Escolha uma cor para o fundo:  

Análise do Filme "A Lenda do Tesouro Perdido": A Herança Maçônica dos EUA, de Acordo com a Perspectiva dos Pais Fundadores — Parte 1

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

Assim como uma cebola tem uma fina casca exterior, seguida por diversas camadas internas, esse filme tem uma tênue fachada externa, seguida por camadas de significados cada vez mais profundos. Quando você chega à camada final, a mensagem é clara: a herança nacional dos EUA foi estabelecida pelos pais fundadores maçons para abranger desde as sociedades secretas dos Cavaleiros Templários até o Egito Antigo!

Parte 1 — Estudando a "Fachada da Casca de Cebola".

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia-a-dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


Examinando a Tênue Camada Externa — O Enredo

Elenco:

* Nicolas Cage — Benjamin Franklin Gates — Aos onze anos de idade, o garoto Ben Gates ouve atentamente o relato de seu avô sobre como um dos segredos da localização do Tesouro dos Templários foi confiado a seu tataravô Gates, em 1832.

* Jon Voight - Patrick Henry Gates — O pai de Ben, que ficou totalmente amargurado pela obsessão da família pelo Tesouro.

* Christopher Plummer — John Adam Gates — O avô de Ben, que originalmente lhe contou sobre o Tesouro.

Nota: A família Gates, a quem o último segredo remanescente da localização do Tesouro dos Templários foi confiado, escolhia o primeiro e segundo nomes dos homens da família a partir dos nomes dos pais fundadores originais. Nesses três casos, os pais fundadores, em homenagem de quem eles foram nomeados, eram todos maçons. O amor à Maçonaria era evidente por parte de Benjamin e seu avô ao longo do filme e, assim que o pai percebeu que o Tesouro era real, ele também se entusiasmou pela Maçonaria.

* Diane Kruger — Dra. Abigail Chase, chefe do Departamento de Preservação dos Arquivos Nacionais. Ela traz o tema do amor ao filme, transformando-o em um romance agradável para as mulheres e meninas da população.

* Sean Bean — Ian Howe, o financiador do esforço de Benjamin para localizar o tesouro dos Cavaleiros Templários. Após Ian e Ben localizarem o navio enterrado, o Charlotte, eles passam a acreditar que a pista do Charlotte indicava que o "mapa" que revelava o Tesouro estava impresso no verso da Declaração de Independência. Tanto Ben quanto Ian concordam que as autoridades não permitiriam que eles examinassem o verso da Declaração; assim sendo, Ian propõe o roubo do documento, revelando sua mente criminosa.

Ben argumenta que ninguém poderia roubar a Declaração de Independência, porque se trata de um documento nacional inestimável que deve ser preservado a todo custo. Ian então tenta matar Ben e deixá-lo no Charlotte, juntamente com seu assistente, Riley Poole. Obviamente, Ben e Riley sobrevivem, mas o ponto aqui é que Ian revela-se como um simples e ganancioso caçador de tesouros, enquanto Ben é caracterizado primeiramente como um patriota, e depois como um caçador de tesouros. Deste ponto em diante, Ben e Ian lutam entre si pelo controle do documento e das pistas, à medida que elas aparecem.

* Justin Bartha — Riley Poole, o assistente de Ben e perito em computadores. Riley garante uma ajuda crítica a Ben quando eles conseguem roubar a Declaração, pouco antes do momento em que Ian e sua gangue a teriam roubado.

* Harvey Keital — Agente Sandusky, o agente do FBI que foi colocado na chefia da investigação do roubo da Declaração e no seu retorno seguro ao controle do governo. Após o Tesouro dos Templários ser recuperado, a câmera focaliza o anel maçônico do agente Sandusky, informando-nos que ele é um maçom praticante. No final do filme, o agente Sandusky exibe uma mistura singular de senso de humor e compreensão do significado maçônico do Tesouro Nacional, negociando com Ben como cada um dos ladrões que trabalharam com ele poderia ser legalmente inocentado de qualquer acusação.

A Trama Básica do Filme

A história começa na cidade de Washington, no sótão do avô, John Adam Gates, em 1974. O jovem Ben, de 11 anos de idade, acaba de apanhar um antigo livro com símbolos estranhos na capa, quando se volta para ver seu avô olhando para ele com severidade. Após reprovar o jovem Ben, John Gates admite que ele agora já é velho o bastante para conhecer a história da família e seu profundo, obscuro e obsessivo segredo. O avô conta a história:

Numa noite escura, chuvosa e tempestuosa de 1832, Charles Carroll sabia que estava morrendo. Ele precisava ver o presidente Andrew Jackson e, portanto, chamou seu cocheiro para levá-lo à Casa Branca o mais rápido possível. Entretanto, ao chegar à Casa Branca, Carroll ficou sabendo que o presidente havia saído aquela noite. Como sabia que estava morrendo e que provavelmente não sobreviveria àquela noite, ele pediu ao jovem Gates que viesse à sua carruagem para aprender o segredo do Tesouro Nacional. Carroll era o último sobrevivente dos que assinaram a Declaração de Independência e havia recebido uma das diversas pistas da localização exata do Tesouro. Ele entregou ao jovem Gates um fragmento de pergaminho que trazia uma pista:

"O segredo está no Charlotte"

Esse fragmento de pergaminho ficou aos cuidados da família Gates desde então.

O avô então conta a história do Tesouro escondido: abrindo uma cena das pirâmides egípcias, o avô relata como esse tesouro egípcio foi disputado repetidamente ao longo dos séculos, faraós combatendo reis estrangeiros hostis, e reis estrangeiros hostis lutando entre si. Esse Tesouro passou por diversas mãos e, em cada caso, o atual possuidor acrescentava ao Tesouro sua própria cultura e religião, fazendo com que o Tesouro aumentasse e se tornasse cada vez mais valioso.

De repente, o avô Gates torna-se melancólico, pois o Tesouro subitamente desapareceu por mais de 1.000 anos. Absolutamente ninguém sabia de seu paradeiro. Entretanto, durante as Primeiras Cruzadas, jovens e corajosos cavaleiros descobriram uma enorme catacumba sob a área do primeiro templo de Salomão. O Tesouro havia sido guardado ali. Os guerreiros juraram manter esse Tesouro em sua organização, de modo que o contrabandearam primeiro para a Europa e depois para os EUA. Esses Cavaleiros Templários formaram uma sociedade secreta derivada, chamada Maçonaria, confiando a essa organização a proteção do Tesouro.

Durante a Revolução Americana, a liderança maçônica ficou alarmada com a possibilidade de os britânicos descobrirem o Tesouro e embarcá-lo de volta para a Inglaterra. Dessa forma, escondeu o Tesouro, deixando para trás fragmentos de pistas e enigmas que somente uma pessoa familiarizada com a Maçonaria e com a história poderia desvendar. A liderança maçônica mencionada nesse relato era formada por George Washington, Benjamin Franklin e Paul Revere.

No momento em que o avô John estava contando ao jovem Ben que o símbolo do Olho Que Tudo Vê pairando sobre a pirâmide inacabada era um símbolo dos Cavaleiros Templários, o pai Patrick entra no sótão e repreende o avô por encher a mente do jovem Ben com as tolices da família. Ele diz a Ben que irão sair imediatamente. Enquanto desce as escadas, Ben pergunta ao avô se ele poderia torná-lo um cavaleiro da tradição dos Cavaleiros Templários. O avô diz algumas palavras para Ben e jura-o como um "cavaleiro".

A cena então muda para o Círculo Polar Ártico nos dias atuais, em que Ben, agora um homem adulto, está viajando pela imensidão nevada em veículos rastreados. Ian Howe está sentado no banco do passageiro. Atrás de Ben e Ian, Riley está sentado, apoiando seu computador, por meio do qual rastreia sua localização em relação ao ponto de destino usando o sistema de posicionamento global. Qual é o ponto de destino deles?

Ben e Riley pesquisaram minuciosamente a respeito do navio de carga "Charlotte", e identificaram sua última posição conhecida. Eles concluíram que o navio havia sido apanhado em uma violentíssima tempestade ártica durante a época da Guerra Revolucionária e ficara soterrado no gelo e na neve. Eles encontram o navio e começam a cavar sua cova rasa. Após escavar a parte superior do navio, eles descem ao seu interior e entram no porão de carga. Ben observa que o capitão do Charlotte morreu com uma pistola na mão, guardando um dos barris de pólvora.

Ao esvaziar o barril, Ben encontra um pacote enterrado no meio da pólvora. Ao abrirem o pacote, eles descobrem um cachimbo de sepiolita, com inscrições intricadas, aparentemente gravadas em marfim. Conforme Ian examina o cachimbo, Ben observa que o cabo possui gravações intricadas, e busca por todo canto como se as gravações fossem símbolos e palavras. Ben toma o cachimbo, remove o cabo, corta seu dedão com um canivete e espalha seu sangue como tinta sobre a intricada inscrição. Em seguida, ele cuidadosamente rola o cabo em uma folha de jornal que carregava.

Ben imediatamente reconhece que uma mensagem estava sendo impressa ao rolar o cabo sobre o papel. A mensagem era um enigma e continha símbolos maçônicos. Lia-se, em parte:

"A lenda escrita, a tintura afetada, a chave em Silence, não-detectada, a caneta de ferro usada por 55 homens, Matlock não pode ofender."

Percebendo que examinava um enigma, Ben recorre aos seus aprendizados em história e engenharia para desvendá-lo. Logo, ele conclui que a Declaração de Independência era o centro do enigma, pelas seguintes razões:

  1. Matlock foi o calígrafo oficial do Congresso Continental que aprovou a Declaração.

  2. Um total de 55 homens assinou a Declaração, dos quais pelo menos nove eram maçons.

  3. A "tintura afetada" refere-se à prática, comum entre as sociedades secretas da época tanto nos EUA quanto na Europa, de usar uma tinta que desaparecia quando secava, tornando-se invisível a olho nu. A única forma de uma pessoa tornar a tinta visível novamente era utilizar um reagente e calor. Assim sendo, qualquer que seja a tinta utilizada, ela é invisível.

Ben junta todas as pistas e conclui que o verso da Declaração de Independência deve conter um mapa traçado com tinta invisível. Ian considera a questão e conclui que a Declaração seria o documento perfeito para esconder o mapa do fabuloso tesouro dos Cavaleiros Templários, já que seria o documento oficial mais protegido de todo o país.

Portanto, Ian conclui que eles precisarão "tomar emprestado" a Declaração para que possam examiná-la. Ben imediatamente protesta afirmando que esse "empréstimo" é um roubo e eles não poderão fazer isso. Nesse ponto, o homem que é o braço direito de Ian aponta uma arma para Ben e Riley e ameaça matá-los se Ben não cooperar. Ben tenta ganhar tempo acendendo uma chama e ameaçando incinerar a pólvora espalhada. Quando a chama acidentalmente cai no chão e começa a incinerar, Ian e seu capanga escapam e trancam a porta do porão de carga. Ben descobre um "compartimento de contrabando", no qual ele e Riley pulam e começam sua corrida para a segurança do lado de fora do navio. Quando o navio explode, Ian e seu mercenário estão dirigindo os dois veículos especiais para a neve, enquanto Ben e Riley são lançados para frente pela explosão, mas sobrevivem. Ben pega um aparelho de posicionamento global de bolso e calcula o caminho até o vilarejo mais próximo, a apenas 14 km de distância, de onde eles conseguem embarcar em um avião.

Roubando e Examinando a Declaração de Independência

Ben e Riley tentam sem sucesso alertar o FBI e a Segurança Interna que alguém está tentando roubar a Declaração de Independência. A última esperança deles é recorrer à diretora de preservação dos Arquivos Nacionais, que é interpretada pela bela Diane Kruger — Dra. Abigail Chase. Ela ouve o relato, mas também não acredita neles.

Nesse ponto, a história gira em torno dos preparativos paralelos que Ben e Ian estão fazendo para roubar a Declaração de Independência. Enquanto Ian pretende roubar usando explosivos e outros métodos intrusivos, Ben e Riley planejam roubar a Declaração numa operação mais sofisticada. Ben chega primeiro à Declaração e escapa da salva de tiros apontada para ele pelos capangas armados de Ian. Porém, ambos percebem que o momento oportuno para roubar o documento será no sábado vindouro, durante a celebração do 70º aniversário de uma determinada exibição nos Arquivos Nacionais. Evidentemente, a Dra. Abigail estará lá.

Quando Ben sai dos Arquivos Nacionais levando tanto a Declaração verdadeira como uma réplica, a Dra. Abigail o segue, pois, enfim, suspeita que ele esteja tentando roubar a Declaração. Ben lhe entrega a réplica e entra em seu carro, enquanto Abigail atravessa a rua para alertar a segurança. O carro de Ian chega e seqüestra a Dra. Abigail, com o carro de Ben em emocionante perseguição. Depois de uma caçada selvagem e muitos tiros, Ben puxa Abigail para seu carro e consegue se separar do carro de Ian.

Após algumas considerações, Ben, Riley e Abigail param em frente à casa de Patrick Gates — o pai de Ben. Eles colocam a Declaração de Independência sobre a mesa da sala de jantar, com o verso para cima. Assim que Abigail cuidadosamente usa uma haste de algodão para esfregar sumo de limão no canto superior direito, ela e Ben curvam-se para soprar sobre a área, oferecendo, assim, certo grau de calor. Instantaneamente, o compasso e o esquadro maçônicos aparecem, com o "G" no meio. Imediatamente abaixo desse símbolo, diversos números de três posições aparecem, por exemplo, 3-12-2. Abigail diz que isso é um "código de Allendorf", em que os dígitos de três posições informam a localização das letras em um documento-chave; esse documento é normalmente inofensivo, como o jornal de certa data, ou um livro. O primeiro dígito refere-se à página, o segundo dígito refere-se à linha nessa página e o último número refere-se à letra inicial de uma palavra. Nesse exemplo, a chave para 3-12-2 refere-se à terceira página, à décima segunda linha e à primeira letra da segunda palavra. Aproximadamente três dúzias desses números de três posições apareceram logo abaixo do símbolo maçônico, indo verticalmente para baixo na extrema direita do documento. Usando um secador de cabelos para fornecer calor constante, Ben e Abigail mantêm a tinta visível por tempo suficiente para copiarem sistematicamente cada código de três posições.

Entretanto, agora a questão permanece: qual é o documento-chave a que esse código de Allendorf se refere? Ben sabe exatamente qual é esse documento: "As Cartas de Silence Dogood", escritas em 1722 por Benjamin Franklin para um jornal chamado New England Current. Havia aproximadamente nove dessas cartas; eram essas cartas que o código cifrado de Allendorf referenciava. Uma vez que elas estão localizadas nos arquivos de Benjamin Franklin na Filadélfia, a cena muda para lá.

Desvendando as Pistas e os Enigmas

Ben e Riley pagam a um jovem garoto, cuja idade gira em torno dos nove anos, um dólar por cada quatro pistas contidas nas cartas de Silence Dogood. Eles dão ao garoto quatro códigos de Allendorf e o enviam para anotar as letras indicadas. A cada pista, o garoto volta para relatar a Riley do outro lado da rua. Quando o garoto está anotando as quatro últimas letras, Ian observa seu comportamento estranho de estudar as cartas atentamente e contar as linhas e o número das palavras. Quando o garoto sai para entregar a Riley as quatro últimas letras, Ian e seus homens o seguem. Entretanto, Riley não está mais lá porque viu a última pista — as últimas quatro letras — em um anúncio na lateral de um ônibus, divulgando o histórico Liberty Bell.

Quando Riley entrega o enigma a Ben e Abigail, eles percebem que a localização é o Independence Hall, e que a referência à "sombra pontual" deve significar um horário específico indicado pelo sol. Ben subitamente se lembra do desenho do Independence Hall no verso da nota de U$100; o retrato de Benjamin Franklin aparece na frente da nota. Olhando através de uma garrafa de água para obter a ampliação, Ben observa o horário retratado no relógio; está marcado 14h22min. Como já eram quase 15h00min, Ben e Abigail lamentam que acabaram de perder a "sombra pontual", mas Riley lembra que o horário de verão não foi adotado antes da Primeira Guerra Mundial. Dessa forma, o horário atual é quase 14h00min. Se chegassem ao topo do Independence Hall até as 14h22min, eles poderiam ver a localização da "sombra pontual".

Precisamente às 15h22min, horário de verão, eles observaram a localização exata da sombra projetada na parede de tijolos do prédio adjacente ao Independence Hall. Ben imediatamente correu até lá e descobriu um tijolo naquele local que tinha o símbolo do compasso maçônico no canto superior direito. Raspando o tijolo com um canivete, Ben descobre que ele é oco e contém em seu interior um par de óculos especiais, com várias lentes de cores variadas; as lentes podiam ser movidas para cima e para baixo, do mesmo modo que as lentes encontradas nos consultórios oftalmológicos dos dias de hoje, de forma que era possível olhar para o documento através do vidro transparente, do vidro rosa, do azul ou de todos juntos.

Ben encontra Abigail e Riley no salão de reuniões e abre a Declaração, examinando o verso do documento. Imediatamente, Ben vê um belo símbolo colorido feito artesanalmente. Ele vê o que se assemelha ao cabo estilizado de uma espada, com as palavras "Heere at the Wall" (algo como "Aqui na Parede") talhadas ao longo do cabo. Envolvendo o cabo da espada havia um belo tríscele apontado e dentro de um círculo; esse símbolo é uma variação do número "666" [ Dra. Cathy Burns, Masonic and Occult Symbols Illustrated, págs. 240-244].

Antes que ele pudesse examinar melhor, Ian e seus homens aparecem, provocando uma cena de perseguição, com Ben indo para um lado com os óculos e Abigail e Riley indo para outro lado com a Declaração. No final da cena de perseguição, Ian pega a Declaração de Independência, mas Abigail e Riley escapam, enquanto que Ben é capturado pela equipe do FBI, chefiada pelo agente Sandusky.

Enquanto aguarda no escritório local do FBI, Ben vê Sandusky manuseando as lentes dos óculos, movendo-as para cima e para baixo, fazendo com que Ben perceba que ele deve estar examinando o verso da Declaração com as lentes de cores variadas. Enquanto isso, Abigail e Riley contatam Ian na tentativa de libertar Ben; eles prometem a Ian que ele poderá tomar o Tesouro Nacional se devolver a Declaração intacta. Outra cena de perseguição ocorre, em que Ben consegue escapar do FBI e juntar-se a Ian, Abigail e Riley. Eles se encontram na cidade de Nova York, porque é lá que a antiga Rua "Heere" cruza com Wall Street. Após a Guerra Revolucionária, a "rua Heere" foi renomeada como "Broadway".

Na esquina da Broadway com Wall Street, Ben encontra Ian e eles discutem sobre quantas pistas Ben ainda terá de identificar antes que eles possam determinar a localização do Tesouro. Para forçar Ben a cooperar completamente, Ian revela que tem o pai de Ben, Patrick, em sua custódia. Neste momento, Ben diz a Ian que eles devem ir à Igreja Trinity, porque Ben observou uma bandeira da Trinity com um tríscele dentro de um círculo debaixo no nome da igreja.

Assim que Abigail e Riley entram na igreja, Ben, Ian e Patrick juntam-se a eles, também acompanhados pelos capangas armados de Ian. Ben e Ian examinam o verso da Declaração em uma mesa dentro da igreja, usando as cores diferentes das lentes, uma de cada vez. Conforme Ben e Ian olham através de cada lente colorida, uma combinação diferente de símbolos e mensagens aparece. Quando eles examinam a área com todas as três lentes coloridas, percebem que o Tesouro está localizado "Debaixo de Parkington Lane".

Assumindo que essa localização tinha que estar debaixo da igreja, todo o grupo desce à área abaixo da igreja, que era uma cripta funerária antiga. Riley encontra uma cripta com o nome "Parkington Lane". O homem enterrado nessa cripta era um maçom do Terceiro Grau da Loja Azul, conforme evidenciado pelos símbolos maçônicos. Sem aviso, um dos homens de Ian começa a escavar na frente com uma pá, abrindo a área. Quando removem o caixão, o fundo cai, derrubando os restos mortais do homem. Os capangas descem o caixão lentamente.

Ian aponta um facho de luz para dentro da cripta, revelando o início de um túnel — "Debaixo de Parkington Lane". Todos, exceto dois capangas de Ian, que ficam de guarda na entrada da cripta, começam a descer o túnel, o que os leva a uma experiência muito angustiante e mortalmente arriscada por cinco andares de um poço e prédio subterrâneos. Encontrando um corredor vertical, o grupo desce ao nível designado e sai, chegando a uma grande sala vazia. Uma lamparina está pendurada nessa sala, e Ben a acende com sua tocha.

Quando Ian começa a indagar insistentemente por que eles tiveram de enfrentar todo esse trabalho para chegar a um quarto vazio, Patrick aproveita a oportunidade para lhe dizer que a lanterna é a pista que aponta para outra localização onde o Tesouro está realmente localizado. Quando Ian exige saber exatamente a que se refere essa pista, Ben lhe diz que ela se refere à Igreja Old North, em Boston, em que a antiga frase "Um se por terra, dois se por mar" foi cunhada durante a Guerra Revolucionária Maçônica. Ian é completamente enganado por essa falsa pista e sai com seus homens, subindo o corredor vertical.

Assim que eles vão embora, Ben e Patrick retornam à sala aparentemente vazia, descobrindo pistas adicionais que os levam a uma sala do tesouro externa. Examinando as paredes cuidadosamente, Ben descobre mais símbolos maçônicos encravados, incluindo um símbolo circular com um buraco no formato exato do cachimbo de sepiolita. Após inserir a cabeça do cachimbo e utilizar o cabo para apertar um botão, ouve-se um enorme barulho, após o qual uma grande porta se abre para a verdadeira sala do tesouro.

O "Tesouro Nacional" tinha acabado de ser descoberto.

Conclusão

Embora o tesouro de muitos países tenha sido descoberto nessa caça ao tesouro, a ênfase principal está no Egito. Não apenas a ambientação estava abarrotada de artefatos religiosos e culturais egípcios, mas Patrick descobriu um medalhão coberto por poeira. Quando removeu a poeira, ele viu um antigo desenho egípcio do Olho Que Tudo Vê pairando sobre uma pirâmide inacabada. Linhas divinas irradiavam ao redor desse símbolo, indicando a presença da divindade. A partir desse símbolo, foi criado o Olho Que Tudo Vê de Hórus (Lúcifer) pairando sobre a pirâmide inacabada no verso da nota de um dólar.

Agora que conhecemos a fina camada externa dessa cebola, devemos prosseguir para a Parte 2, onde descascaremos as muitas camadas de significado desse filme. Discutiremos os seguintes assuntos:

  1. Construir extensos sistemas de túneis e/ou construções subterrâneas.

  2. Usar sofisticados sistemas de codificação, incluindo cifras e pistas cuidadosamente construídas combinadas com enigmas.

  3. Usar sofisticados sistemas de tinta de escrever que desaparecem quando secam e/ou que só podem ser vistas em circunstâncias específicas.

A pessoa comum que assistir a esse filme jamais perceberá algo além da trama crua que acabo de descrever. No entanto, o filme contém muito mais informações para quem tem discernimento e sabe das coisas. A Parte 2 tratará dessas questões.

Já que o filme "A Lenda do Tesouro Perdido" tornou público símbolos acerca dos quais os homens tinham de jurar segredo nos últimos quinhentos anos, podemos somente observar que a hora deve estar muito adiantada: o Anticristo deve já estar no cenário mundial.

Dê um clique aqui para ler a Parte 2



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Tradução: Eduardo Perez Neto
Data de publicação: 20/1/2005
Revisão: A. F. e http://www.TextoExato.com
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n1982.asp