Escolha uma cor para o fundo:  

A Invasão Russa à Geórgia Tem o Propósito de Fazer uma Grande Advertência ao Ocidente

Recursos úteis para sua maior compreensão

Título do Livro 1


Título do Livro 2


Título do Livro 3

Quando a Rússia completar essa invasão e sem enfrentar qualquer reação militar do Ocidente, o cumprimento da profecia de Ezequiel 38-39 estará mais próximo! Se Deus já colocou "anzóis no queixo" da Rússia, esta precisará trazer a Geórgia de volta ao seu controle, para que o profetizado ataque a Israel possa acontecer!

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia-a-dia!!

Aprenda a proteger a si mesmo e aos seus amados!

Após ler nossos artigos, você nunca mais verá as notícias da mesma forma.

Agora você está na
"THE CUTTING EDGE"


No dia 8 de agosto, a Rússia invadiu a Geórgia. O ataque foi ousado e decisivo e as forças armadas georgianas sucumbiram quase que imediatamente.

O mundo assistiu com horror, especialmente os Estados Unidos e a União Européia, pois ambos trabalharam arduamente para trazer a Geórgia para a órbita ocidental. Devido à desfragmentação da antiga URRS, os ex-Estados vassalos passaram a existir como países. A Geórgia foi um desses Estados e bem depressa começou a se inclinar politicamente em direção ao Ocidente.

À medida que os líderes georgianos começaram a orbitar em torno da União Européia, surgiu a conversa que a Geórgia deveria ser aceita na Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN). Se a Geórgia fosse membro da OTAN, a União Européia seria obrigada, pelo tratado, a socorrê-la caso ela fosse atacada. Este é um dos pontos mais fortes do acordo.

Portanto, se os líderes russos quisessem seriamente evitar que a Geórgia fosse fisgada pelo Ocidente, teriam de agir antes que a Geórgia fosse aceita oficialmente como membro da OTAN. Portanto, a Rússia agiu de forma decisiva no dia 8 de agosto.

O ataque russo provavelmente cumpriu três objetivos de suma importância para o primeiro-ministro Putin e o presidente Medvedev:

1) Evitar que todas as repúblicas que saíram da URRS fiquem muito amigas ou se aproximem das potências ocidentais.

2) Fortalecer a reputação russa entre o bloco anti-ocidental. Quando os Estados Unidos e a Europa se mostrarem impotentes para conter essa invasão, a moral russa subirá, conforme ela planeja a invasão a Israel, em cumprimento a Ezequiel 38-39, um assunto muito interessante que será abordado posteriormente neste artigo.

3) Entretanto, a invasão russa à Geórgia em 8 de agosto pode ter outra grave implicação profética!

Uma vez que a Rússia prove ao mundo que as potências ocidentais não se levantarão contra a invasão da indefesa Geórgia, os líderes das nações que são especificamente mencionadas na profecia de Ezequiel 38-39 marchando com a Rússia terão sua confiança alavancada que as forças armadas russas são capazes de vencer os exércitos ocidentais!

Há muito tempo que afirmamos que a profecia de Ezequiel 38-39 protege a reputação da Rússia durante este período do fim dos tempos. Como a Rússia assumiu o papel de protetora do Islã, se o Ocidente conseguir realizar com sucesso um ataque ao Irã, o prestígio diplomático e militar da Rússia sofrerá um golpe enorme, talvez letal. Nenhum líder dos países citados na profecia bíblica marchando com a Rússia contra Israel teria a menor confiança que a estratégia e os armamentos russos pudessem vencer o temido Exército israelense.

Portanto, se estamos tão perto do fim dos tempos como pensamos que estamos, devemos considerar que devem ocorrer eventos que fortalecerão a reputação da máquina militar russa e de seus líderes. Nos últimos cinco anos, a Rússia tem encarado desafiadoramente os EUA e Israel, fazendo-os recuar em suas ameaças contra o Irã; como resultado, a reputação dela entre os países árabes está bem elevada. Agora, se a Rússia puder provar que o Ocidente está impotente na Geórgia, sua reputação subirá ainda mais!

Acredito que esta seja a implicação profética da invasão à Geórgia. Para examinar o assunto com maior profundidade, vamos continuar nosso estudo.

Implicações Proféticas

Pedimos que você analise o mapa acima. Como pode ver, a minúscula nação da Geórgia está situada em um ponto geográfico bastante estratégico:

Se a Rússia vai liderar o ataque contra Israel, como profetizado em Ezequiel 38-39, a Geórgia está no trajeto terrestre mais lógico e prático para deslocar e posicionar os exércitos para o ataque. Vamos rever rapidamente a profecia bíblica que tem um relacionamento com esse acontecimento tão importante.

Vejamos algumas profecias genéricas sobre o fim dos tempos em Joel 3:

"Porque, eis que naqueles dias, e naquele tempo, em que removerei o cativeiro de Judá e de Jerusalém, congregarei todas as nações, e as farei descer ao vale de Jeosafá; e ali com elas entrarei em juízo, por causa do meu povo, e da minha herança, Israel, a quem elas espalharam entre as nações e repartiram a minha terra." [Joel 3:1-2].

"Proclamai isto entre os gentios; preparai a guerra, suscitai os fortes; cheguem-se, subam todos os homens de guerra. Forjai espadas das vossas enxadas, e lanças das vossas foices; diga o fraco: Eu sou forte. Ajuntai-vos, e vinde, todos os gentios em redor, e congregai-vos. O SENHOR, faze descer ali os teus fortes..." [Joel 3:9-11].

"Suscitem-se os gentios, e subam ao vale de Jeosafá; pois ali me assentarei para julgar todos os gentios em redor. Lançai a foice, porque já está madura a seara; vinde, descei, porque o lagar está cheio, e os vasos dos lagares transbordam, porque a sua malícia é grande." [Joel 3:12-13].

Certamente vemos essas profecias se cumprirem desde que Israel voltou a ser um país novamente. Israel foi recriado como país em maio de 1948 e, imediatamente, se encontrou em uma luta mortal contra exércitos árabes muito maiores. Ninguém esperava que Israel, em desvantagem numérica e material, sobrevivesse; porém, a poderosa mão de Deus estava com ele, como nos tempos do Antigo Testamento. Israel esmagou seus inimigos. Israel lutou novamente em 1956, 1967, 1973 e 1982. Já ocorreram cinco guerras entre os árabes e os judeus desde que Israel renasceu em 1948.

Mas, como todos os sinais apontam para o aparecimento do Anticristo, devemos até mesmo esperar conflitos militares maiores, entre forças muito maiores, como nunca antes. Veja o que diz a Escritura:

"Multidões, multidões no vale da decisão; porque o dia do SENHOR está perto, no vale da decisão." [Joel 3:14].

Realmente devemos ver batalhas imensas entre Israel, seus inimigos árabes e outras nações, conforme avançamos para os estágios finais desta era.

2) Zacarias 12 — Uma profecia sobre o fim dos tempos> "Eis que eu farei de Jerusalém um copo de tremor para todos os povos em redor, e também para Judá, durante o cerco contra Jerusalém."

Quando Deus fala aqui sobre um cerco contra Jerusalém, está falando de uma profecia messiânica. Nos versos seguintes, Deus revela que Ele mesmo livrará Israel durante esse cerco. No verso 9, Deus diz: "E acontecerá naquele dia, que procurarei destruir todas as nações que vierem contra Jerusalém." Observe que Deus promete destruir todas as nações que vierem contra Jerusalém. Assim, se a Rússia concluiu que pode restaurar seu status de superpotência conquistando Jerusalém, então acabou de assinar sua sentença de morte! [Leia Ezequiel 38-39].

Apesar do fato que todas as nações virão contra Jerusalém no fim dos tempos para conquistá-la e destruí-la, a Bíblia não diz em lugar algum que esses exércitos virão todos de uma só vez. Ao contrário, outra passagem afirma que as nações da terra virão para passar pelo Julgamento de Deus no Oriente Médio, uma de cada vez. Veja a seguinte passagem dirigida ao povo de Edom: "... Porque, como vós bebestes no meu santo monte, assim beberão também de contínuo todos os gentios; beberão, e sorverão, e serão como se nunca tivessem sido." [Obadias 16; Veja maiores detalhes lendo o artigo N2095.].

Você também pode querer se familiarizar com as visões ocultistas para preparar o aparecimento do Anticristo lendo os dois seguintes artigos:

N1056 — "A Próxima Guerra Árabe-Israelense Está Extremamente Próxima — Parte 1"

N1057 — "A Próxima Guerra Árabe-Israelense Está Extremamente Próxima — Parte 2"

Esses dois artigos mostram que Deus forçou Satanás a fazer com que seus planos para produzir o Anticristo sigam as profecias bíblicas! Você também verá que Satanás, há mais de um século, tem manipulado os eventos mundiais, para mover o mundo até o ponto do aparecimento do Anticristo.

Uma Análise Específica das Profecias de Ezequiel 38-39

Vamos olhar um versículo da famosa profecia em Ezequiel 38-39, que retrata claramente uma invasão a Israel liderada pela Rússia nos "últimos dias", depois de Israel voltar à sua terra. Ao descrever a situação em que diz que trará a Rússia ao julgamento, fazendo com que seus líderes tenham a idéia de preparar um ataque contra Israel, Deus cita as nações que participarão do ataque. As seguintes são as nações que acompanharão a Rússia nesse vil ataque:

1) Atacando pelo norte de Israel:

2) Atacando pelo sul de Israel:

Você viu que a atual Etiópia é mencionada como uma das nações que se unirão à Rússia nessa invasão? Enquanto as tropas russas estiverem liderando o ataque pelo norte, a Etiópia e a Líbia enviarão tropas para atacarem pelo sul. A Etiópia poderá atacar cruzando o estreito mar no Golfo de Áden (desde que possa prover o transporte das tropas), ou pode deslocar suas tropas para o norte, entrar no Egito e depois atravessar o Canal de Suez.

Quando você considera que a Líbia está localizada no norte da África, ao oeste do Egito, e que suas forças se unirão às da Etiópia, pode facilmente ver quão provável é que as forças desses dois países se encontrarão no Egito para cruzarem o Canal de Suez, para que possam atacar Israel.

Por que o Egito permitirá essa intrusão de exércitos árabes estrangeiros? Acreditamos que é altamente possível que o Egito seja destruído na Terceira Guerra Mundial entre Israel, os palestinos, Síria, Jordânia, e o Egito. [Você pode ler maiores detalhes sobre essa guerra nos dois artigos referenciados anteriormente, N1056 e N1057.].

Depois que os exércitos dos palestinos, da Síria, Jordânia e Egito forem destruídos nessa Terceira Guerra Mundial planejada, a Rússia decidirá destruir Israel com seus próprios exércitos. Acreditamos que o Anticristo aparecerá após essa guerra mundial e que estabelecerá seu quartel-general em Jerusalém para tentar convencer os judeus ortodoxos que ele é o seu Messias. Então, quando os russos invadirem Israel, o mundo verá essa invasão como um ataque ao Anticristo. Quando Deus destruir a Rússia e seus aliados nas fronteiras de Israel, o mundo inteiro dará crédito ao Anticristo e se prostrará ainda mais em adoração a ele. Como os judeus ortodoxos estarão observando durante vários meses o Anticristo "cumprir" as profecias bíblicas a respeito do Messias, eles observarão atentamente a marcha das forças lideradas pela Rússia, porque uma das profecias messiânicas é que o Messias livrará Jerusalém quando a cidade estiver cercada por exércitos, como mencionado anteriormente. [Veja também Lucas 21:20 — Jesus Cristo aqui está parafraseando Zacarias 12.] Uma vez que o Anticristo receber o crédito pela óbvia destruição sobrenatural das forças invasoras, os judeus ortodoxos anunciarão que o Anticristo é seu Messias, permitindo que ele "confirme" a aliança nacional. Daniel 3 e 7 serão cumpridos perfeitamente. Então, os Sete Anos de Tribulação terão início.

Outra Olhada em Ezequiel 38

Neste capítulo, Deus afirma especificamente que a Rússia não apenas comandará esses exércitos do norte e do sul, mas que agirá como "guardiã" das forças árabes que se unirem a ela [38:7]. Já que as forças árabes estarão marchando sob a liderança russa, faz uma boa dose de sentido que elas tenham sido treinadas nas táticas militares russas. Além disso, pode-se dizer que a Rússia quererá que essas forças árabes estejam equipadas com armamentos de fabricação russa, pois assim ficará mais fácil para seus generais comandarem as forças árabes e coordenarem os movimentos delas com as forças russas.

Nas duas últimas décadas, a Rússia tem fornecido armamentos para todas as nações árabes no Oriente Médio: Irã, Síria, Jordânia, Egito, Líbia e agora a Etiópia. Assessores militares russos acompanham essas entregas de material bélico para treinar os soldados árabes em como usar os equipamentos e operar seguindo as táticas e a doutrina militar russa. Além disso, nos últimos trinta anos, altos oficiais militares árabes estudaram e se formaram em academias militares russas!

O cenário parece estar pronto para essa invasão profetizada, e isto está acontecendo nas notícias do dia-a-dia. O pequeno Israel, com menos de 7 milhões de habitantes, terá de enfrentar 300 milhões de árabes. O país é tão pequeno no mapa que seu nome e o nome de sua capital têm que ser impressos sobre o Mar Mediterrâneo. Os ataques ocorrerão um depois do outro. Os eventos parecerão tão terríveis, a cada vez, que a maioria das pessoas achará que Israel será riscado do mapa, pois estará enfrentando forças que parecerão insuperáveis.

No entanto, sabemos, pela profecia bíblica, que Deus garantiu que Israel nunca mais será derrotado, depois de renascer como nação. (Para maiores detalhes, leia o artigo N2177.) Se Israel for derrotado nesta próxima grande guerra, você pode atirar sua Bíblia pela janela e começar a acreditar em outros deuses e religiões!! Mas, sabemos por Daniel 12:1, que Deus mandará que Miguel, o arcanjo defensor de Israel, se "levante" para derrotar os inimigos de Israel. Também sabemos, lendo Obadias 15-19, que a Casa de Esaú (o povo palestino) será aniquilada na guerra dos últimos dias (leia o artigo N2095). Outras profecias que precisam ser cumpridas falam sobre a destruição da capital da Síria, Damasco, da Jordânia e do Egito. (Veja maiores detalhes no artigo N1911)

É altamente possível que o cumprimento dessas profecias esteja começando a tomar forma, diante de nossos olhos, nas notícias diárias. Não pode haver dúvida agora: As nações do mundo estão sendo levadas para o Oriente Médio e para Jerusalém, como Deus predisse. Estes fatos estão ocorrendo ao mesmo tempo em que todas as outras profecias estão tomando forma, em todo o mundo, todas apontando para o aparecimento do Anticristo!!

A Rússia acabou de disparar um enorme tiro que preparará o cenário para a marcha descrita em Ezequiel 38-39! Se Deus colocou "anzóis no queixo" da Rússia de Putin, então a Rússia precisará colocar a Geórgia de volta sob seu controle, para que o ataque a Israel possa acontecer! De fato, uma olhada no mapa da Geórgia permitirá que você compreenda que, talvez, a Rússia precisará trazer a Geórgia de volta à sua esfera de influência, ou até mesmo colocá-la como um Estado vassalo. As tropas russas precisarão atravessar a Geórgia para poderem chegar ao Oriente Médio e a Israel.



Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que ele é real e que o fim dos tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna nos céus, como se já estivesse lá. Assim, pode ter a certeza de que o Reino do Anticristo não o tocará espiritualmente. Se quiser saber como nascer de novo, vá para nossa Página da Salvação agora.

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam a vindoura Nova Ordem Mundial, o Reino do Anticristo, nas notícias do dia-a-dia.

Fale conosco direcionando sua mensagem a um dos membros da equipe de voluntários.

Se desejar visitar o site "The Cutting Edge", dê um clique aqui: http://www.cuttingedge.org

Que Deus o abençoe.

Tradução: Marcelo N. Motta, Blog PensandoBiblicamente
Data de publicação: 19/8/2008
Revisão: http://www.TextoExato.com
Patrocinado por: S. F. F. C. — Vargem Grande Paulista / SP
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/n2310.asp