sul-americana chamada stévia (você pode comprar adoçantes naturais feitos com stévia nas lojas de produtos naturais e também em muitos supermercados). A stévia é 100 vezes mais doce do que o açúcar, ajuda a estabilizar os níveis de açúcar no sangue e também ajuda a evitar as cáries dentárias. Não é de se admirar que a Monsanto (a gigantesca indústria química que está por trás de NutraSweet) tentou por mais de uma década impedir que a stévia chegasse ao mercado.

A maioria dos cristãos se abstém do álcool por causa de seu efeito inebriante. O álcool contém muito açúcar, o que significa que é duplamente mau. Você já deve ter ouvido que o vinho tinto é rico em polifenóis que ajudam a evitar os problemas cardíacos e isto é verdade. O apóstolo Paulo recomendou o uso medicinal de "um pouco de vinho" (1 Timóteo 5:23), porém você também pode obter os mesmas substâncias químicas benéficas de outras fontes naturais, como o suco de uva integral.

A carne de porco já foi discutida anteriormente. É melhor evitá-la. A cafeína coloca sobre estresse seu sistema adrenal e existem sinais mistos de pesquisas sobre ela ser benéfica ou prejudicial para o coração. Entretanto, é desnecessário dizer que você não deve beber uma garrafa inteira de café por dia! O ácido sozinho começaria a causar irritações no seu sistema gastrointestinal.

Os antibióticos, como já mencionado, devem ser usados com grande cuidado. Em vez deles, usamos antibióticos naturais. Um dos melhores é o alho, de preferência cru. Quatro dentes de alho (não cabeças) são equivalentes às doses mais fortes de antibióticos. Somente use antibióticos se você não tiver outra opção.

Finalmente, quanto menos carne você comer, provavelmente melhor, e sempre de origem orgânica. Os hormônios, antibióticos, etc. na carne bovina e no frango produzido em escala comercial são chocantes, como também as condições em que os animais são mantidos e criados. Não sou defensor dos "direitos dos animais", porém o modo como a maioria desses animais é tratada é contrário aos princípios bíblicos e é uma manifestação da ganância do homem!

Provérbios 12:12 diz: "O justo tem consideração pela vida dos seus animais, mas as afeições dos ímpios são cruéis." A indústria de alimentos moderna tem pouca semelhança com as fazendas familiares que existiam no meu tempo de infância no meio-oeste americano. A crueldade é uma marca característica dessa indústria e não acho que os cristãos deveriam fazer parte disso, mas esta é uma questão espiritual entre você e o Senhor. Não quero lançar juízo de condenação contra ninguém, porém acho que parte de ser saudável é ser também um bom mordomo do meio ambiente e cuidadoso com os animais.

Mas o Que Podemos Fazer?

Agora, o outro lado da moeda. Quais são as coisas boas que você pode fazer de modo a desenvolver um sistema imunológico "à prova de balas" para seu corpo? Bem, existem algumas coisas óbvias, como ter horas suficientes de sono à noite, boa higiene e praticar exercícios físicos. Estes últimos não precisam ser vigorosos. Na verdade, caminhar é uma forma excelente (e barata) de fazer exercícios que beneficiem o sistema cardiovascular. Correr sobre uma esteira elétrica também pode ser um ótima forma de se exercitar com baixo impacto e também faz seu sistema linfático se movimentar!

(O fluido linfático, ou linfa, é como seu corpo remove as toxinas; esse fluido não se move automaticamente, como o sangue. Ele somente se move em resposta aos movimentos do seu corpo, como ao caminhar ou correr sobre uma esteira.)

Muitos especialistas em saúde recomendam alguma forma de treinamento com levantamento de peso, bem como manter a força muscular e a força dos ossos, especialmente à medida que o indivíduo começa a envelhecer.

Outro elemento-chave é louvar o Senhor frequentemente. Estudos mostram que as pessoas que mantêm uma atitude de louvor e gratidão em relação ao Todo-Poderoso parecem ter endorfinas (substâncias químicas que o fazem se sentir bem) em seus sistemas e isto serve como antídoto para algumas das substâncias mais corrosivas em nossos corpos e que são produzidas pelo estresse (adrenalina, cortisol, etc.)

Coma o máximo de legumes e frutas frescas que puder (frescas e congeladas são uma escolha aceitável se você vive em uma região em que seja difícil obter verduras e legumes durante todo o ano). Novamente, quanto mais alimentos crus você comer, melhor será para seu corpo em termos de enzimas vitais, vitaminas e pH.

Em termos de suplementar a dieta, esta é uma boa idea. Muitos me dizem: "Bem, se você apenas comer corretamente, isto não é o suficiente? Meu avô viveu até os 90 anos e nunca precisou tomar uma pílula de vitamina em toda sua vida." Aqueles que dizem isto deixam de observar que duas mudanças ocorreram nos últimos 50 anos:

1) A quantidade de produtos químicos cancerígenos no meio ambiente foi multiplicada geometricamente! Dezenas de milhares de produtos químicos tóxicos são lançados na atmosfera, na produção de alimentos e na água a cada ano. Existe de tudo, desde isótopos radioativos de explosões nucleares até pesticidas, herbicidas, rastros químicos no ar, produtos de limpeza usados nos lares e até produtos de higiene pessoal. (Veja a Nota 25.) A maioria desses produtos não existia no tempo de infância e adolescência de nossos avós.

2) As práticas modernas de produção nas fazendas exauriram os nutrientes naturais do solo em que as frutas, grãos e legumes são cultivados. Certos minerais vitais, como o crômio e selênio são agora impossíveis de se obter das fontes alimentares naturais. Um estudo reportou que seria necessário comer oito vezes mais espinafre hoje para obter o mesmo efeito nutricional do que nos anos 1950s.

Com tudo isto, faz sentido que possa ser necessário suplementar nossa dieta. Recomendamos que as vitaminas sejam usadas economicamente. É mais importante e mais natural que você obtenha seus nutrientes de produtos vegetais em uma forma concentrada. Acima de tudo, não se iluda pensando que as vitaminas "Centrum" são de alguma ajuda. Elas são fabricadas a partir de fontes sintéticas e seu corpo não sabe o que fazer com elas.

Se você desejar ver como isto funciona, pense nisto com um contínuo:

  1. Ricos em nutrientes: alimentos integrais orgânicos, se você puder obtê-los.
  2. Nutrientes ricos concentrados: provenientes de ervas orgânicas ou silvestres (Veja a Nota 26.)
  3. Nutrientes supremamente concentrados: provenientes de ervas orgânicas ou silvestres distiladas em óleos essenciais.

Além desses, se você tem algum problema de saúde específico e precisa tomar vitaminas C ou E, certifique-se de obtê-la de uma fonte natural. Nestes tempos trabalhosos em que vivemos, existem alguns suplementos que não são exatamente naturais, mas que são bons de se ter à mão, por causa de suas propriedades antioxidantes ou antimicrobianas.

1) Prata coloidal (isto pode ser produzido de forma bem barata, contacte-nos e solicite os esquemas sobre como fazer): este é um poderoso elemento antibiótico e antiviral que deveria estar em todos os lares.

2) Como mencionado anteriormente, o alho é um antibiótico natural muito poderoso, especialmente se usado cru ou preparado corretamente como um suplemento. O alho é um ingrediente principal na famosa "fórmula antipraga" do Dr. John Christopher (um xarope de alho). Esse xarope serve para combater qualquer doença. Obtenha a receita em nosso website gratuitamente. (Veja a Nota 27). Este produto deveria estar presente em todos os lares.

3) Extrato da folha da oliveira: as pesquisas mostram que ele consegue destruir qualquer vírus que os cientistas lancem contra ele. O extrato pode ser obtido em qualquer boa loja de produtos de saúde natural. Isto não é interessante, dado que a Bíblia diz repetidamente que o azeite de oliva possui propriedades saradoras? Lembre-se que o azeite é um símbolo da unção e do poder sarador do Espírito Santo.

4) Vários antioxidantes como: Vitamina C e E, extrato de semente de uva e outros picnogenóis: cúrcuma (açafrão-da-terra), amora, framboesa, groselha indiana e goji berry chinesa.

5) Alguns óleos essenciais como orégano, alho e limão têm poderosas propriedades antivirais e antimicrobianas e podem também ser excelentes desinfetantes naturais.

As Ervas

Fala-se muito hoje sobre as ervas. Elas são o assunto do momento, mas também existem opiniões contrárias. Todos sabem que a erva de São João é boa para quem está com depressão, que ginkgo biloba é boa para a memória, que ginseng é boa como estimulante e que a valeriana ajuda a dormir bem.

As ervas são conhecidas há milhares de anos e têm um histórico comprovado de acompanhamento. Praticamente não há uma doença para a qual não exista um remédio à base de ervas. Na verdade, como mencionado anteriormente, muitas das "drogas fantásticas" dos dias atuais foram originalmente distiladas a partir das ervas. As ervas são simplesmente alimento. Elas são fontes vegetais altamente concentradas de nutrição. Isto é verdadeiro, desde que elas sejam cultivadas e preparadas adequadamente. (Veja a Nota 28.) Entretanto, ouvimos reportagens na imprensa de pessoas que adoeceram ou até morreram por causa do uso de ervas. Isto é verdade?

Bem, vamos colocar isto sob a perspectiva correta. Existem ervas (como ginkgo biloba) que podem não combinar bem com certas drogas de prescrição médica, como aquelas para afinar o sangue. Elas também não devem ser tomadas antes de alguém se submeter a uma cirurgia. Confira isto com seu médico. Kava (uma erva nativa da Polinésia e famosa por suas propriedades relaxantes) também ficou recentemente sob ataque da grande mídia por ter efeitos colaterais perigosos. Mas, não acredite em tudo o que é publicado por ai.

Vá para casa e pesquise os estudos científicos reais, se estiver preocupado. Não aceite necessariamente a palavra das revistas de notícias, ou programas de televisão. Lembre-se que esses canais da mídia recebem bilhões de dólares em publicidade das companhias farmacêuticas. Você já observou os enormes anúncios publicitários dos medicamentos (alguns até com várias páginas de tamanho) nestas revistas e como quase todo intervalo comercial na televisão agora tem uma inserção de algum produto farmacêutico? Estas companhias estão começando a se sentir ameaçadas pelo crescente movimento da saúde alternativa e pelo fato de as pessoas quererem assumir a responsabilidade por sua própria saúde! Que horror!

A conclusão é que você precisa assumir a responsabilidade pelas decisões a respeito de sua saúde. Cerca de 93.000 pessoas morrem por ano nos EUA por causa de complicações com as drogas farmacêuticas. Somente algumas poucas pessoas na última década morerram depois de fazer uso de alguma erva. Não há absolutamente comparação alguma em termos de segurança. Além disso, as ervas funcionam! Já vimos resultados incríveis com elas em muitos casos. Não há espaço aqui para um compêndio completo sobre quais ervas podem ser usadas para fortalecer cada sistema, mas recomendamos que você tenha as seguintes ervas básicas em seu lar:

1) Pimenta Caiena — Uma excelente erva de se ter. Ela é rica em Vitaminas A e C e é ótima para normalizar a pressão sanguínea e a circulação. Sabe-se também que serve até para fazer parar um ataque cardíaco que esteja ocorrendo, em questão de segundos. Existem poucas coisas que podem ser melhores para seu sistema cardíaco. Além disso, é um bom estimulante, sem os picos da cafeína.

2) Alfalfa, uma erva com alto poder nutritivo que é rica em quase todos os nutrientes conhecidos. É também muito alcalinizadora.

3) Gengibre — Muito bom de ter em casa. É uma planta usada para tratar náuseas e enjoos, inclusive durante a gravidez. O gengibre é muito usado em chás para tratar gripes e resfriados e também é ótimo para fortalecer o sistema imunológico.

4) Lobelia — Esta planta está sob ataque do sistema médico, mas é uma erva incrível que é usada para muitos propósitos. (Veja a Nota 29.)

5) Confrei – Esta é outra planta controversa. (Veja a Nota 30). Mas, esta erva é muito boa para ajudar a na recuperação de fraturas e torções. Além disso, ela é facílima de cultivar no seu quintal (fique atento, pois ela se alastra rapidamente!).

6) Spirulina — Não é exatamente uma planta (é uma espécie de alga azul-esverdeada). É um super-alimento, uma excelente fonte de clorofila, magnésio, proteína e vitamina A. Ajuda a fortalecer o sistema imunológico, o fígado e os rins, o sangue, a flora intestinal e o sistema cardiovascular. Chlorella é uma micro-alga similar, que tem incríveis benefícios desintoxicantes.

Existem muitas outras ervas e plantas maravilhosas, como dente-de-leão, pata-de-vaca, hortelã, cidreira, erva-doce, passiflora, salsa, aroeira, copaíba, romã e centenas de outras! Muitas dessas ervas podem ser cultivadas em seu próprio jardim, ou você pode encontrá-las ao fazer caminhadas em uma trilha.

E os Óleos Essenciais?

Pense nisto da seguinte forma: como as ervas são para os legumes, assim os óleos essencias são para as ervas. Em outras palavras, as ervas são uma forma mais concentrada de nutrição (sejam elas de produção orgânica ou silvestres) do que são os legumes do jardim convencional. Os óleos essencias derivados das ervas, etc. são uma forma ainda mais concentradas de nutrição, por uma ordem inteira de magnitude.

Os óleos essenciais são líquidos voláteis distilados a partir de plantas, arbustos, flores, etc. Eles contêm moléculas oxigenadoras que levam os nutrientes até as células do corpo. Sem esse oxigênio, os materiais nutricionais não podem ser absorvidos e isto deixa a maioria de nós exauridos. Esse exaurimento é obviamente uma das principais causas de doenças, como já dissemos.

Os óleos essenciais representam a força da vida líquida (ou "sangue", poderíamos dizer) extraídos de materias de plantas recém-colhidas. Eles são muitas vezes mais potentes do que ervas secas convencionais e são alguns dos mais concentrados extratos naturais conhecidos. Podem ser necessários 100 quilos de uma erva ou flor para produzir meio litro de óleo essencial.

Esses óleos não devem ser confundidos com perfume ou óleo aromático comumentente vendidos. Esses óleos aromáticos (até mesmo muitos que são encontrados nas lojas de produtos naturais) não têm a pureza e qualidade para serem considerados óleos essenciais de grau terapêutico.

Verificou-se que os óleos essenciais desta qualidade são muito eficazes em levar nutrientes às células comprometidas devido às toxinas acumuladas no organismo. Pesquisas clínicas extensivas indicam que os óleos essenciais podem criar um ambiente em que doenças, bactérias, vírus, fungos, etc. não conseguem sobreviver. Veja o seguinte: uma célula bem-nutrida foi projetada pelo Senhor Deus para ser capaz de se desintoxicar. Os óleos essenciais são antivirais, antibacterianos, antiparasitas, antifúngicos, anti-oxidantes e anti-inflamatórios. Assim, eles são bastante apropriados para repelir as doenças e permitir que seu sistema imunológico se reconstrua.

Estes óleos estão sendo usados há milhares de anos para fins medicinais. Eles são mencionados na Bíblia em diversas ocasiões. (Veja a Nota 31) e também são encontrados nos escritos antigos de muitas civilizações. Os óleos essenciais, juntamente com as ervas, são os medicamentos mais antigos que existem no mundo e são usados pelos médicos há milhares de anos.

Você pode ficar surpreso ao saber que esses óleos podem ser usados de três formas. Eles podem ser aplicados sobre a pele e depois a região ser massageada, podem ser cheirados (inalados) e também podem (na maioria dos casos) ser ingeridos. Como as moléculas desses óleos são tão finos, eles podem penetrar na pele facilmente e levar a nutrição e a cura de forma rápida.

Lembre-se que os nervos olfatórios no interior do nariz são os únicos dos cinco sentidos que vão diretamente para o centro do cérebro. É por isto que alguns cheiros instantaneamente nos trazem de volta algumas memórias, emoções ou humores. O cheiro de certas fragrâncias pode nos fazer lembrar de uma pessoa querida que conhecemos e que usava aquela fragância. O cheiro de certos alimentos (pães assados, um almoço especial, etc.) instantaneamente nos levam de volta ao tempo em que sentimos pela primeira vez aqueles aromas e nos enchem com as emoções associadas.

Assim, cheirar um óleo terapêutico pode ter impacto imediato e poderoso, tanto emocional e físico sobre o cérebro e corpo. Frequentemente, o óleo tem seu efeito em apenas alguns minutos. Alguns óleos têm qualidades de alívio para a dor, outros nos deixam mais calmos e nos ajudam a dormir. Outros ainda aumentam a função do sistema imunológico ou têm propriedades antimicrobianas. Você pode esfregar certos óleos nos seus pés e em apenas alguns minutos começar a sentir mudanças em todo o corpo.

O óleo de hortelã já foi avaliado clinicamente por sua capacidade de bloquear a dor, reduzir a dor de cabeça, combater a indigestão, reduzir a fadiga mental, induzir perda de peso e matar ou repelir piolhos. O óleo de malaleuca é usado para tratar a acne e combater os fungos; o óleo de lavanda está sendo examinado por seu papel em induzir o relaxamento, reagir ao enjoo em viagens, reduzir o colesterol no sangue e proteger os vasos sanguíneos. O óleo de alho está sendo pesquisado como antiséptico para os dentes, como agente antifúngico, anticoagulante e anticonvulsionante. Médicos na Europa estão pesquisando alguns óleos e descobrindo que têm propriediades antitumor e anticâncer. (Veja a Nota 32.)

Para muitas pessoas, os óleos essenciais e as ervas são modos eficazes de melhorar a capacidade do organismo de combater as doenças. Nós os recomendamos muito como parte de um estilo de vida saudável. Obviamente, por mais extenso que seja este livreto, não é possível abordar todas as possíveis questões. Sinta-se à vontade para nos contatar se estiver preocupado com alguma delas em particular. Lembre-se, porém, que não somos médicos e louvamos o Senhor Deus por sermos apenas seus humildes servos — tentando restaurar a abrangência total do ministério de cura na igreja de Cristo.

Alimentos Alcalinizantes e Acidificantes (Veja a Nota 33)

Observe que alguns alimentos na lista dos "acidificantes" são bastante saudáveis (salmão, iogurte, etc.) Isto ilustra que você não precisa ser um purista total e não comer nada que esteja na lista dos acidificantes. Significa simplesmente que você deve tentar ter mais de 50-60% da sua dieta de fontes alcalinizantes.

Alimentos Alcalinizantes:

  • Abacate
  • Abacaxi
  • Aipo
  • Alface
  • Agrião
  • Amêndoas
  • Amora
  • Banana
  • Batata (doce e inglesa)
  • Beterraba
  • Brócoli
  • Cebola
  • Cenoura
  • Cereja
  • Cogumelos
  • Couve-de-Bruxelas
  • Couve-flor
  • Damasco
  • Ervilha
  • Espinafre
  • Feijão
  • Figos secos
  • Framboesa
  • Laranja
  • Limão
  • Maçã
  • Melado de cana
  • Melancia
  • Milho
  • Morango
  • Nabo
  • Pepino
  • Pera
  • Pêssego
  • Repolho
  • Soja
  • Tangerina
  • Tomate
  • Uva
  • Uva-passa.
Alimentos Acidificantes:

  • Abóbora
  • Alfarroba
  • Amendoim
  • Ameixa
  • Amora
  • Arroz, branco ou marrom
  • Bacalhau
  • Bacon
  • Camarão
  • Cevada
  • Carne de boi
  • Carne de carneiro
  • Carne de porco
  • Ervilha
  • Espaguete
  • Farinha de trigo, branca ou integral
  • Frango
  • Germe de trigo
  • Iogurte
  • Lentilha
  • Lagosta
  • Leite de vaca
  • Manteiga
  • Mel
  • Mingau de aveia
  • Ostras
  • Ovos
  • Nozes
  • Peru
  • Queijo
  • Salmão
  • Salsicha
  • Sardinha
  • Semente de girassol
  • Vieira (um molusco marinho).

Sobre o autor: Bill Scnoebelen é um Profissional Certificado de Saúde Natural e tem amplo treinamento e formações em disciplinas de medicina natural. Ele oferece educação nutricional como parte de seu ministério espiritual porque acredita que o Senhor Deus quer que sejamos saudáveis em espírito e no físico. Se tiver perguntas, contacte-o via correio eletrônico, ou por meio de sua página, em http://www.withonaccord.org.

Notas Finais

1. Para uma discussão mais completa da teologia gnóstica e suas diferenças com o Cristianismo, veja nossa programa de áudio "Fragments of a Faith Forgotten".

2. Para aqueles de vocês que não estão familiarizados com nossa história, eu me tornei bruxo aos 19 anos e fui levado a acreditar que o Mormonismo era apenas uma forma "purificada" do antigo paganismo. Assim, em um tempo de crise espiritual, minha mulher e eu (como altos sacerdotes na bruxaria) ingressamos na Igreja dos Santos dos Últimos Dias em 1980.

3. Para sua informação, seguimos um regime de Coenzyme Q-10 (pelo menos 100 mg diariamente) e flores do espinheiro branco. Também usamos suplementos de vitamina B-6, acetil-I, carnitina e magnésio. Com isto, conseguimos cuidadosamente descontinuar o uso de todos os remédios para o coração em menos de quatro meses.

4. Não há espaço neste livreto para uma discussão completa a respeito do vitalismo x atomismo. Isto iria desviar o assunto das informações mais práticas que queremos transmitir. Para informações adicionais, veja nosso DVD The Medical Conspiracy.

5. Vine's Expository Dictionary of the New Testament, pg. 1074.

6. Isto inclui a feitiçaria, adivinhação, ler a sorte, lançamento de encantamentos, etc.

7. Journal of the American Medical Association, 26 de julho de 2000.

8. Para uma ótima visão geral das várias ameaças bioquímicas, veja nosso vídeo Israel, Islam and Biochemical / Nuclear Terrorism.

9. A terapia do cólon (ou irrigação) é feita por um profissional treinado que usa um reservatório de água com um tubo conectado. A água quente (e, ocasionalmente, ervas, café ou óleos essenciais diluídos) entra no cólon por meio desse tubo. Á água fica ali e a parte externa do abdômen inferior do paciente é massageada para ajudar a amaciar e soltar o material fecal. O material é então evacuado por meio de um utensílio de aço inoxidável na privada do banheiro. Mas, como este é um procedimento "invasivo", no sentido de que algo está sendo inserido em um orifício do corpo, em alguns estados ele não é permitido para qualquer um fazer, exceto profissionais licenciados. A terapia do cólon é algo que normalmente recomendamos somente como último recurso.

10. Para maiores informações sobre este tópico vital, veja Chronic Fatigue Syndrome and the Yeast Connection, The Yeast Connection and the Woman (1995) e The Yeast Connection; A Medical Breakthrough (1986), todos os três escrito por William G. Crook, MD.

11. Um regime típico para matar toda a Candida envolve, entre outras coisas, tomar probióticos, abster-se de qualquer coisa que contenha açúcar ou fermento por 6-8 semanas, tomar suplementos como ácido caprílico para ajudar a eliminar a Candida. Tomar pelo menos três colheres de sopa de óleo de côco extra-virgem também ajudará bastante. O tratamento requer privações, mas depois que você conseguir se livrar do fungo, começará a se sentir MUITO melhor. Contacte-nos se precisar de informações e de um programa ou dieta recomendável.

12. Para aqueles que estiverem interessados, há um livro maravilhoso e abrangente sobre isto que você pode encomendar junto ao nosso ministério. O livro foi escrito pelo Dr. Harold Loomis, intitulado Enzyme, the Key to Health (21st Century Nutrition Publications, 1999, Madison, WI).

13. Disponível em nossa página na Internet: http://www.withoneaccord.org.

14. Estes incluem folhas de boldo, casca da pata-de-gato, folha do girassol, quebra-pedra (planta inteira), pó da palmeira-sagu, pó de camu-camu, casca de jatobá, folha do mamoeiro papaia, casca do sangue-de-dragão.

15. Estes incluiram óleos essenciais de terragon, alecrim, gengibre, erva-cidreira, rosa-maria e anis.

16. A semente de linho é adequada, porém não ideal. No longo prazo, é mais barato comprá-la integral (e orgânica) e depois moê-la você mesmo em um moedor de café. Duas ou três colheres de sopa por dia farão maravilhas.

17. Para condições sérias, este banho e regime de ingestão de chá é parte de um tratamento naturopata clássico e maior chamado de "Tratamento do Lençol Frio", recomendado por herbalistas clássicos, como Kloss, Shook e Christopher. Contacte-nos se precisar de mais informações.

18. As pessoas que passam pela limpeza, seja com ervas ou com colonterapia, frequentemente veem algo longo, na forma de uma corda, cair no vaso sanitário. Outros veem o material sair em cor preta, similar ao alcatrão. Isto é o muco envelhecido que está saindo para fora, e é excelente que isto aconteça.

19. Hulda Regehr Clark, Ph.D.., N. D., The Cure For All Cancers, ProMotion Publishing, San Diego, CA, 1993.

20. O nome técnico para as ervas antiparasitas é vermífugo. Temos excelentes misturas de ervas para eliminar parasitas, caso você deseje nos contactar a respeito.

20. Temos uma solução para este problema. Embora seja um pouco cara, vale a pena, se você puder arcar com o custo.

21. http://www.evian.com.

22. Assumimos que o leitor esteja familiarizado com os perigos da fluoretação na água potável. O flúor é um refugo da indústria do alumínio, um produto MUITO TÓXICO. Ele não é benéfico para a saúde geral dos seus dentes. Caso esteja preocupado, contacte-me para obter maiores informações.

23. Se estiver interessado em aprender mais sobre este importante assunto, veja o livro do Dr. M. Ted Morter, Your Health, Your Choice, Lifetime Books, Hollywood, FL, 1995.

24. O mel é melhor se comprado puro. Isto significa que ele é rico em enzimas benéficas. Pela mesma razão, é melhor não aquecer muito o mel. Por exemplo, se você adicionar mel ao seu chá de ervas, espere primeiro até que a temperatura esteja morna, ou pelo menos não tão quente que você escalde seu dedo se o mergulhar dentro da xícara. Pode ser que você tenha de esperar uns cinco minutos, mas beber chá deve ser uma experiência feita sem pressa.

25. Para maiores informações sobre esta tendência alarmante nos produtos de higiene pessoal, solicite um livreto gratuito intitulado Rub a Dub, Dub, Is There Cancer in Your Tub? junto ao nosso ministério.

26. "Silvestre" é o termo usado no campo dos suplementos nutricionais para descrever plantas que não foram cultivadas (organicamente ou não), mas foram coletadas no campo, no hábitat natural.

27. Se preferir, você pode solicitá-lo de nós, pronto e a um preço razoável. Ele também pode ser adquido em nosso website.

28. Recomendamos ficar longe de produtos à base de ervas vendidos em cadeias de lojas como WalMart e GNC. A não ser que sejam de uma empresa respeitável, eles tendem a ser de qualidade duvidosa.

29. A lobelia é uma erva incrível. Em doses grandes, ela pouco causar vômito. Paradoxalmente, apenas 2-3 gotas da tintura de lobelia pode fazer parar o vômito! Ela é um antiespasmódico e um estimulante (em pequenas doses), um relaxante (em doses grandes), um sedativo, anti-veneno e catártico. A maioria dos herbalistas considera a lobelia como uma das principais ervas a usar. Existem poucas ervas que são melhores para tratar bloqueios e congestão do corpo, especialmente os vasos sanguíneos. A erva é tão eficaz para tantos propósitos que durante anos os alopadas invejosos (médicos do tipo da AMA) tentaram afirmar que ela era venenosa e a proíbiram durante gerações. Isto é uma total bobagem. A Lobelia inflata (nome científico da planta) é um dos melhores presentes que Deus nos deu em termos de ervas medicinais.

30. Confrei é outra erva muitíssimo eficaz que já recebeu avaliações desfavoráveis na imprensa. Ela é excelente para ajudar tecidos lesionados (queimaduras, fraturas, distensões, etc.) Quando fraturei meu pé dez anos atrás, usei infusões com confrei e unguentos e o médico ficou admirado em ver a rapidez com que meu pé sarou. O confrei já foi acusado de prejudicar o fígado. Isto somente seria verdadeiro em doses ridiculamente grandes e se o fígado já estiver doente. Assim, antes de tomar confrei em uso interno, recomendo primeiro fazer uma limpeza nos intestinos e no fígado. Entretanto, até mesmo na forma de unguento ou compressas, ele pode ter efeitos incríveis sobre as cartilagens, ossos e tendões lesionados.

31. As referências aos óleos nas Escrituras são numerosas demais para serem mencionadas aqui. Se você precisar de maiores informações, contacte-nos e solicite um livreto gratuito: Twelve Oils of Ancient Scripture. É possível que o incenso e a mirra que foram dados de presente ao menino Jesus, podem ter sido na verdade na forma de óleo, ambos os quais têm poderosas propriedades terapêuticas.

32. De Can You Answer These Questions? — documentação disponível gratuitamente. Contacte-nos e solicite um exemplar do livreto.

33. Esta lista pode ser encontrada no livro do Dr. Morter, op. cit., pág. 85-?86.

Se você tiver perguntas, sinta-se livre para contactar o autor pelo seguinte endereço:

With One Accord
3500 Dodge Street
Suite 7 — 290 Dubuque, IA 52003
EUA



Autor: William J. Schnoebelen, artigo em http://www.withoneaccord.org
Data da publicação: 11/10/2016
Transferido para a área pública em 27/8/2018
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/saude.asp