Escolha uma cor para o fundo:  

Soldados Americanos Que Retornaram do Iraque Contaminados Pelo Urânio Empobrecido Estão Agora Contaminando Suas Mulheres e Gerando Crianças com Deformidades Físicas

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

Embora o Pentágono negue e diga que não há nada de errado com seus soldados, ou que eles estão sofrendo de algum distúrbio mental, a contaminação pelo urânio empobrecido está se alastrando dos soldados para suas mulheres e para seus filhos nascituros ou recém-nascidos.

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia-a-dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


O congressista Dennis Kucinich está absolutamente correto! Quando disputou a indicação para ser candidato a presidente nas primárias do Partido Democrata, Kucinich criou um vídeo advertindo sobre os perigos das munições com urânio empobrecido e divulgou em seu sítio na Internet — http://www.kucinich.us/dkdu.html.

Nesse vídeo impressionante, o congressista Kucinich diz que os soldados envenenados com urânio empobrecido (ou exaurido) contaminarão suas mulheres por meio das relações íntimas, passando a contaminação para seus filhos nascituros. Na parte final de seu vídeo, Kucinich afirma que 67% dos bebês nascidos dos veteranos que retornaram da Primeira Guerra do Golfo tiveram deformidades e/ou enfermidades severas que podem ser rastreadas diretamente à contaminação que os pais receberam no Iraque ou no Kuwait.

Portanto, como todos esses efeitos médicos desastrosos são bem conhecidos na medicina e como o Pentágono sabia do fato tão bem a ponto de retirar o seu Vídeo de Treinamento Sobre as Munições com Urânio Empobrecido, deveríamos esperar que o presidente Bush não usasse esse tipo de armamento na invasão do Afeganistão e do Iraque. Infelizmente, ele usou essas armas, e agora os soldados americanos, suas mulheres e seus bebês nascituros e/ou recém-nascidos estão pagando um preço extremamente elevado.

Vamos agora para um artigo atual que diz como uma preciosa criança nasceu com sérias deformidades, estranhamente similares na aparência aos milhares de bebês que estão nascendo deformados no Iraque em decorrência do urânio exaurido, que agora está contaminando profundamente aquele país.

Resumo da notícia: "A menor vítima da guerra: Ele foi exposto ao urânio exaurido — a filha pode estar pagando o preço." — New York Daily News, 29/9/2004, divulgado na seção Daily News Updates em 2 de outubro de 2004, (http://www.nydailynews.com/front/story/236934p-203326c.html).

"No início de setembro de 2003, o soldado da Guarda Nacional do Exército Gerard Darren Matthew foi levado do Iraque para casa, acometido por uma súbita doença. Um dos lados do rosto de Matthew inchava a cada manhã. Ele tinha enxaquecas constantes, visão turva, perdas momentâneas da consciência e uma sensação de queimação ao urinar."

Vamos parar aqui para dizer que esses problemas físicos são sintomas clássicos associados com a contaminação pelo urânio exaurido! Embora os sintomas sejam variáveis (Leia o artigo N1907 no site da Cutting Edge), nossa experiência ao longo dos anos confirmou que esses sintomas parecem ser os mais comuns nos soldados doentes que voltam para casa do Iraque e do Afeganistão. Os médicos do Exército certamente sabiam que Gerard Matthew estava sofrendo de contaminação por urânio exaurido, mas provavelmente estavam proibidos pelas diretrizes do Exército de dizer a verdade aos combatentes que retornavam. Como você verá, esses médicos disseram a Matthew que não sabiam o que o estava acometendo e disseram que ele estava sofrendo de um "inchaço crônico inexplicável"; portanto, quando ele voltou para casa e manteve relações íntimas com sua esposa; pensando que agora poderiam dar continuidade aos seus planos atrasados de construir uma família, os médicos do Exército serão cúmplices quando a mulher de Matthew ficar contaminada e certamente cúmplices no nascimento de sua filhinha deformada.

"O Exército o transferiu para o Centro Médico Walter Reed, em Washington, para que ele fizesse mais exames, mas os médicos não podiam explicar o que estava acontecendo... Em maio, o Exército concedeu-lhe uma pensão por incapacidade de 40% devido às suas enxaquecas e à sua condição denominada angioedema idiopática — um inchaço crônico inexplicável. Entretanto, Matthew nunca recebeu os resultados de seu exame sobre o urânio empobrecido. Quando ligou para o Fort Dix, na semana passada, cinco meses depois de ter feito o exame, recebeu a informação que não havia registro de nenhuma coleta de amostra de sua urina." (Ibidem).

Esta é a típica dissimulação burocrática do Exército quando "perdem" uma amostra de urina de um soldado! Outro truque interessante é colocar o padrão de contaminação em um nível tão alto que poucos soldados contaminados terão resultado positivo em seus exames, se é que algum terá. No entanto, os soldados estão doentes e ficando cada vez mais doentes, mas o Exército os está levando a seguir "pistas falsas" ao encaminhá-los para o tratamento de doenças mentais, de angioedema idiopática e daquela onipresente doença chamada "Síndrome da Guerra do Golfo". Como Gerard Matthew não obteve nenhuma satisfação do Exército, procurou o jornal New York Daily News.

"Em junho, Matthew contatou o Daily News e pediu que o encaminhássemos a um exame de sua urina em um laboratório independente. Isso foi depois que o The News relatou que quatro de cada sete soldados de outra unidade da Guarda Nacional, o 442o Batalhão de Polícia Militar receberam resultado positivo para urânio exaurido. O teste independente da urina de Matthew apresentou resultado positivo para urânio empobrecido — lixo radioativo de baixo nível produzido em instalações nucleares durante o enriquecimento do urânio natural. Por ser duas vezes mais pesado que o chumbo, o urânio exaurido está sendo usado pelo Pentágono desde a Guerra do Golfo Pérsico em certos tipos de munições de aviões antitanque e na blindagem dos tanques Abrams." (Ibidem).

Não havia dúvidas que Gerard Matthew estava contaminado pelo urânio empobrecido. Mesmo assim, ele ficou surpreso, pois não estivera no campo de batalha nem fora atingido diretamente por um projétil com urânio empobrecido. O Exército diz aos seus soldados que essas são as duas formas em que eles podem ser contaminados pelo urânio empobrecido. No entanto, o Exército NÃO está dizendo aos seus homens que eles podem se contaminar com urânio empobrecido simplesmente ao respirar a poeira contaminada. De fato, como informamos no artigo N1804, "Estariam os EUA Cumprindo os Julgamentos de Deus Contra o Iraque, Conforme Isaías 13?", um soldado precisa apenas respirar UMA única partícula de poeira para ficar fatalmente doente! A partir do momento que um soldado respira poeira contaminada com urânio empobrecido, começará a sofrer pela dispersão da radiação pelo seu corpo, 24 horas por dias, 7 dias por semana. Essa é uma realidade que está por trás da advertência que a Cutting Edge recebeu de um médico que serve em um Exército estrangeiro em maio de 2003, que nos próximos dez anos, virtualmente todos os soldados americanos morrerão devido à contaminação pelo urânio empobrecido e que todo o território iraquiano ficará impróprio para a habitação humana em menos de vinte anos.

Este próximo segmento de um artigo do New York Daily News fala sobre esse triste fato:

"O urânio empobrecido não é como o urânio natural, que ocorre no ambiente. O urânio natural pode ser ingerido na comida ou bebida, mas é expelido do corpo em 24 horas. A poeira contaminada por urânio empobrecido, no entanto, é tipicamente levada para os pulmões e pode permanecer ali durante vários anos, emitindo constante radiação de baixo-nível." (Ibidem).

"A exposição à radioatividade tem sido associada em alguns estudos aos defeitos congênitos em crianças cujos pais que sofreram exposição... Pouco tempo após o retorno de Mattews, sua mulher, Janice, ficou grávida. No dia 29 de junho, ela deu à luz uma menina, Victoria Claudette. O bebê não tinha três dedos da mão e a maior parte da mão direita... Eles viram fotos de bebês iraquianos nascidos com deformidades que são estranhamente similares."

Como na Primeira Guerra do Golfo, maridos contaminados estão contaminando suas mulheres e namoradas por meio da intimidade física, e o sêmen está produzindo bebês que nascem deformados ou gravemente doentes. Lembre-se da advertência no vídeo do congressista Kucinich, que 67% dos bebês nascidos dos veteranos da Primeira Guerra do Golfo tiveram deformidades e/ou doenças graves que podem ser diretamente rastreadas à contaminação por urânio empobrecido recebida pelo pai.

Prepare-se para ver e ouvir mais e mais histórias deste tipo. O presidente Bush, o primeiro-ministro Blair e o secretário de Defesa Rumsfeld lançaram caladamente uma guerra nuclear sobre o Iraque, sobre o Afeganistão e sobre os países vizinhos do Oriente Médio. A maioria de nossos soldados que retornarem desses países irá eventualmente morrer de um caso fatal de contaminação pelo urânio exaurido. Alguns homens adoecerão imediatamente, enquanto outros não ficarão doentes nos próximos dez anos, mas em uma década, quase todos os soldados estarão doentes e/ou morrerão em conseqüência da contaminação por urânio empobrecido. E, inúmeras de suas mulheres e crianças ainda por nascer sofrerão e morrerão.

A suprema ironia é que as próprias armas americanas, que usam munições com urânio empobrecido, irão matar infinitamente mais soldados americanos do que Saddam ou os seus combatentes insurgentes poderiam esperar matar. Por que nossos líderes iriam deliberadamente mobilizar soldados armados com munições que sabem que com muita probabilidade iriam matá-los? Responderemos a essa pergunta no próximo artigo sobre o urânio exaurido, "As Implicações Geoestratégicas das Munições com Urânio Empobrecido".

Verdadeiramente, a natureza cruel dos líderes americanos com relação aos seus próprios soldados, suas famílias e aos cidadãos civis inocentes no Afeganistão e no Iraque é exatamente o que foi predito na Escrituras sobre o fim dos tempos:

"Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te." [2 Timóteo 3:1-5].

Somente um Presidente e um Secretário de Defesa cujos atributos pessoais são como as pessoas previstas nesta profecia do fim dos tempos, poderiam ter enviado os soldados americanos à batalha no Iraque armados com munições mortais de urânio exaurido, que matará a todos eles e a maioria dos cidadãos do Iraque. Lembre-se, Bush ordenou essa invasão com base em mentiras, distorções e exageros.

Esta é a real natureza do presidente Bush. Observe que, embora essas pessoas sejam tão horríveis em seus corações, eles ainda se fingirão de cristãos! Veja novamente a Escritura pertinente:

"Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela."

O que devemos fazer com tais pessoas?

"Destes afasta-te."

Verdadeiramente o fim dos tempos está sobre nós!



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Tradução: Maria Stella Tupynambá
Data de publicação: 4/11/2004
Patrocinado por: S. F. F. C. — Vargem Grande Paulista / SP
Revisão: V. D. M. — Campo Grande / MS e http://www.TextoExato.com
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n1965.asp