Escolha uma cor para o fundo:  

Nova Temporada da Série 24 Horas Mostra Cenário Caótico Provocado Por Terrorismo Islâmico nas Cidades e Condiciona a Audiência a Aceitar um Governo Ditatorial

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

O roteiro da nova temporada parece ter sido baseado nos livros de planejamento dos Illuminati, que têm o objetivo de dissolver a Constituição, tripudiar sobre as liberdades individuais e levar as pessoas aos campos de concentração às centenas de milhares. O simples fato de o enredo de uma série para a televisão mostrar o cenário exato que será imposto à população parece indicar que estamos mais próximos do fim de todas as coisas do que poderíamos imaginar.

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia-a-dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


A série 24 Horas, da rede Fox de televisão, começou a ser transmitida em 29 de outubro de 2002 e me deixou grandemente perturbado. O programa glorificava os agentes do governo que brutalmente torturavam as pessoas e glorificava os representantes do governo que tripudiavam sobre as liberdades individuais, quase da mesma maneira como tenho advertido os leitores desde os ataques de 11/9/2001.

Se você ainda não leu nosso artigo original sobre essa série, separe um instante para ler N1729 (não traduzido).

Por volta da metade da primeira temporada, parei de assistir aos programas da série devido à excessiva brutalidade e cenas com derramamento de sangue. Fiquei preocupado que meu espírito pudesse se tornar embrutecido pela exposição à violência incessante e quase sem sentido. Em uma cena após a outra os agentes do governo, liderados por Jack Bauer — que belo sobrenome de uma família dos Illuminati — torturava as pessoas para obter informações. Como resultado, a maioria dos cidadãos americanos hoje acredita que os agentes do governo têm o direito de usar a tortura de modo a obter as informações necessárias de um prisioneiro terrorista.

A nova temporada de 24 Horas estreou no domingo, de 14 para 15 de janeiro. Minha mulher e eu ficamos interessados em assistir à estréia por causa dos trailers que mostravam terroristas agindo contra as cidades, a perda dos direitos e liberdades constitucionais e a dissolução do governo eleito — em outras palavras, parecia que 24 Horas iria retratar na tela da televisão o cenário exato que está planejado para nós!

Não fiquei desapontado, mas novamente fiquei muito perturbado pelo que vi.

A nova série 24 Horas inicia com cenas de terrorismo islâmico nas cidades. Múltiplos atos de terror são perpetrados em diversas cidades. As perdas civis reportadas são em um total de centenas de vítimas e o presidente fica muito preocupado. O presidente era um negro compassivo, Wayne Palmer, o irmão de David Palmer, que havia sido assassinado. Seu gabinete incluía um chefe da Casa Civil linha-dura, Lennox, que preconizava a adoção de medidas ditatoriais, incluindo o encaminhamento de dezenas de milhares de pessoas para os campos de concentração.

Ao mesmo tempo, Karen Hayes, a Assessora de Segurança Nacional, opõe-se valentemente ao plano dos campos de detenção de Lennox, de modo que o presidente Palmer está dividido. Ele quer defender a população contra os ataques do terror, de modo que se inclina em direção às políticas linha-dura do seu chefe da Casa Civil. Entretanto Karen Hayes argumenta eloqüentemente que o presidente corre o risco de piorar uma situação já ruim ao tripudiar sobre os direitos constitucionais do cidadão comum, uma violação inevitável pela ampla abrangência dos artigos do plano dos campos de concentração.

Igualmente importante nessa questão de solucionar o problema sem negar aos cidadãos seus direitos e liberdades constitucionais básicos é a irmã do presidente, Sandra Palmer, uma advogada que faz parte do conselho jurídico da Aliança Islâmica Americana, e que também é amante de seu líder, Walid. Sandra resiste ao FBI quando agentes aparecem na Aliança sem portar mandados de busca e apreensão, exigindo o arquivo de computador com toda a lista de membros. Sandra força-os a voltar com um mandado, o que eles fazem, mas enquanto isso, Sandra rapidamente vai até seu escritório e usa um software "picotador" de arquivos para destruir completamente o banco de dados antes que o FBI possa confiscá-lo. O FBI então prende Sandra e Walid.

Sandra Palmer agora é a campeã na luta pela preservação dos direitos do cidadão comum contra os ataques sem permissão judicial por parte do governo federal. Portanto, se o presidente Palmer decidir implementar o plano de dissolver a Constituição e de aprisionar as pessoas em campos de concentração, o telespectador verá essa ação como sendo absolutamente necessária para preservar o estilo de vida americano, pois o presidente compassivo tomará essa ação, indo contra sua própria vontade, contra a vontade de sua irmã e a de sua Assessora de Segurança Nacional, Karen Hayes.

O fim do segundo episódio, na segunda-feira, foi chocante, por duas razões:

!) O país inteiro sem dúvida sentiu o choque e a sensação ruim no estômago quando assistiu a transmissão via satélite e ao vivo da explosão de bomba nuclear escondida dentro de uma pasta de executivo. A cena foi no Salão Oval, quando o presidente e os membros do seu gabinete assistiram o horror dos horrores acontecer — uma explosão nuclear em uma área urbana.

2) Essa cena é exatamente o que os Illuminati planejam para toda a América! Citando uma de nossas antigas fontes:

"... você pode imaginar o que acontecerá se Los Angeles for atingida por um terremoto de 9 graus, a cidade de Nova York for destruída por uma bomba atômica plantada por terroristas, a Terceira Guerra Mundial irromper no Oriente Médio, os bancos e as bolsas de valores entrarem em colapso, extraterrestres aterrissarem nos jardins da Casa Branca, os alimentos desaparecerem dos supermercados, algumas pessoas sumirem, o Messias se apresentar ao mundo, e tudo isso em um período muito curto de tempo?" [Behold a Pale Horse, William Cooper, págs. 167,177; leia a resenha].

Como você pode ver, está planejado que a cidade de Nova York seja atingida por uma "bomba atômica plantada por terroristas" [leia os artigos N1883 e N1938] seguida pela deflagração da Terceira Guerra Mundial. Lembre-se dessa seqüência, pois é muito importante. Agora, observe com atenção os demais "desastres combinados" que os Illuminati planejaram para o restante do mundo:

  1. Uma guerra global muito curta, porém mortal, usando armas nucleares sobre concentrações populacionais selecionadas.
  2. Los Angeles será atingida por um tremor de terra de 9 graus.
  3. Nova York será destruída por uma bomba atômica plantada por terroristas
  4. A Terceira Guerra Mundial irromperá no Oriente Médio
  5. Colapso dos bancos e do mercado de ações
  6. Extraterrestres aterrissam nos jardins da Casa Branca
  7. Desabastecimento — os alimentos desaparecem dos mercados — fome
  8. Sumiços de algumas pessoas (arrebatamento?)
  9. O Messias apresenta-se ao mundo

A Terceira Guerra Mundial irromperá no Oriente Médio, iniciando entre Israel e seus vizinhos árabes (leia o artigo N1056), mas depois se alastrará para toda a região. Logo em seguida, a Coréia do Norte precipitará uma crise nuclear que ameaçará a existência da humanidade e, em seguida, a China invadirá Taiwan. (Leia o artigo N1319, "Três Crises Planejadas Para Anteceder o Aparecimento do Anticristo.).

Desastres sem paralelos é o que os Illuminati planejam. Logicamente, sabemos que o item 9 acima ocorrerá bem no fim do período. Entretanto, considere atentamente que esses terríveis eventos deverão ocorrer juntos, como uma unidade; além disso, ex-satanistas já me disseram que todo esse conjunto de desastres ocorrerá dentro de um período de treze semanas (91 dias). Portanto, nem um evento ocorrerá se os demais não estiverem prontos para ocorrer também — pelo menos dentro desse período de treze semanas.

Agora, vamos voltar aos "desastres sem paralelos" que a série 24 Horas está prestes a mostrar. No fim do episódio da segunda-feira, vimos que uma bomba nuclear em uma pasta de executivo tinha explodido, e que mais quatro estavam no país. Os próximos episódios revelarão os esforços frenéticos das autoridades do governo para localizar essas quatro bombas antes que elas sejam detonadas, e o terror total que ocorrerá quando pelo menos uma das quatro restantes for detonada.

O povo americano verá seu amado país ser devastado pelo terrorismo convencional e nuclear e sentirá o terror sendo mostrado na tela. Quando a população em 24 Horas perder seus direitos e liberdades constitucionais, e quando alguns cidadãos forem presos na "rede ampla" do programa dos campos de concentração, muitos telespectadores se simpatizarão com as autoridades e convencerão a si mesmos que essa terrível ação é justificável por causa dos eventos que ocorreram. Portanto, quando o terror real ocorrer, muitas pessoas simplesmente aceitarão os atos ilegais do governo, por já terem sido condicionadas por essa terrível série de televisão.

Como a população está sendo condicionada à inevitabilidade da dissolução da Constituição e da remoção "temporária" dos direitos e garantias dos cidadãos, ela também precisa ser condicionada a odiar os radicais inimigos islâmicos. Esta próxima matéria de notícias ilustra o quão eficientes os dois episódios iniciais de 24 Horas foram em incitar o ódio em relação aos muçulmanos radicais.

Resumo da Notícia: "Muçulmanos Aborrecidos com o Retrato Feito em 24 Horas: Muçulmanos Protestam Pela Repetição do Estereótipo como Terroristas na Nova Série de Sucesso da Fox", ABC News, 17 de janeiro de 2007.

"Clifton, NJ — Dois anos atrás, grupos islâmicos protestaram quando o enredo da série dramática 24 Horas, do canal Fox, mostrou terroristas islâmicos como vilões que lançaram um míssil nuclear roubado em um ataque contra os EUA. Agora, após um ano de folga, durante o qual os separatistas russos fizeram o papel dos vilões na série aclamada pela crítica, os muçulmanos estão de volta aos holofotes. Ao contrário da última vez, quando o agente Jack Bauer salvou o dia, desta vez os terroristas já conseguiram detonar uma bomba nuclear em um bairro de Los Angeles."

"O fato de serem retratados novamente como vilões sem coração motivou renovados protestos dos grupos islâmicos... 'A impressão dominante que você tem é que há medo e aversão aos muçulmanos', disse Rabiah Ahmed, uma porta-voz do Conselho Sobre Relações Americano-Islâmicas, com base em Washington. Ela disse na quinta-feira que ficou angustiada com o episódio de estréia da temporada. 'Após assistir ao programa, fiquei com medo de sair à rua para ir à mercearia mais próxima porque não sabia se as pessoas perto de mim poderiam diferenciar entre ficção e realidade."

Embora os atores da série digam que esses radicais não representam todos os muçulmanos, essa frase fica abafada pela contínua representação dos terroristas islâmicos como monstros irracionais e sem sentimentos. Além disso, quando aquele artefato nuclear explodiu, todos os conselhos para usar a razão e o bom senso são instantaneamente esquecidos! Somente as imagens de ódio em relação aos americanos e da destruição sem paralelos é que permanecem.

Como um instrumento de propaganda, 24 Horas é provavelmente insuperável.

Rastreando e Destruindo os Artefatos Nucleares — Em Tempo Real

Separe um momento para ler o artigo N1938, "O Mito Que Grupos Terroristas Podem Atingir as Grandes Cidades com Armas Nucleares Sem Que Suas Exatas Ações Sejam Conhecidas de Antemão". Vamos incluir alguns excertos aqui.

Uma das mentiras que a Segurança Interna e o FBI repetem enganosamente é que os terroristas têm artefatos nucleares que podem detonar a qualquer momento. Considere a mentira-mestre da propaganda: A Al-Qaeda possui armas nucleares e já as posicionou nos EUA, aguardando a hora de iniciar um ataque. Antes de analisarmos essas matérias de notícias anteriores de bomba nuclear/bomba suja, lembre-se que uma das mentiras com base nas quais Bush e Blair justificaram a invasão do Iraque foi que Saddam tinha estabelecido vínculos muito próximos com Osama Bin Laden, permitindo assim que ele recebesse materiais nucleares do Iraque. Essa mentira foi totalmente exposta pelo recente relatório da Inteligência do Senado e pelos relatórios de Lord Hutton e Lord Buttler, na Grã-Bretanha.

Entretanto, essa verdade não impede o propagandista de repetir a amedrontadora manchete: "A Al-Qaeda Tem Armas Nucleares nos EUA".

"A América tem a capacidade técnica de interceptar qualquer terrorista que se atrever a infiltrar armas nucleares neste país. Vamos analisar o resto da história. Como você provavelmente já ouviu nas três principais redes de notícias, existe certa preocupação com os assim chamados dispositivos nucleares portáteis desenvolvidos pela antiga URSS. O ex-chefe da KGB confirmou a existência de 150 dispositivos portáteis: 100 dos quais estão atualmente desaparecidos... nem um desses dispositivos está desaparecido. Sabemos exatamente onde eles estão localizados a qualquer momento de tempo."

... Uma série de satélites planejados para iniciarem a operação em 1989... Eles contêm dispositivos sensores especiais (desenvolvidos pela SAIC) que podem detectar partículas derivadas de alta velocidade de urânio enriquecido (necessário para os artefatos nucleares). Devido ao pequeno tamanho e à velocidade dessas partículas, nenhuma quantidade de blindagem pode bloqueá-las; nem o chumbo, nem a terra! (o solo subterrâneo). O risco de radiação com essas partículas é mínimo devido à quantidade limitada. Nossos satélites podem detectar e determinar a localização do urânio enriquecido no mundo inteiro."

Você sabia que os satélites têm essa capacidade? Eles podem detectar com exatidão as partículas de alta velocidade derivadas do urânio enriquecido, mesmo se o dispositivo estiver dentro de uma caixa de chumbo ou enterrado no solo! Essa capacidade significa que podemos saber a localização exata de cada ogiva nuclear no planeta. Sabemos a localização de cada ogiva russa, e sabíamos que Saddam Hussein não tinha ogivas nucleares!

Essa notícia é simplesmente chocante em suas implicações. As notícias de primeira página em todo o mundo estão agora nos dizendo que os serviços de Inteligência MI6 britânico e a CIA americana cometeram uma gigantesca "falha da inteligência" em sua avaliação pré-guerra das armas de destruição maciça de Saddam Hussein. Mas, essa revelação nos diz que essa "falha da inteligência" é impossível, porque já existe a capacidade de determinar exatamente a localização de cada ogiva nuclear no mundo a qualquer momento de tempo! "Países delinqüentes" que são acusados de estarem desenvolvendo sua própria capacidade nuclear estariam entregando seus dispositivos nucleares rapidamente, porque eles saberiam que conhecemos a localização exata de cada ogiva.

Portanto, como os satélites podem localizar e identificar até mesmo os dispositivos nucleares de pequeno porte, eles podem detectar quando um desses dispositivos começa a ser transportado para uma nova localidade. Esses satélites podem rastrear o embarque da bomba nuclear em um avião ou um navio, podem detectar a descarga e até mesmo acompanhar o transporte por uma rodovia. Eles podem rastrear o dispositivo à medida que o caminhão segue por uma determinada estrada e podem rastreá-lo até ele chegar ao seu destino planejado.

Portanto, os terroristas não podem usar pequenos dispositivos nucleares contra este país, porque os satélites os rastreariam com precisão. Lembre-se disso quando você assistir a equipe da Unidade de Contraterrorismo tentando descobrir a localização dos quatro outros dispositivos. Se uma bomba nuclear terrorista realmente for detonada, você saberá que os Illuminati permitiram isso, de modo a cumprir com o terrorismo planejado.

Agora, vamos examinar a realidade que as ondas eletromagnéticas escalares e HAARP podem inutilizar qualquer arma nuclear no planeta em questão de minutos e podem inutilizar um dispositivo nuclear situado em um determinado local, tornando-o impossível de explodir como um artefato nuclear. Essa interessante revelação é feita no livro do ten-cel Beardon, Oblivion: America At The Brink, mostrado aqui ao lado.

Agora você sabe a verdade de dois gumes.

  1. Os Illuminati planejam que certas cidades norte-americanas sejam atingidas por bombas nucleares, exatamente como mostrado na série 24 Horas.

  2. Os EUA e a Rússia possuem a capacidade de rastrear cada dispositivo nuclear no planeta, mesmo enquanto ele estiver sendo transportado para uma nova localização.

  3. As ondas eletromagnéticas escalares podem inutilizar qualquer dispositivo nuclear, tornando-o inoperante e inútil. Como os terroristas conhecem esse fato tecnológico, eles não tentariam usar um armamento obsoleto como esse de forma a aterrorizar a população dos EUA.

Mas, como um instrumento de propaganda, os Illuminati sabem que o dispositivo nuclear pode aterrorizar um público ignorante e levá-lo à submissão. O plano deles é exatamente esse.

Ao assistir o cenário exato se desdobrar na tela da televisão, somente pude pensar que os ponteiros do relógio profético estão mais próximos da Terceira Guerra Mundial do que imaginávamos. Do meio da fumaça e das cinzas produzidas por essa guerra global, o Anticristo sairá caminhando. Quando você coloca esse fato junto com os muitos outros eventos do 'fim do período', talvez este seja o ano em que essa Terceira Guerra Mundial será iniciada!



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Data de publicação: 7/2/2007
Revisão: V. D. M. — Campo Grande / MS e http://www.TextoExato.com
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n2181.asp