As Oposições da Falsamente Chamada Ciência: Teorias Fraudulentas Usadas Para Enganar a Humanidade

Autor: Jeremy James, 21 de fevereiro de 2017.

Parte 1:

Os Mestres da Propaganda

Repetidamente em nossos ensaios tentamos enfatizar a magnitude daquilo que os Illuminati estão trabalhando para alcançar. Eles estão sendo usados por Satanás para implementar suas diretivas neste mundo, tudo com vistas a obter o controle absoluto sobre a humanidade. Sabemos que isto é verdadeiro por que a Bíblia nos diz de forma bem clara. Eles recorrem instintivamente às mentiras e homicídios — enganação e força — para impor suas vontades. Além disso, como o próprio Satanás, eles também não têm quaisquer escrúpulos morais e não sentem compaixão pelas pessoas. Se dezenas de milhões precisarem morrer para que uma Nova Ordem Mundial seja implementada, então que assim seja.

O engodo é central em tudo o que eles fazem. Como cristãos, achamos muito difícil compreender como alguém poderia basear toda sua existência no engodo. Mas, este é um modo de vida para esses indivíduos. Desde a infância eles são instruídos a dissimularem e enganarem para que, quando atingirem a maturidade, nunca experimentem conflitos internos ou remorsos. Eles literalmente têm suas consciências cauterizadas por um ferro quente e, dali para frente, vivem de acordo com as regras e preceitos de um sistema que, em grande parte, é invisível para o cidadão mediano.

Depois que me converti, em 2008, aos 52 anos de idade, comecei a estudar atentamente a Palavra de Deus. Existem algumas verdades que se tornam claras para nós somente depois que seguimos no caminho por algum tempo e começarmos a ver o mundo de uma nova forma, por meio dos olhos da fé. Para mim, uma dessas admiráveis verdades está inscrita no Salmo 58:

"Alienam-se os ímpios desde a madre; andam errados desde que nasceram, falando mentiras." [Salmos 58:3].

Este é um verso muito desafiador das Escrituras. Como pode um bebê "andar errado" ou falar mentiras? Que mentiras tão grandes uma criança pequena poderia contar?

Bem, como fiquei sabendo mais tarde, muitas famílas que são satanistas há várias gerações transformam um ou mais de seus filhos em transgêneros, como um sinal de lealdade ao seu mestre das trevas. Esses indivíduos também são mais receptivos às energias infernais do Maligno no estado de transgêneros. Essas crianças, não muito tempo depois do nascimento, são então apresentadas ao mundo como uma criança do sexo oposto.

A criança que parece ser um menino nasceu como menina, a criança que parece ser uma menina nasceu como menino, e o restante da sociedade é enganado por esse truque. Assim, como a Bíblia diz, eles estão enganando o mundo ao redor deles quase que desde o tempo em que saíram do ventre materno. Eles também estão "alienados desde a madre" por que foram colocados em um caminho por seus pais que, a não ser que eles mais tarde decidam rejeitar, levará à sua destruição espiritual.

A Parábola do Joio e do Trigo — que lida com a mistura de duas classes distintamente diferentes de pessoas — pode também ser uma referência a esse estranho fenômeno.

Outra declaração que causa perplexidade pode ser encontrada na primeira carta de Paulo a Timóteo:

"Ó Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado, tendo horror aos clamores vãos e profanos e às oposições da falsamente chamada ciência." [1 Timóteo 6:20].

Desde a infância somos instruídos a pensar na ciência como um compêndio maciço de proposições sobre o mundo natural, especialmente ordenadas e classificadas, que repetidamente foram demonstradas. Sempre que é provado que um teorema não é científico, geralmente após amplos testes, ele é descartado. Ele nunca encontra aceitação naquele grande templo da verdade conhecido como ciência. À luz disso, o que Paulo quer dizer com a expressão "falsamente chamada ciência" e como poderia ela estar em oposição às doutrinas do Cristianismo?

A Pseudociência da Evolução

Muito pouco tempo depois de minha conversão, comecei a olhar novamente para a Teoria da Evolução. Ela estava em agudo conflito com o relato do mundo natural apresentado no livro do Gênesis, mas somos levados a acreditar que ela tenha base científica. Até mesmo os cristãos que se posicionavam firmemente pela verdade literal da Palavra de Deus estão inclinados a aceitar uma forma modificada da teoria, conhecida como Projeto Inteligente. Isto substitui a aleatoriedade da Evolução por um princípio divino que guia a transformação do material biológico. Entretanto, quando olhamos mais de perto para a Teoria da Evolução e a analisamos em etapas lógicas, descobrimos que é uma total bobagem, um conjunto de mentiras desde o início até o fim, a maioria das quais foi inventada por britânicos.

O que é mais surpreendente sobre essa fraude é o quão absurda ela é. Por mais absurda que uma mentira possa ser, os Illuminati britânicos aprenderam a mantê-la viva por meio da repetição constante. Como Goebbles observou — um homem ímpio comentando a respeito de outros da sua mesma laia — "Os ingleses seguem o princípio que quando alguém mente, deve contar uma mentira bem grande e agarrar-se a ela. Eles mantêm suas mentiras, mesmo sob o risco de parecerem ridículos."

Os Illuminati estudaram os mecanismos da mente humana em considerável profundidade e há muito tempo dominaram a arte tenebrosa de manipular a opinião pública e controlar o comportamento humano. Apresentando continuamente ideias selecionadas de um modo não-ameaçador, eles conseguem explorar a sugestionabilidade da mente humana. É por este motivo que podemos nos lembrar claramente de um tema musical utilizado em uma propaganda que ouvimos 30 ou 40 anos atrás, mesmo que nunca tenhamos usado o produto. Se alguma coisa for repetida inúmeras vezes, ficará retida indefinidamente em nossa memória.

Doutrinação Televisionada

A televisão permitiu aos mestres da propaganda manipularem as mentes de milhões de pessoas, projetando a mesma ideia, ao mesmo tempo, dentro de uma ampla área geográfica. Se isto for feito da forma correta, normalmente na forma de "entretenimento", receberá pouca resistência. O programa Ed Sullivan Show, na televisão americana nos anos 1960s foi um excelente exemplo disso. A seita destrutiva da música Rock nunca teria se propagado de forma tão rápida nos EUA se aquele programa não tivesse "endossado" o produto. Grupos musicais britânicos como The Beatles e The Rolling Stones foram apresentados à nação como se já tivessem recebido aprovação oficial.

Propaganda e Poder Empresarial

A propaganda explora nossa disposição de acreditar em uma declaração feita por alguém em posição de autoridade, mesmo que a afirmação não possa ser confirmada e evidência objetiva alguma seja apresentada em suporte a ela. A propaganda e a mentira são parentes próximas. Quando as instituições mentem para alcançar um propósito ulterior, estão praticando propaganda. As empresas fabricantes de cigarros fizeram isso durante décadas, quando negavam que fumar fosse prejudicial à saúde e até apresentavam dados de teste falsos para contestar o consenso científico.

Como cristãos bíblicos, precisamos analisar cuidadosamente esta questão. O mundo é controlado por um grupo de grandes empresas e cada uma delas é controlada por apenas um homem, o presidente-executivo daquela empresa. Em 2011, um grupo de acadêmicos suíços publicou um estudo a partir do imenso banco de dados Orbis, de 37 milhões de empresas e empreendimentos comerciais em todo o mundo. Usando várias técnicas analíticas, eles identificaram cerca de 43.000 das maiores e mais influentes empresas. Em seguida, rastrearam a rede de propriedade e relacionamentos de controle entre essas companhias. Eles descobriram que a maioria era efetivamente controlada ou pertencia a 1.318 companhias e que essas, por sua vez, eram controladas por apenas 147. Este grupo central era proprietário de 40% da riqueza total do mundo inteiro. (As 50 maiores estão listadas no Apêndice A.)

Pense no seguinte: os homens e mulheres que controlam e dirigem todo o mundo empresarial e comercial internacional poderiam caber em um pequeno auditório.

O público já teve uma rápida visão geral disso por meio do Grupo Bilderberg, que foi fundado em 1954. Essa cabala sigilosa é constituída por representantes-chaves dos países economicamente mais avançados em áreas como bancos, finanças, indústria, política e mídia. Grupos como este estão controlando a tecnologia em uma escala internacional e usando sua influência em diversas frentes para solapar a soberania das nações e implementar um governo mundial unificado.

Em uma entrevista em 2012, o ex-campeão mundial de xadrez Gary Kasparov — que já participou da conferência dos Bilderbergs — declarou que, "ao contrário da impressão que vivemos em uma era de desenvolvimento tecnológico sem precedentes, os últimos 30 anos foram, provavelmente, os piores em vários séculos, a partir do ponto de vista dos avanços na tecnologia." Como um participante das conferências do grupo Bilderberg, ele deve saber que a velocidade em que as inovações tecnológicas são liberadas para o mercado está sendo deliberadamente controlada.

Na Parte 1 deste ensaio, simplesmente queremos mostrar o quanto de controle um pequeno grupo de indivíduos exerce atualmente sobre os assuntos humanos. Eles manipulam a opinião pública para garantir que a resistência aos seus planos seja mantida em um nível mínimo. Podemos também ver como sistemas similares de controle devem ter existido no passado, simplesmente para permitir que esse grupo poderoso consolidasse o forte controle invisível que agora detém.

Confederação Secreta

A não ser que possamos ver que esse tipo de confederação existe e que está trabalhando para estabelecer um governo mundial totalitário, será difícil compreender por que certas mentiras, enganações e falsas realidades têm sido impostas sobre a humanidade. Precisamos ver como elas se encaixam em um plano elaborado que levou séculos para ser implementado. Esse plano de múltiplas gerações foi concebido pelo próprio Satanás, tudo com vistas a instalar seu falso messias, o Anticristo, e tomar controle inconteste sobre todo o mundo.



Parte 2:

Os Filhos da Perversidade

A Palavra de Deus faz distinção entre os néscios, que negam a existência de Deus, e o ímpios, que na verdade odeiam o Senhor Deus de Israel. Um profeta repreendeu um rei justo: "E Jeú, filho de Hanani, o vidente, saiu ao encontro do rei Jeosafá e lhe disse: Devias tu ajudar ao ímpio, e amar aqueles que odeiam ao SENHOR? Por isso virá sobre ti grande ira da parte do SENHOR." [2 Crônicas 19:2]. Mas, muitos cristãos hoje estão fazendo exatamente isto!

A igreja professa está em grande parte ignorante a respeito da existência dos ímpios, principalmente por que nossos pastores ignoraram durante décadas as muitas advertências na Bíblia sobre os esquemas e estratagemas dos homens ímpios.

As Escrituras nos dizem também que os ímpios conspiram em conjunto continuamente para fazerem avançar sua causa maligna.

"O ímpio maquina contra o justo, e contra ele range os dentes." [Salmos 37:12].

"Esconde-me do secreto conselho dos maus, e do tumulto dos que praticam a iniquidade." [Salmos 64:2].

"São corrompidos e tratam maliciosamente de opressão; falam arrogantemente. Põem as suas bocas contra os céus, e as suas línguas andam pela terra." [Salmos 73:8-9].

"Livra-me, ó SENHOR, do homem mau; guarda-me do homem violento, que pensa o mal no coração; continuamente se ajuntam para a guerra." [Salmos 140:1-2].

Estas advertências se relacionam, não às pessoas em uma terra distante, mas aos nossos concidadãos. Eles conspiram e trabalham em conjunto para oprimir o justo e explorar os vulneráveis. Eles usam a violência sempre que necessário, para fazer avanços e "continuamente se ajuntam para a guerra". As guerras não acontecem simplesmente, porém são resultado de cuidadoso planejamento por este cartel iníquo.

A Palavra de Deus chama esses homens de "filhos da perversidade" (1 Crônicas 17:9). Nós os conhecemos como Illuminati. O nome é algumas vezes aplicado também aos vários grupos que os servem, muitos dos quais, como os maçons e os jesuítas, estão vinculados por juramentos de segredo, lealdade e obediência inquestionável.

Quando foi a última vez que seu pastor advertiu a congregação a respeito dessas pessoas? Os membros mais antigos do grupo Illuminati estão conspirando há vários séculos para destruir o Cristianismo bíblico, estabelecer uma Nova Ordem Internacional e preparar o caminho para o ungido de Satanás.

Engodo

A Palavra de Deus nos diz que o principal atributo deles é o engano:

"Pois a boca do ímpio e a boca do enganador estão abertas contra mim. Têm falado contra mim com uma língua mentirosa." [Salmos 109:2].

"Porque não há retidão na boca deles; as suas entranhas são verdadeiras maldades, a sua garganta é um sepulcro aberto; lisonjeiam com a sua língua." [Salmos 5:9].

"A tua língua intenta o mal, como uma navalha amolada, traçando enganos. Tu amas mais o mal do que o bem, e a mentira mais do que o falar a retidão. (Selá.) Amas todas as palavras devoradoras, ó língua fraudulenta." [Salmos 52:2-4].

"O ímpio faz obra falsa, mas para o que semeia justiça haverá galardão fiel." [Provérbios 11:18].

"Cujo ódio se encobre com engano, a sua maldade será exposta perante a congregação." [Provérbios 26:26].

Normalmente, um atributo de definição habilita alguém a identificar um grupo de pessoas, mas não quando esse atributo é o engodo! Eles parecem ser nossos amigos e ter nossos melhores interesses em vista, mas, como a Bíblia diz, "deleitam-se em mentiras; com a boca bendizem, mas nas suas entranhas maldizem." [Salmos 62:4].

É verdadeiramente uma grande tragédia para a igreja moderna que tantos de seus líderes e pastores estejam completamente cegos para a existência desse inimigo altamente organizado e muito determinado. Ele é nada menos que uma confederação mundial para solapar e destruir o verdadeiro Cristianismo bíblico. Ele é bem financiado, bem treinado e bem dirigido. Seus planos são complexos e de longo alcance, com numerosas etapas e marcos, de forma muito similar a uma campanha militar de larga escala. Nenhum empreendimento na história pode se comparar a ele, pois o prêmio final é controlar e tomar posse de toda a Terra, o cerco total e escravização da humanidade por uma Elite extremamente rica — "os filhos da perversidade" — que servem às forças das trevas com um zelo e uma determinação que poucos compreendem.

Quão pouca atenção está sendo dada a uma questão da máxima importância!

William Gurnall

O conselho de homens piedosos, como William Gurnall, há muito tempo foi esquecido: "... vendo que sua vida é uma luta constante aqui na Terra, é sábio da sua parte estudar como você pode da melhor forma gerenciar o combate contra seu pior inimigo." Embora tenha morrido em 1679, Gurnall tinha uma compreensão infinitamente melhor das ameaças que estão diante da igreja hoje do que a maioria dos pastores modernos. Ele repetidamente exortava seus companheiros cristãos a colocarem toda a armadura de Deus e viverem de forma apropriada:

"Quanta linguagem tola você ouve sair da boca dos mais profanos e ignorantes que estão entre nós! Eles confiam em Deus, esperam em sua misericórdia, desafiam o Diabo e todas as suas obras e outras coisas assim, porém são pobres e nuas criaturas, sem a mínima parte da armadura de Deus sobre suas almas."

Ele reconhecia que, exatamente como o homem em seu estado caído se tornou cada vez mais vulnerável com o passar do tempo às vilezas do Maligno, o próprio Satanás — com seus seis mil anos de experiência — tornou-se ainda mais sutil e perigoso:

"Satanás era enganoso demais para o homem em sua perfeição, muito mais agora em seu estado mutilado, sem nunca ter se recuperado daquele dano inicial em seu entendimento provocado pela queda de Adão. Além disso, enquanto o homem perdeu, Satanás obteve mais e mais experiência; ele perdeu sua sabedoria quando se tornou o Diabo, porém desde então tem crescido em sua enganosidade; embora não possua sabedoria suficiente para fazer o bem, possui, todavia, sutileza suficiente para fazer o mal aos outros."

Gurnall também sabia que Satanás procura os melhores instrumentos humanos que possa utilizar para perpetrar seus esquemas perniciosos. Ele tem de fazer isso porque, como um ser criado, seu poder é finito:

"Satanás considera quem possa fazer o trabalho que ele deseja da forma que lhe seja mais vantajosa. Nesse aspecto, ele é diferente de Deus, que não é absolutamente dependente de seus instrumentos humanos, pois não precisa de ninguém e é capaz de fazer tão bem com um quanto com outro. Mas, como o poder de Satanás é finito, ele precisa remendar os defeitos da pele do leão com a pele de uma raposa."

É por isto que Satanás utiliza extensivamente as hierarquias e as sociedades secretas, onde poder considerável pode ser concentrado em apenas alguns poucos indivíduos.



Parte 3:

O Mestre das Mentiras

Os profetas Isaías, Habacuque e Zacarias referenciaram o Anticristo como um mestre de mentiras (veja Isaías 9:15, Habacuque 2:18 e Zacarias 10:2). Jesus posteriormente confirmou que essas mentiras tiveram suas origens com o próprio Satanás. Ele até disse aos fariseus, que o questionaram no templo, que Satanás era o pai espiritual deles:

"Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira." [João 8:44].

Todo cristão sabe que o ensino do Anticristo é uma mentira ou, mais precisamente, um conjunto de mentiras. Entretanto, poucos pastores estão reservando tempo para examinar essas mentiras e ver como elas operam — e se eles não compreendem as mentiras, então como poderão advertir suas congregações?

Se os desejos da Elite Governante são os desejos de Satanás, então ela deve estar usando a mesma forma de atuação que Satanás, isto é, homicíos e mentiras.

Quando o homem começou a explorar e compreender o mundo ao seu redor, ele fez isso por meio das lentes da verdade revelada. Os justos olharam para os profetas, enquanto que os pagãos se voltaram para as palavras e visões dos adivinhos e místicos. À medida que a ciência começou a se desenvolver, muitos perderam de vista o quadro grande — nosso destino final — e focaram a atenção nos aspectos básicos do mundo material. Teorias empíricas e explicações "científicas" tornaram-se uma nova forma de verdade. O prestígio da ciência aumentou até o ponto em que suas teorias foram aceitas até mesmo quando entravam em conflito com a verdade revelada.

A Ciência Como Propaganda

Os Filhos da Perversidade viram isto como um novo modo revolucionário de atacar a Bíblia e substituir a cosmovisão bíblica por uma realidade alternativa. Eles usaram a aparentemente objetividade da ciência para apresentar essas teorias e fazê-las serem aceitas.

Sob o disfarce da ciência, o Maligno convenceu a humanidade que o mundo ao nosso redor é muito mais misterioso e muito mais complicado do que as Escrituras sugerem. Somos então informados que a ciência nos libertou da ignorância medieval e que, por meio de seu paradigma esclarecido, finalmente amadurecemos e nos livramos das correntes da religião cega e dogmática.

Entretanto, por mais chocante que isto possa parecer para o indivíduo mediano, algumas das "grandes descobertas" dos últimos 500 anos, aproximadamente, são, na verdade, mentiras engenhosamente empacotadas. Sob o disfarce da ciência — ou da falsamente chamada ciência, como diz o apóstolo Paulo — o Maligno conseguiu fazer a vasta maioria da humanidade aceitar sem questionar um modelo de realidade que é completamente falsificado.

Vamos contrastar o mundo como ele era compreendido pela maioria dos europeus no ano 1500, com o mundo, ou o "universo", em que a maioria das pessoas acredita hoje:

Ano 1500 — Modelo 1:

A Terra era plana e estacionária, consistindo da maior parte de todos os materiais criados por Deus. O Sol e a Lua eram luzeiros no céu, que seguem um circuito fixo e regular acima da Terra plana. As estrelas eram uma multidão de luzeiros menores no céu. A luz se movia com velocidade infinita e os objetos caiam no solo por que era da natureza deles fazer isso. O tempo (em anos) e as distâncias (em quilômetros) eram medidos no máximo em milhares de unidades.

Ano 2000 — Modelo 2:

A Terra é um ponto infinitesimal em um universo extraordinariamente vasto. Ela é esférica em formato, gira em torno de seu próprio eixo uma vez por dia e completa uma volta em torno do Sol uma vez por ano. O Sol é uma esfera enorme, situada a 150 milhões de quilômetros da Terra, enquanto que a Lua é outra esfera, situada a 384.000 quilômetros da Terra. A maioria das estrelas está a bilhões de anos-luz de distância e é milhares de vezes maior do que nosso Sol. Os planetas também são esféricos em formato e orbitam em volta do Sol. Todo o Cosmos está ordenado primariamente pela força descoberta por Newton, conhecida como gravidade. Homens já caminharam sobre a superfície lunar e veículos exploratórios já foram enviados a Marte.

Satanás e seus filhos da perversidade enganaram a todos, fazendo-os acreditar que o Modelo 2 é o correto! Esse condicionamento tem sido tão eficaz que qualquer um que afirme que a Terra é estacionária e plana é geralmente rejeitado e tido como um indivíduo tolo e obstinado, que se agarra a ideias antiquadas. Por meio de propaganda engenhosamente construída, os homens foram levados para longe do Modelo 1 — que é em grande parte correto — e foram enganados a aceitarem um modelo totalmente fictício da realidade.

Para o homem moderno, com sua educação abrangente e extensa fundamentação no pensamento racional, isto parece profundamente absurdo. Como pode um ser invisível e sobrenatural nos fazer acreditar em um universo que é em grande parte imaginário? Como pode a ciência, com sua tecnologia sofisticada e precisão matemática, sem mencionar seu arquivo de dados empíricos inquestionáveis, suportar uma visão da realidade que é totalmente fictícia!

Francamente, nenhum grupo de homens, por mais inteligentes e ricos que fossem, poderiam ter criado e executado uma fraude deste tipo. Precisamos reconhecer que a inteligência que está por trás desse programa engenhoso de enganação não é natural, porém sobrenatural. Satanás possui uma mente que excede em muito — em acuidade, sagacidade e compreensão — a capacidade humana.

Os céticos normalmente levantam-se de suas cadeiras neste ponto e rejeitam a ideia que alguém, mesmo alguém tão poderoso quanto Satanás, possa enganar a humanidade em uma extensão tão vasta assim. Mas, eles subestimam grandemente o Maligno!

Vejamos algumas das mentiras de Satanás, a maioria das quais já examinamos individualmente em ensaios anteriores (veja a relação completa no Apêndice B). Nosso principal propósito aqui é mostrar, não as mentiras individuas, mas o modo sagaz como a ciência e a comunidade científica foram usadas para impor essas mentiras sobre a humanidade e fazê-las parecer críveis.

1. A Fraude do Globo Terrestre

O assim chamado Modelo Heliocêntrico (com o sol no centro) do sistema solar foi uma construção puramente arbitrária. Nenhuma evidência foi apresentada naquele tempo para provar que ele era verdadeiro. Nós nos esquecemos que, até o Modelo Heliocêntrico ter sido proposto, os próprios planetas eram simplesmente luzeiros nos céus, não objetos físicos maciços como a Terra. Assim, o Modelo Orbital de Copérnico foi realmente um modo sagaz de fazer a humanidade acreditar, não apenas em uma Terra no formato de um globo, mas também em um assim chamado "sistema solar", formado por diversos objetos celestiais maciços que giram em torno de um sol incrivelmente maciço.

2. A Fraude do Espaço Sideral

Depois que a "ciência" fez os homens pensarem na Terra como uma esfera minúscula que gira em torno do Sol, os cérebros que estão por trás disso expandiram grandemente o vácuo do espaço. Cada estrela tornou-se um sol, e as profundezas do espaço sideral tornaram-se tão grandes que a Terra — a coroa de glória da Criação — tornou-se pouco mais do que um minúsculo grão de poeira em comparação.

Também tornou-se possível introduzir nesse "Universo", ou "Cosmos", uma riqueza de novos fenômenos fictícios. Distâncias a partir da Terra foram atribuídas aos planetas, em milhões de quilômetros. Alguns desses planetas, como Júpiter e Saturno, eram supostamente mais de mil vezes maiores do que a Terra. Isto preparou o caminho para um modelo ainda mais ambicioso do Cosmos, em que distâncias eram medidas, não em milhões de quilômetros, mas em anos-luz, a distância supostamente percorrida pela luz em um ano.

Alguns objetos estelares maciços eram tão grandes, assim foi alegado, que desabaram sobre sua própria gravidade e tornaram-se Buracos Negros, assim descritos por que até mesmo a luz não era capaz de "escapar" da intensa atração gravitacional deles. A ficção científica tornou-se fato da ciência, não porque era verdadeira, mas por que os homens estavam agora dispostos a acreditar em praticamente qualquer coisa que lhe fosse dita pelos Filhos da Perversidade.

3. A Fraude da Terra Que Gira

Referências frequentes à "Terra plana" desviaram a atenção de um fenômeno igualmente importante e mais facilmente observável, isto é, que a Terra é estacionária. Satanás fez a humanidade acreditar em algo tão absurdo, tão contrário ao que nossos sentidos nos dizem, que podemos nos perguntar como aquilo pode ter sido levado a sério por alguém. Todavia, é aceito hoje como um fato científico que a Terra se move pelo espaço vazio a uma velocidade de 28,8 km/s, ao mesmo tempo que gira em seu próprio eixo a uma velocidade de 1.600 km/h no equador. Se esse fosse realmente o caso, apenas a vibração — para não mencionar o estresse gerado pela força de rotação centrípeta gigantesca — faria a superfície da Terra se desintegrar e os oceanos se amontoarem caoticamente sobre sua total superfície. A atmosfera também estaria em caos, pois o ar mais próximo da superfície da Terra estaria se movendo a uma velocidade diferente da velocidade das várias camadas atmosféricas acima dela.

A Bíblia confirma aquilo que nosso senso comum nos diz, isto é, que a Terra é estacionária.

4. A Fraude da Gravidade

De forma a dar maior credibilidade à sua fraude heliocêntrica, os filhos da perversidade inventaram outra mentira científica monumental, chamada gravidade. Sem oferecer um pingo de evidência para justificar suas afirmações, eles afirmaram que todos os grandes corpos materiais exerciam um atração mútua muito fraca. O conceito de "gravidade" é absolutamente central para a ciência da Astrofísica, porém mesmo assim é meramente uma hipótese não comprovada.

Em uma escala "cósmica", a força da gravidade tem o propósito de ser suficiente para manter os planetas em movimento regular em torno do sol. Os cientistas afirmavam que os objetos caíam na terra sob a força da gravidade, mas ignoraram o fato bem óbvio que a gravidade teria de ser milhares de vezes maior para restringir um objeto no formato de uma bola que gira a 28,8 km/s e se move pelo espaço a 1.600 km/h.

5. A Farsa da Terra Antiga

Em seu ímpeto incansável para criar explicações científicas para os fenômenos naturais que estão em conflito com o relato bíblico, os Filhos da Perversidade inventaram a ideia de um universo antigo. Ao fazerem isso, estavam explorando nossa incapacidade humana de compreender números realmente grandes. Ao afirmarem que a Terra tinha milhões de anos de idade e, depois, bilhões de anos, eles atacaram a verdade do Gênesis e abriram a porta para uma extensão quase infinita de história sobre o qual não sabíamos absolutamente nada. A clareza e propósito do relato bíblico foi substituído por um vasto e sem sentido intervalo de tempo que, como objetivado, serviu apenas como um pretexto para maiores especulações e mentiras.

6. A Fraude dos Dinossauros

Tendo conjurado enormes eras de tempo, os enganadores das esquematizações passaram a povoar a "Terra antiga" com misteriosos lagartos e répteis gigantes. Eles afirmaram ter descoberto evidência para apoiar suas teorias, equiparando ossos espúrios de origem desconhecida com os resíduos fossilizados de monstros pré-históricos. Eles então inventaram o Homem de Piltdown, colando ossos de símios com uma caveira humaaa e fingindo ter descoberto o "elo perdido". A audácia deles não conhece limites. Como Goebbels observou corretamente, os ingleses continuavam a se agarrar às suas mentiras, por mais absurdas que fossem, confiantes no conhecimento que, se eles se agarrassem a elas por tempo suficiente, o público eventualmente acreditaria nelas.

7. A Fraude da Evolução

Com vastas extensões de tempo à sua disposição, e eras sucessivas de milhões de anos preenchidas com formas de vida primitivas, o terreno agora estava preparado para uma das mais absurdas mentiras de todas, a mentira da Evolução. Sem qualquer evidência convincente, figuras pivôs no sistema acadêmico e intelectual britânico começaram a afirmar que todas as formas "mais elevadas" de vida evoluíram, unicamente por acaso, a partir de formas mais simples. Além disso, essas transmutações aleatórias ocorreram ao longo de um período tão longo de tempo que elas nunca puderam ser observadas, mas precisavam ser inferidas a partir das similaridades alegadas entre as espécies na "hierarquia evolucionária". Até mesmo o próprio homem não era nada além de um produto de processos biológicos aleatórios, um chimpanzé de cérebro maior e com a capacidade de falar e de caminhar ereto. A tese era tão absurda, apoiada por todos os lados por fantasias jornalísticas e textos pseudocientíficos, que pareceu como uma piada para muitos homens educados daquele tempo. Mas, os Illuminati britânicos sabiam que o segredo para ser bem-sucedido com uma mentira realmente grande era a repetição constante, o que eles fizeram.

8. A Fraude da Relatividade

Os Filhos da Perversidade não poderiam realizar muito mais usando a mecânica padrão do espaço-tempo. De modo a aumentar a marcha do seu programa de enganação, eles necessitavam de um novo tipo de matemática, uma estrutura que fosse suficientemente flexível — e suficentemente confusa — para legitimar suas mentiras científicas bizarras. Isto foi alegadamente desenvolvido por Albert Einstein, mas mais provavelmente foi produzido por uma equipe seleta de cientistas e matemáticos e depois empurrado goela abaixo do mundo por meio do porta-voz escolhido, um funcionário público excêntrico que trabalhava no escritório de patentes em Berna, na Suíça. Por meio de incontáveis matérias elogiosas na imprensa internacional, a reputação de Einstein foi inflada até o ponto em que qualquer um que negasse a verdade de sua estranha teoria precisava ser estúpido demais para compreender o brilhantismo da teoria. Este é mais um exemplo adicional do modo como uma teoria absura pode ser fincada na consciência do público por meio da repetição constante.

O fato de muitos cientistas respeitáveis terem rejeitado a teoria de Einstein como uma bobagem era irrelevante. Einstein até chegou a fazer o público — e muitos de seus colegas cientistas — a acreditarem em sua ideia absurda que E=mc2, uma fórmula simplista que até uma criança consegue compreender!

9. A Fraude da Bomba Atômica

A fórmula ridícula de Einstein tornou-se a base teórica para a fraude seguinte, a assim chamada bomba atômica. Ela estava baseada na noção fantasiosa que o homem tinha a capacidade de transformar a matéria em pura energia e destruir o "planeta". As cidades de Hiroshima e Nagasaki foram devastadas por bombas incendiárias, exatamente como dezenas de outras cidades japonesas. Os Filhos da Perversidade simplesmente fingiram que essas infelizes cidades foram arrasadas por um novo artefato explosivo incrível. Eles necessitavam de uma arma tão poderosa que aterrorizasse as massas humanas a aceitar qualquer "solução" que os americanos e britânicos propusessem após a guerra. Isto produziu a criação imediata da Organização das Nações Unidas (um protótipo para o governo mundial) e uma "Guerra Fria" prolongada com a União Soviética. Ela está sendo agora usada para preparar a Terceira Guerra Mundial, em que países que de outra forma são fracos, como o Irã e a Coreia do Norte, serão acusados de possuírem esse armamento mortal e ameaçarem a sobrevivência da civilização ocidental.

10. A Fraude do Pouso na Lua

A Lua não é um objeto maciço que orbita o "globo" terrestre a uma distância de 384.000 quilômetros, mas um objeto celestial relativamente pequeno, com cerca de 48-64 km de diâmetro e que se move em um circuito regular a cerca de 5.392 quilômetros acima da Terra plana e estacionária. Ninguém pousou na superfície da Lua em 1969 ou em qualquer outro tempo depois. A NASA planejou essa fraude complexa de modo a fixar na mente dos homens a ideia que o espaço estava "lá fora" e poderia ser conquistado e colonizado.

Os assim chamados heróis — Armstrong, Aldrin e Collins — foram participantes conscientes nessa enganação maligna. Outras fraudes de pouso na Lua não foram tentadas depois de 1972, não por razões de custo — o contribuinte americano sempre pagou por tudo — mas por que o risco de um erro técnico que pudesse expor toda a farsa era grande demais. É surpreendente pensar que tantas pessoas ainda acreditam que dois homens "protegidos" somente por pijamas de nylon caminharam sobre a superfície da Lua em 1969, depois entraram em uma lata de alumínio, que foi lançada em direção a outra lata de alumínio e viajaram 384.000 quilômetros de volta à Terra.

11. A Fraude dos Satélites

A Bíblia nos diz que a Terra está coberta por um grande domo, ou firmamento, que chamamos de céu. O céu é azul por que o domo é azul. Como nada pode penetrar no domo, ele atua como uma fronteira absoluta além da qual o homem não pode ir. A viagem no espaço é impossível por que não existe esse fenômeno chamado "espaço sideral" e, mesmo se existisse, o homem não poderia chegar até ele, não poderia viajar dentro dele, pois, ao contrário da física mística da Relatividade, nada pode se projetar para frente dentro do vácuo. A indústria do cinema em Hollywood está sendo usada em uma grande escala para empurrar essa agenda deturpada e convencer a geração mais jovem — o alvo principal dessa propaganda engenhosa — que a viagem espacial é possível e que o homem um dia pousará em Marte. A rede de satélites geo-estacionários que supostamente está em volta da Terra é uma total ficção. Todas as telecomunicações internacionais são tratadas via tecnologia terrestre, incluindo cabos de fibra ótica e transmissores/repetidores de microondas.

A assim chamada Estação Espacial Internacional, com suas transmissões televisionadas amadoras, é parte desse logro malicioso.

12. A Fraude do Polo Sul

A Terra é plana e estacionária. Isto significa que ela não possui um Polo Sul, enquanto que o "Polo Norte" é simplesmente o centro (ou região central) de uma grande placa de crosta, que conhecemos como superfície da Terra. A região que conhecemos com o nome de Antártida é, na verdade, a borda da grande placa de crosta, situada tão distante do circuito definido do sol — que se move a uma elevação de 5.680 quilômetros acima dos trópicos — que ela está perpetuamente congelada. Uma grande muralha de gelo, aparentemente com centenas de quilômetros de largura, atua como uma imensa barreira de retenção para os oceanos. Como essa grande muralha circunda toda a Terra, pode-se chegar até ela a partir de qualquer direção na superfície terrestre, porém somente depois de atravessar uma vasta extensão de oceano extremamente inóspito. A ONU proíbe qualquer aproximação à Antártida e aqueles que tentam são interceptados.

13. A Fraude da Fluidez do Gênero

Alfred Kinsey e outros foram usados pela Elite para promover a promiscuidade sexual e as perversões por meio da redefinição da sexualidade em termos pseudocientíficos. O próprio Kinsey era um pervertido e foi financiado durante toda sua vida pelos Filhos da Perversidade. Eles também fizeram com que ele recebesse ampla cobertura na mídia com suas "descobertas" doentias. A suposta pesquisa dele não era nada mais que propaganda e mentiras, adornadas com trajes acadêmicos para fazê-la parecer respeitável.

Muitas figuras pioneiras no Movimento Feminista foram exatamente tão habilidosas quanto Kinsey em apresentarem uma imagem totalmente distorcida das emoções humanas e das relações interpessoais. Esses homens e mulheres — muitos dos quais eram transgêneros — tinham uma aversão visceral ao casamento, à família e aos valores bíblicos tradicionais. Eles usavam a pesquisa fajuta e falsa erudição acadêmica para promover uma distorção paganizada da sexualidade humana, tudo com vistas a solapar a distinção absoluta entre os sexos e negar os atributos biológicos dados por Deus. Esse programa continua até hoje na forma de "fluidez de gêneros", a perniciosa doutrina luciferiana que cada indivíduo escolhe seu gênero.

14. A Fraude dos Organismos Geneticamente Modificados

Muitos cientistas em posições de liderança continuam a denegrir a ordem natural e afirmam que a tecnologia avançada pode fazer melhorias nas plantas e organismos existentes. Eles estão tentando persuadir o público que os produtos alimentícios geneticamente modificados são superiores aos alimentos nuturais e completamente seguros para o consumo humano. Mas, este também é um grande exercício em pseudociência. Eles ignoram a incrível complexidade do nosso metabolismo, o modo como o alimento é digerido e os mecanismos altamente sofisticados usados por nosso corpo para transformar os alimentos nos tipos corretos de nutrientes e compostos químicos. Quando Deus criou os alimentos, Ele alinhou a estrutura deles às necessidades do nosso metabolismo. Não podemos fazer modificações aparentemente pequenas na estrutura dos alimentos sem também afetar o modo como absorvemos e digerimos esses alimentos. A grande fraude dos Organismos Geneticamente Modificados resultará em muitos problemas de saúde para a humanidade. Existem fortes indícios que isto será usado pelas grandes empresas para elas garantirem um monopólio em todo o setor agrícola.

15. A Fraude do Aquecimento Global

A ciência que está por trás do aquecimento global é tão ingênua, tão pretenciosa e tão repleta de inconsistências básicas que muitos cientistas genuínos — que normalmente são tímidos demais para questionarem qualquer coisa que vá contra a ortodoxia política prevalecente — estão expressando suas preocupações. Os dados estão sendo manipulados, especificamente o aquecimento global criado pelo homem. Além disso, o modelo que está sendo usado para simular os padrões do clima mundial é primitivo demais para replicar as condições climáticas do passado. Se este é o caso, então ele certamente não pode fazer quaisquer predições úteis sobre as condições futuras.

Conclusão

As forças das trevas estão trabalhando arduamente para criar uma falsa realidade para a humanidade. Parece não existir aspecto algum da normalidade que elas não estejam preparadas para atacar e solapar. Satanás odeia tudo o que Deus criou e tudo o que Ele faz. Ele engana seus servos terreais, os Filhos da Perversidade — por que eles também estão sendo enganados — com falsas promessas de poder e glória na vida futura e riquezas e sucesso mundano enquanto ainda estiverem na Terra. Ele pode dar os dois últimos, embora com muitos efeitos colaterais ruins, mas não oferece nada no fim, exceto a morte. Os servos do Maligno não percebem que eles também serão julgados no Dia do Juízo:

"Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?" [Marcos 8:36].

Como cristãos fiéis, precisamos parar e fazer uma pergunta bem básica: Para quem Deus criou o mundo? A Palavra de Deus nos dá a resposta: Nosso Pai Celestial criou os céus e a Terra para Seu Filho:

"O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação; porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele. E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele." [Colossenses 1:15-17].

Todas as coisas são sustentadas por Cristo e todas as coisas pertencem a Cristo. Tudo é dele!

Agora, se o Senhor criou os céus e a terra para Seu Filho, o próprio lugar em que Cristo habitará eternamente como Deus encarnado, então por que Ele requereria que Seu Filho esperasse bilhões de anos até que pudesse herdar a Terra? Além disso, por que Ele teria criado trilhões de quilômetros cúbicos de espaço escuro e vazio para Seu Filho reinar sobre isso? Toda a ideia é simplesmente absurda!

As profundezas do espaço cósmico são uma zombaria blasfema de Satanás a respeito de Cristo e Seu Reino. Elas trivializam o incrível amor e misericórdia do nosso Pai Celestial e zombam e blasfemam de Seu extraordinário poder de criação. Elas transformam as surpreendentes obras de Suas mãos em um vazio desolado, um vazio tão vasto que a própria Terra é reduzida a um mísero grão de poeira.

É este o reino que o Pai criou para Seu Filho? Não, não é!!

Fraude Cósmica

As profundezas do espaço cósmico são uma fraude nojenta fabricada por Satanás para desmoralizar e enganar a humanidade. Os cristãos foram levados a acreditar que Cristo — Rei dos reis e Senhor dos senhores — reinará sobre uma partícula de poeira em um vácuo de caos e trevas que está em contínua expansão!

As assim chamadas profundezas do espaço têm também o objetivo de zombar da Nova Jerusalém, que descerá dos céus no fim do Milênio. Em vez de se destacar como uma gloriosa manifestação da beleza e santidade de Deus, ela será pouco mais do que um curioso aspecto em uma minúscula bola giratória situada em algum ponto nas profundezas escuras do espaço.

Que tremenda falsificação o Grande Enganador vendeu para a humanidade!

Os cristãos precisam pensar profundamente sobre isto! Satanás conjurou uma perversa paródia da maravilhosa obra de criação do nosso Pai Celestial e levou os homens a acreditarem em uma imensa tolice!

Os Filhos da Perversidade estão preparando o caminho para Satanás e seu exército tomarem o controle total do mundo. Eles precisam agir o tempo todo sob a cobertura das trevas para não chamarem a atenção para seus planos. Satanás zomba na fraqueza do homem, porém teme o cristão nascido de novo que fielmente porta suas duas armas mortais: a oração com genuíno arrependimento ao Pai Celestial e a imersão na leitura e estudo da Santa Palavra de Deus.

O Endemoninhado Gadareno

Lembre-se do endemoninhado gadareno! Ele estava possesso por tantos demônios que podia arrebentar as correntes de ferro. A força dele era inacreditável, mas no momento em que ele colocou os olhos em Jesus, os demônios demonstraram temor! Eles sabiam que Ele poderia expulsá-los. Além disso, sabiam que Ele tinha a autoridade para enviá-los para o poço do abismo. Jesus fez algo singular naquela ocasião — Ele perguntou ao demônio qual era seu nome. Não há outra ocorrência registrada na Escritura em que Jesus perguntou o nome de alguém. Os demônios responderam por meio do homem possesso:

"E perguntou-lhe: Qual é o teu nome? E lhe respondeu, dizendo: Legião é o meu nome, porque somos muitos." [Marcos 5:9].

Esta passagem dramática da Escritura tem muito a nos ensinar. Os demônios apelaram:

"E rogavam-lhe que os não mandasse para o abismo. E andava ali pastando no monte uma vara de muitos porcos; e rogaram-lhe que lhes concedesse entrar neles; e concedeu-lho." [Lucas 8:31-32].

A palavra abyssos é traduzida diversas vezes como o "poço do abismo" no livro do Apocalipse, pois este é exatamente o significado. Os demônios do gadareno pediram permissão para entrarem em uma manada de porcos, em vez de irem direto para o poço do abismo. Jesus lhes deu permissão e imediatamente os porcos ficaram enlouquecidos e se lançaram no Mar da Galileia, onde morreram afogados. Os porcos podem nadar, porém aqueles animais ficaram tão perturbados física, emocional e mentalmente que afundaram sob as ondas. Eles buscaram a morte, preferindo morrer a viver sob aquela possessão demoníaca.

Isto aponta para uma passagem surpreendente no livro do Apocalipse:

"E foi-lhes permitido, não que os matassem, mas que por cinco meses os atormentassem; e o seu tormento era semelhante ao tormento do escorpião, quando fere o homem. E naqueles dias os homens buscarão a morte, e não a acharão; e desejarão morrer, e a morte fugirá deles." [Apocalipse 9:5-6].

Os homens serão atormentados terrivelmente durante cinco meses por demônios sádicos, porém não conseguirão buscar refúgio na morte — ao contrário dos porcos no episódio descrito no Evangelho Segundo Marcos.

Os Filhos da Perversidade orgulham-se grandemente dos poderes e habilidades que atualmente exercem por meio da possessão demoníaca. Os atores da indústria do cinema em Hollywood, que deixam o mundo admirado com suas inteligentes atuações, virão a lamentar o dia que colocaram suas vidas — e almas — sob o controle dessas entidades. Perto do fim de sua vida, o ator Robbin Williams comentou a respeito da tortura que suportava em certos momentos dos demônios que lhe deram sua estranha capacidade de representação. A cantora Lady Gaga já fez admissões similares, como também Katy Perry e a atriz Roseanne Barr. Depois que essas pessoas se aproximam do fim de sua utilidade, os demônios começam a provocar um tormento que se torna progressivamente pior.

Os Filhos da Perversidade querem atrair o maior número possível de vítimas para sua rede de corrupção. A feitiçaria conhecida como transgenerismo é parte desse engodo terrível. Quando os homens se transformam em "mulheres" e quando mulheres se transformam em "homens", o Diabo fica muito satisfeito, pois obtém um domínio pernicioso sobre suas almas.

O sangue de Cristo nos livra de tudo isto! O futuro é sombrio para todos os que rejeitam o dom maravilhoso que o Senhor Deus de Israel deu ao mundo por meio de Seu Filho!

Intimidação

Os Filhos da Perversidade estão dificultando ao máximo para os cristãos destacarem os pecados e iniquidades condenados na Bíblia. Falar contra esses pecados é considerado ofensivo, um crime de ódio contra aqueles que seguem outras religiões, ou que não professam religião alguma. Como resultado, milhões de cristãos estão constrangidamente se submetendo a essa vil intimidação.

Os Filhos da Perversidade tiveram tanto sucesso com suas mentiras — como as 15 fraudes "científicas" já discutidas — que sua arrogância parece agora não conhecer limites. A Bíblia nos diz que este será um aspecto visível do fim dos tempos, quando "os homens maus e enganadores irão de mal para pior, enganando e sendo enganados." [2 Timóteo 3:13].

Até que os pastores cristãos atentem para o que Deus diz em Sua Palavra, esse programa insidioso de enganação somente piorará a cada dia. Quando nos esquecemos da verdade inflexível dos preceitos de Deus e nos afastamos de Sua Palavra, sucumbimos às muitas enganações que são sutis demais para nossas mentes caídas conseguirem discernir.

Os pastores se esqueceram que Satanás detesta suas congregações e que nunca descansará até que as tenha destruído. A arma dele é o engodo! Os mísseis dele são as mentiras! Ele conhece todas as palavras suaves e macias que nos atrairão para a indolência ou indiferença. Ele até mesmo criou uma falsa realidade — as profundezas do espaço cósmico! — para confundir e mistificar as massas. Ele faz todos acreditarem que estamos em uma bola giratória, que percorre o espaço a 104.000 km/h.

A Bíblia nos adverte a respeito das trevas terríveis que estão nos corações dos servos de Satanas, uma malignidade tão grande que dificilmente conseguimos compreender:

"Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira." [João 8:44].

"Atende a tua aliança; pois os lugares tenebrosos da terra estão cheios de moradas de crueldade." [Salmos 74:20].

"Porque o que eles fazem em oculto até dizê-lo é torpe." [Efésios 5:12].

É um grande engano imaginar que a malignidade deste mundo vem somente de Satanás. Ela também vem dos corações daqueles que o servem:

"Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, fornicação, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias." [Mateus 15:19].

O Secreto Conselho

Estas pessoas se esforçam por meio de suas perversões ocultas a agradar Satanás. Elas são atraidas uma para as outras por suas cobiças e trabalham em conjunto para implementar o plano de seu mestre infernal. É este elemento cooperativo que é muito perigoso. Por meio dele, eles conseguem costurar juntos uma tapeçaria de mentiras que ocultam a verdade da Palavra de Deus das massas da humanidade. É por meio dessa cooperação oculta — "o secreto conselho" — que eles formulam seus planos e colocam em ação os mecanismo que os capacitam a controlar as nações:

"Esconde-me do secreto conselho dos maus, e do tumulto dos que praticam a iniquidade." [Salmos 64:2].

"Por que se amotinam os gentios, e os povos imaginam coisas vãs? Os reis da terra se levantam e os governos consultam juntamente contra o SENHOR e contra o seu ungido, dizendo: Rompamos as suas ataduras, e sacudamos de nós as suas cordas." [Salmos 2:1-3].

Os "reis da terra", a elite extremamente rica que controla este mundo, está trabalhando em conjunto e em segredo para se opor ao Senhor e ao Seu Filho, Jesus Cristo de Nazaré. Esta é em todo sentido uma "insurreição dos obreiros da iniquidade". Comentaristas modernos podem chamá-los de Illuminati, a Elite Babilônica, ou usar algum termo similar, mas independente de qual termo seja usado para descrevê-los, eles existem! E eles estão muito, muito atarefados.

Eles querem destruir o verdadeiro Cristianismo e substitui-lo por uma versão falsificada, como aquela ensinada pelo Vaticano. Eles querem dissolver a soberania das nações e criar um governo mundial. Eles querem se desfazer da Bíblia, especialmente das traduções fidedignas e substitui-las por uma falsificação anestésica que ensine uma filosofia vaga de Nova Era. Eles querem que os cristãos em toda a parte preguem um "evangelho" aguado do Curso Alfa, venerem Maria, descubram a "presença real" no pão da comunhão, cantem hinos ecumênicos e esvaziem suas mentes com a oração contemplativa.

Na verdade, eles querem que os cristãos façam qualquer coisa, exceto permanecer na Rocha e, em nome de Jesus e seu santo sangue, expulsar Satanás da igreja! Eles querem um mundo povoado por "cristãos" professos que são ingênuos demais, analfabetos demais, tímidos demais e rasos demais para reconhecer o mal, que não sejam nascidos de novo realmente e que sejam, portanto, incapazes de falar com autoridade em nome de Jesus. Na análise final, eles querem que os "cristãos" não representem ameaça alguma para as hordas de demônios que possuem a elite secreta. Quando eles chegarem a este estágio, talvez mais cedo do que imaginamos, uma malignidade realmente chocante inundará o mundo inteiro.



Apêndice A

As 50 Principais das 147 Companhias Superconectadas

1. Barclays PLC. 26. Lloyds TSB Group PLC
2. Capital Group Companies Inc 27. Invesco PLC
3. FMR Corporation 28. Allianz SE
4. AXA 29. TIAA
5. State Street Corporation 30. Old Mutual Public Limited Company
6; JP Morgan Chase & Co 31. Aviva PLC
7. Legal & General Group PLC 32. Schroders PLC
8.Vanguard Group Inc 33. Dodge & Cox
9. UBS AG 34. Lehman Brothers Holdings Inc*
10. Merrill Lynch & Co Inc 35. Sun Life Financial Inc
11. Wellington Management Co LLP 36. Standard Life PLC
12. Deutsche Bank AG 37. CNCE
13. Franklin Resources Inc 38. Nomura Holdings Inc
14. Credit Suisse Group 39. The Depository Trust Company
15. Walton Enterprises LLC 40. Massachusetts Mutual Life Insurance
16. Bank of New York Mellon Corp 41. ING Groep NV
17. Natixis 42. Brandes Investment Partners LP
18. Goldman Sachs Group Inc 43. Unicredito Italiano SPA
19. T Rowe Price Group Inc 44. Deposit Insurance Corporation of Japan
20. Legg Mason Inc 45. Vereniging Aegon
21. Morgan Stanley 46. BNP Paribas
22. Mitsubishi UFJ Financial Group Inc 47. Affiliated Managers Group Inc
23. Northern Trust Corporation 48. Resona Holdings Inc
24. Société Générale 49. Capital Group International Inc
25. Bank of America Corporation 50. China Petrochemical Group Company
* Lehman ainda existia naquele tempo (2007).



Apêndice B

Outros Ensaios Que Contêm Materiais Relacionados com uma ou Mais das 15 Fraudes



Autor: Jeremy James, artigo em http://www.zephaniah.eu
Data da publicação: 1/3/2017
Transferido para a área pública em 2/11/2017
A Espada do Espírito: http://www.espada.eti.br/falsaciencia.asp